Pular para o conteúdo principal

Curso de Letras em Campos Belos promove o II Encontro Sociolinguístico Cultural da UEG. Campanha vai arrecadar alimento para lar de idosos



Por Jannekelly Franco,

O curso de Letras, Câmpus Campos Belos-GO, promove, na próxima semana, o II Encontro Sociolinguístico Cultural da UEG 

O evento é coordenado pela professora JanneKelly Franco Janner e ocorre na quarta-feira (21), às 18:15h, no Rotary Club, em Campos Belos-GO.

Na oportunidade haverá uma série de atividades, como uma palestra com a Professora Doutora  Tânia Ferreira Rezende- UFG- Goiânia, além de apresentações culturais, como música, dança, teatro, dentre outras atrações.

No ensejo, vai ser realizada uma campanha , chamada de “Coração Solidário”, que deve arrecadar a doação de 1 Kg de alimento não perecível, no ato da inscrição. 

As inscrições estão acontecendo a partir de hoje, (15) na Universidade Estadual de Goiás, às 20:30h e se estenderá até o dia 21, no Rotary Club.

Vale ressaltar, que esta Campanha tem o intuito de ajudar algumas instituições, como o Lar dos idosos, mais conhecido como “Lar da Baiana”, o Abrigo e algumas famílias carentes.

Para a Profª JanneKelly Franco Janner, coordenadora do Evento,  o II Encontro Sociolinguístico Cultural da UEG tem o intuito de integrar a comunidade acadêmica e a sociedade local, externa à Universidade, a fim de esclarecer, por exemplo, sobre o preconceito linguístico. 

Preconceito Linguístico 

O preconceito Linguístico é presente na mídia, escolas e em nosso cotidiano. Ainda é muito questionado o “falar bem” e o “falar errado” por muitas pessoas que não detém conhecimento acerca do assunto.

Sobre o tema “Preconceito Linguístico”, questiona-se: “Como o preconceito Linguístico é fomentado pela sociedade atual?”, “Por que nesse mundo globalizado, ainda há preconceito Linguístico?”, “Onde é mais alimentado esse problema?”, “Como fazer para combater isso?”

A sociolinguística é o ramo da Linguística que se preocupa em explicar as variações linguísticas e validá-las como inerentes à comunidade de fala, pois, todos devem entender como ocorrem os fatos linguísticos para não discriminar alguém por sua maneira de falar.

Pesando nesta proposta, a Profª Tânia Ferreira Rezende, UFG-Goiânia, Doutora em Estudos Linguísticos pela Universidade Federal de Minas Gerais, Propõe discutir em uma palestra, sobre a fala goiana, com base no acervo de língua oral do Labolinggo, nos resultados do Alinggo e em resultados de pesquisas sobre fenômenos sociolinguísticos específicos de comunidades goianas.

Segundo a Profª Tania Rezende, o sotaque de um povo, para além das combinações sonoras, da prosódia e da entonação, mostra quem é e de onde vem o falante; é a alma coletiva do povo, sua visão de mundo, seu modo de estar no mundo, que se expressa na fala dos indivíduos. 

Por isso, o reconhecimento de uma comunidade, por meio do seu modo de falar, é tão comum quanto o reconhecimento de parentes pelos traços físicos semelhantes. Um povo compartilha de uma forma de ser e de viver, de se situar no mundo e de agir sobre o mundo. 

Esse é seu sistema de referência, do qual a língua é componente fundamental, porque falar uma língua é viver dentro do mundo construído e expresso por essa língua. 

O sistema de referência de um grupo fornece as bases de construção das significações, representações e interpretações da realidade que permitem ao grupo estabelecer alianças entre si, sem, contudo, eliminar a possibilidade de conflitos. 

Assim, da configuração dessa aliança emergem as marcas identificadoras do grupo, expressas na linguagem, por meio de escolhas lexicais, combinações sintáticas, construção de sentidos e atribuição de sentidos às coisas do mundo, e pela preferência por combinações sonoras particulares. 

E pela emergência dos conflitos essas escolhas entram em variação e, muitas vezes, culminam em mudanças sociais, culturais e linguísticas. Por isso, dentro de um mesmo grupo, sempre há práticas sociolinguísticas, de alguma maneira, diferenciadas.

Com o intuito de divulgar o assunto, a Universidade Estadual de Goiás, Câmpus Campos Belos e o Departamento de Letras convidam todos a participar desse Encontro.

Sua participação é muito importante!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Urgente: Polícia frusta assalto a banco, em Campos Belos (GO). Há bandidos mortos. Gerente do Banco do Brasil foi sequestrado

Uma mega operação da Polícia Militar de Goiás, da Polícia Civil e da Polícia Militar do Tocantins frustou o que seria um dos maiores assaltos a banco de Campos Belos, no nordeste de Goiás. 
Ação da polícia ocorreu ainda há pouco. 

Ao menos oito homens fortemente armados se preparavam para assaltar e tocar o terror na cidade, quando foram interceptados e trocaram tiros com a Polícia. 

Há muitas viaturas da polícia nas ruas da cidade, parte do comércio fechou e há até um helicóptero da polícia civil dando apoio às operações da PM. 
As informações ainda são desencontradas.

Nos veículos dos bandidos foram encontrados fuzis e várias armas de fogo. 

Segundo informações, há mortos entre os bandidos.  

De  acordo com o major Carvalho, Comandante da PM em Campos Belos, os bandidos chegaram a sequestrar o gerente do Banco do Brasil e a família.

Ainda de acordo com o oficial, o gerente e a família foram libertados, sem ferimentos e confirmou que dois bandidos foram mortos. 

Seis estão foragidos. Ousados,…

Feminicídio brutal: Homem mata esposa e filho, em Campos Belos (GO)

Uma noite terrivelmente trágica abateu a cidade de Campos Belos, neste sábado (2). 

Um homem armado no setor Bom Retiro, identificado como Joecilio Pereira da Silva, de 38 anos, um pedreiro atuante em Campos Belos, voltou para a residência e iniciou uma forte discussão com a mulher dele, Catiane da Silva Dias, de 37 anos, uma cabeleireira da cidade.

As primeiras informações dão de conta que a mulher pediu a separação do casal.

Atordoado e sem aceitar a separação, ele teria passado o sábado bebendo em um bar próximo e no início da noite voltou para casa com a intenção de cometer o crime de feminicídio.

Um dos filhos do casal, Diemerson Pereira Dias, um estudante de 18 anos, partiu em defesa da mãe, quando o homem sacou uma arma e atirou duas vezes contra a mulher e depois deu outros dois tiros contra o filho.

Ambas as vítimas foram atingidas e morreram no local.

O segundo filho do casal, uma adolescente de 15 anos, fugiu da cena criminosa, temendo também ser assassinada pelo pai.

Os …

Milagre: em Novo Alegre (TO), carro capota, criança é arremessada e fica pendurada em árvore

Um verdadeiro milagre. É assim que pode ser descrito o fato que ocorreu nesta sexta-feira (15), numa rodovia estadual, no sudeste do Tocantins. 

Era por volta das 6h da manhã, quando um veículo Fiat Uno preto, placas JDU-3158, de Brasília (DF), capotou na rodovia TO-110, entre as cidades de Novo Alegre e Combinado (TO). 
No carro, seguiam duas mulheres e uma criança numa cadeirinha de bebê. 
Em determinado momento, a motorista do Fiat perdeu o controle do carro, que capotou diversas vezes, saiu da pista e foi parar em um barranco próximo ao leito da rodovia, totalmente destruído.  
O acidente ocorreu após dois km da cidade de Novo Alegre, sentido Combinado, na entrada de uma fazenda, de propriedade de "Dona Florinda".

No momento do capotamento, a criança, que estava na cadeirinha de bebê mas sem o cinto de segurança, foi arremessada violentamente para fora do veículo e jogada para cima de uma árvore.
Ela não caiu e ficou pendurada nas galhas de um cajueiro, numa altura de cerca de…