Banner 1

Banner 1

quarta-feira, 13 de abril de 2016

Policial flagra traição em motel e morre durante troca tiros com amante da mulher

 



O ex-policial militar Jaime Damião Mariano Pavel, 30 anos, foi morto durante uma troca de tiros com o agente da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core) da Polícia Civil Leonardo Cabral de Araújo, 41 anos. 

De acordo com o Extra, Jaime teria flagrado a mulher saindo de um motel no Rio de Janeiro acompanhada de Leonardo. 

O policial militar ficou do lado de fora aguardando a saída do casal na noite desta terça-feira, dia 12.

Segundo a polícia, os dois trocaram tiros no confronto e foram levados ao hospital. Jaime foi atingido em um dos ombros, na coxa esquerda e na mão direita. Ele acabou morrendo na unidade. 

O estado de saúde de Leonardo ainda inspira cuidados. Ele foi atingido na região da cintura e passou por uma cirurgia. A mulher não teve ferimentos.

Testemunhas relatam que o ex-PM já desconfiava da traição da esposa. Eles estavam casados há cerca de cinco meses, mas a relação teria mais tempo. Os dois tinham um filho. 

Naquela noite, a mulher teria dito ao marido que iria para faculdade, quando, na verdade, foi encontrar o amante. 

Jaime seguiu a esposa até o motel e aguardou a sua saída com o amante para fazer o flagra e abordá-los. Moradores da região disseram ter ouvido pelo menos sete disparos.

Os dois portavam pistolas de calibres diferentes. A arma de Jaime, que que estava afastado da Polícia Militar e trabalhava como taxista, seria de seu pai, que pertenceu ao Exército.

O caso está sendo investigado na Delegacia de Homicídios do Rio de Janeiro.

Fonte: Zero Hora

Nenhum comentário:

Postar um comentário