Banner 1

Banner 1

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Mulher que matou comerciante em Guarani de Goiás, também invadiu a prefeitura de Posse, um velório e gravou vídeo de ameça de morte ao prefeito Gouveia

Prefeitura de Posse (GO)
A mulher acusada de assassinar, em Guarani de Goiás, o comerciante Joaquim Neves, no último dia 23 de janeiro, dias antes, gravou um vídeo fazendo ameaças de morte ao prefeitura de Posse (GO), José Gouveia. 

Ela também teria invadido a prefeitura de Posse, atirando pedras, e depois, no mesmo dia, invadiu o velório do Dr. Jésus Barbosa para também ameaçar o prefeito. 

A polícia foi chamada e a mulher foi retirada do local.

Em seguida, ela foi para Guarani de Goiás, cidade vizinha, e lá matou o comerciante Joaquim Neves, conhecido carinhosamente na cidade como "Kinka".

De acordo com as informações da polícia, Joaquim Neves foi covardemente atingido por golpes de facas, desferidos pela mulher e sem motivos aparentes. 

Ela seria viciada em álcool e aparenta sofrer de possíveis problemas mentais, segundo testemunhas.

Joaquim chegou a ser socorrido para o hospital de Posse (GO), mas não resistiu e morreu. 

A mulher, que não teve a identidade revelada, foi presa em Guarani de Goiás e depois transferida para o presídio do Posse (GO).

Ela deve responder por homicídio qualificado. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário