Banner 1

segunda-feira, 18 de abril de 2016

Ex-prefeito de Arraias (TO), Wagner Gentil, diz que rejeição de contas não o deixa inelegível


Semana passada publicamos que o ex-prefeito de Arraias (TO), Antônio Wagner Barbosa Gentil, no exercício de 2012, foi multado no valor de R$ 2.000,00 por irregularidades em suas contas, apontadas em auditoria. 


De acordo com o Tribunal de Contas do Estado (TCE), Alessandro Abreu Lopes, responsável pelo Controle Interno, também foi multado em R$ 1.000,00 e Katia Pereira Gonsaga, contadora da prefeitura, no valor total de R$ 250,00.

Hoje o ex-prefeito Wagner Gentil informou que as contas consolidadas, que torna o gestor inelegível, todas elas, de 2009, 2010, 2011 e de 2012, foram aprovadas, por unanimidade, sem ressalvas pelo TCE.

Ainda de acordo com Gentil, as contas de ordenador (essa que foi alvo da notícia) e que só é analisadas pelo TCE,  por enquanto, não torna o gestor inelegível.

"O Supremo futuramente deve mudar este entendimento, mas por enquanto o gestor não fica inelegível. 

De qualquer maneira, este parecer é parcial e meu advogado e contador estão preparando o recurso e tenho certeza que o parecer será revertido. Pois são 4 itens simples que gerou a rejeição", disse o ex-prefeito.

Nenhum comentário: