Banner 1

sexta-feira, 11 de março de 2016

Riqueza: produção de tomates em São João da Aliança



Por Elias Alves, 

Poucas pessoas se dão conta da importância para o município destes empreendedores. 

Em uma rápida conversa com Aldenário, que é um dos maiores cultivadores do fruto na região, é possível dimensionar a grandeza deste grupo. 

Gerando mais de 500 empregos diretos e cerca de trezentos empregos indiretos, a produção e o comércio do tomate, tem alavancado o comércio local de São João D’Aliança. 

Isto posto que as produções em grande escala de grãos, como soja e milho, geralmente tem a mão de obra reduzida, por conta dos maquinários de última geração. 

Enquanto na lavoura de tomate, praticamente todo trabalho é feito manualmente. 

Por serem na sua maioria, trabalhadores que vieram de outras cidades como, por exemplo: Anápolis, Corumbá, Leopoldo de Bulhões, Bonfinópolis, Goianápolis, Alexânia e Abadiânia. 

Os trabalhadores do tomate, não possuem, em sua maioria, residência fixa. Hoje, cerca de 400 imóveis da cidade de São João D’Aliança, estão locados para esses trabalhadores. 

Muitas vezes, pela minoria, são discriminados, pela maneira de vestir, de falar, de se portar e principalmente por serem estrangeiros. 

No entanto, qualquer pessoa que consiga visualizar um palmo adiante do nariz, irá considerar a importância destes trabalhadores. 

Parabéns a todos vocês que com, sabedoria, galhardia e sobretudo imbuídos de muita disposição, tem promovido riquezas e divisas para o município de São João D’Aliança e região.

Nenhum comentário: