sábado, 25 de abril de 2015

Série de reportagens: Novo Alegre (TO) tem como destaque as terras férteis, pecuária de corte e a tradicional vaquejada


Autor: Vanderly Fonseca Santos



Por Jefferson Victor, 

Localizada no sudeste do Tocantins, Novo Alegre chegou à condição de município em 1991.  

Possui uma população estimada de 2.500 moradores e tem uma área de apenas 200 km,² sendo considerado um dos menores do estado.

Novo Alegre é mais um município desmembrado do território Arraiano e, a exemplo de Combinado (TO), tem uma das melhores faixas de terras do Brasil, por isso são tão valorizadas.

Novo Alegre é conhecido em toda região pela famosa vaquejada, que acontece sempre no mês de julho e a cada ano atrai um número maior de participantes.

São Francisco de Assis é o padroeiro e as festividades são iniciadas no dia 25 de setembro e terminam em 04 de outubro.

Neste período, são montadas barracas ao longo da avenida principal, com bares, ambulantes e muitos outros segmentos, para a alegria de seus moradores e visitantes.

A principal atividade econômica do município é a pecuária. 

O município possui um grande rebanho bovino, sendo que várias propriedades desenvolveram a genética através de inseminação artificial e introdução de touros premiados, e com isso, os animais da localidade sempre se destacam nas feiras agropecuárias da região.

A agricultura não chega a ser significativa. 

São pequenas as plantações de arroz, feijão, milho, mandioca para a produção de farinha e  lavouras de cana, onde são produzidas rapaduras e aguardente de qualidade.

O comércio ainda é modesto e grande parte da população faz suas compras em Campos Belos (GO), local que faz fronteira com o município e que tem um comércio mais diversificado, oferecendo maiores opções aos visitantes.

Assim como a maioria dos municípios da região, não há grandes empreendimentos por parte do governo do estado, até mesmo o ginásio de esporte continua inacabado, situação idêntica em outras cidades vizinhas.

A exemplo de muitos outros municípios regionais, são poucas as opções de trabalho e estudo, e com isso muitos novo alegrenses migram para os grandes centros em busca de melhores oportunidades.

Assim como acontece com Aurora do Tocantins (TO) e Combinado (TO), muitos estudantes estão matriculados em universidades de Campos Belos e Arraias e são transportados por ônibus cedidos pela prefeitura.

Os estudantes viajam cerca de 100 quilômetros, cinco dias na semana, por um período de quatro anos, até conclusão do curso. Não é fácil a labuta para aqueles que desejam terminar os estudos. 

Novo Alegre faz parte de um grupo de municípios que necessitam de uma melhor presença do estado. 

É preciso melhor infraestrutura, que se crie melhores oportunidades de emprego, e renda, e que não sejam lembrados apenas em períodos eleitorais, oportunidade em que se renovam esperanças com as promessas, e em seguida se transformam em desilusões.







Um comentário:

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.