Banner 1

sexta-feira, 15 de abril de 2016

Bandidos explodem Carro-Forte em Niquelândia (GO)





A policia Civil está investigando o roubo a um carro-forte, ocorrido na tarde de quinta-feira (14), na rodovia GO-237, entre as cidades de Uruaçu e Niquelândia, no norte de Goiás.

Segundo informações do Jornal Diário do Norte, uma Hillux, ainda em movimento, emparelhou-se com o carro-forte, em plena rodovia, e os ladrões efetuaram vários disparos, em direção do veículo.

Os vigilantes reagiram. Em meio ao tiroteio, os funcionários da empresa de transporte de valores ficaram sem munição, momento em que a caminhonete parou a uma distância de 20 metros do carro-forte.

Cercados, os dois vigilantes conseguiram fugir e se esconderem no matagal, às margens da rodovia. 

Os bandidos se aproximaram do carro-forte, detonaram os explosivos e tiveram acesso ao cofre onde estavam os pacotes de dinheiro.

A informação é de que o carro-forte tinha recolhido dinheiro de agências bancárias da região central de Niquelândia, antes do veículo seguir viagem para Uruaçu.

Além disso, ainda de acordo com o comandante da PM em Uruaçu, o dispositivo programado para liberar um jato de espuma (que endurece em poucos segundos para proteger o conteúdo do cofre) foi arremessado a distância de 30 metros do carro-forte.

“Os vigilantes nos informaram que eles fugiram por uma estrada vicinal. Fazendeiros das imediações nos deram informações - um pouco desencontradas – que um veículo com as mesmas características da SW4 teria sido visto na região da balsa do Rio Maranhão. 

Viaturas de nossas equipes em Barro Alto e de Padre Bernardo – já que os criminosos também poderiam sair pela região do Rio Vermelho rumo à BR-414 pelos povoados do Faz Tudo e do Quebra-Linha – também foram acionadas mas eles não foram localizados”, detalhou o comandante da PM em Uruaçu.

Ainda de acordo com o tenente-coronel, depois que o vidro traseiro da SW4 foi quebrado com os disparos dos vigilantes, ambos notaram que uma espécie de chapa de aço havia sido instalada dentro da tampa do porta-malas para proteger os criminosos durante a troca de tiros.

O oficial disse que a Prosegur atende as agências bancárias da região de Uruaçu a partir do escritório que a empresa possui em Ceres. 

O caso será investigado pela Polícia Civil de Niquelândia, responsável pela área onde ocorreu o assalto na GO-237.

Em nota, a Prosegur informou que "está à disposição das autoridades policiais para ajudar no que for necessário durante as investigações".

Segue abaixo, na íntegra, o posicionamento da Prosegur sobre o assalto.


"A Prosegur confirma o assalto ocorrido a um carro-forte da empresa na tarde de ontem (14/4) na Rodovia GO-27, entre os municípios de Uruaçu e Niquelândia, em Goiás. 

Nenhum dos funcionários foi feriado durante a ação. A empresa está à disposição das autoridades policiais para ajudar no que for necessário durante as investigações."

Com informações do Diário do Norte

Nenhum comentário: