domingo, 31 de agosto de 2014

Iris faz carreata em seis cidades do nordeste goiano: "Vamos trabalhar para a recuperação da Celg"




O candidato ao governo do Estado pela Coligação Amor por Goiás, Iris Rezende (PMDB), realizou carreata no nordeste goiano nesta terça-feira (26/8). 

O governadoriável passou pelas cidades de Campos Belos, São João D'Aliança, Alto Paraíso, Cavalcante, Teresina de Goiás e Monte Alegre, São Domingos, Divinópolis de Goiás, Alvorada, Iaciara e Posse.

Junto com os candidatos a vice-governador, Armando Vergílio (SDD), e a senador, Ronaldo Caiado (DEM), pela coligação, Iris afirmou que vai trabalhar para atrair indústrias para a região e, assim, promover o desenvolvimento local.

Em Campos Belos o compromisso atrasou o início em 10 minutos devido a uma queda de energia na cidade. “No meu governo, esse tipo de situação não irá acontecer. Vamos trabalhar para a recuperação da Celg”, afirmou o peemedebista.

Fonte: Comitê de Campanha do PMDB

Pesquisa de "O Popular": Marconi Perillo venceria já no 1º turno

Pesquisa divulgada neste domingo pelo jornal O Popular mostra p governador Perillo (PSDB)com 39,2% e 15 pontos à frente de Iris Rezende (PMDB), o segundo colocado.
Pela primeira vez, Marconi Perillo aparece na Serpes com chances de vitória no 1º turno; soma das intenções de voto da oposição atinge 39,6%, apenas 0,4 a mais que o tucano; levantamento foi realizado após a primeira semana de propaganda eleitoral e mostra queda de Iris.
O levantamento foi realizado após a primeira semana de propaganda eleitoral e Iris caiu 2,1 pontos e Marconi subiu 1,6. "Assim, a soma das intenções de voto da oposição alcança 39,6% – apenas 0,4 porcentual à frente de Marconi. 
Considerando os votos válidos, o tucano teria 49,7%. Para vencer no primeiro turno, é preciso alcançar mais da metade dos votos válidos (50%+1)", diz o texto do jornal.
Vanderlan Cardoso (PSB) ficou com 8,7% das intenções de voto. O candidato Antônio Gomide (PT) tem 5,2%. Os professores Weslei Garcia (PSOL) e Marta Jane (PCB) aparecem com 0,6% e 0,5%, respectivamente. O advogado Alexandre Magalhães (PSDC) tem 0,4%.
A margem de erro da pesquisa é de 3,46 pontos porcentuais para mais ou para menos. O instituto ouviu 801 eleitores em 36 municípios.
Outra Pesquisa
O Jornal Opção também divulga pesquisa do instituto Fortiori confirmando os mesmos números.
Segundo o Fortiori, Marco­ni Perillo registrou 41% das intenções de voto, o que significa crescimento de 3% em relação ao levantamento anterior, realizado no início do mês. 
Entre abril e agosto, o candidato à reeleição cresceu 7%.
No mesmo período, Iris Rezende , segundo colocado, caiu 4%, fe­chando no Fortiori com 25%. 
Na terceira posição, Vanderlan Car­doso e Antônio Gomide aparecem rigorosamente empatados, com 7%. Gomide variou negativamente 2 pontos de abril até agora, enquanto Vanderlan perdeu metade das intenções de voto no mesmo período, caindo de 14% para os atuais 7%.
Segundo os cálculos do Jornal Opção, em votos válidos Marconi alcançou o percentual de 49,5%, o que significa que faltam apenas 16 mil votos para consolidar a vitória no primeiro turno. 
Na pesquisa Serpes/O Popular, Marconi chega um pouco mais adiante e fecha com 49,7% dos votos válidos, ou uma pequena distância de 10 mil votos para vencer em turno único.

Hoje em Arraias (TO): Espetáculo "Ninguém Matou Suhura"



Patrocinado pela Fundação Cultural de Palmas, através do Programa Municipal de Incentivo à Cultura – Promic 2013, “Ninguém matou Suhura” é uma obra que dialoga com a literatura moçambicana da escrita Lília Momplé. 
O resultado apresentado é fruto do trabalho desenvolvido desde 2012 pelo diretor paulista Juliano Casimiro dentro da Universidade Federal do Tocantins, por meio do curso de extensão “Corpo, Narrativa e Significação - diálogos entre a criação corpo/vocal e o desenvolvimento humano”.

Conta com bolsistas da própria universidade, alunos, integrantes da comunidade e as servidoras da Secretaria Estadual de Educação e Cultura que participam do curso por meio de uma parceria e poio entre a UFT  e Seduc.
Depois da primeira temporada do espetáculo Suhura, que aconteceu em maio e junho, o espetáculo seguirá em turnê por todos os Campus da UFT iniciando em Arraias em 30 e 31 de agosto e segue para Tocantinópolis, Miracema, Rio Sono, Araguaína, Porto Nacional dia 07 dezembro em Gurupi respectivamente.
 Sinopse
Ninguém matou Suhura, primeira parte da trilogia cênica Identidade Tocantinenseé uma composição poética cênica livremente inspirada na obra homônima da escritora moçambicana Lília Momplé.

Em cinco contos, a autora empreende um projeto ficcional que explicita certa memória social africana das relações de dominação sofridas frente à Portugal, que estão igualmente no cerne da cultura brasileira. 
Nesta direção, o espetáculo constrói-se como um nexo de sentido imagético-sonoro-poético que desliza pelas violências e arbitrariedades do colonialismo português, aproximando a história de Moçambique da brasileira. 

Longe de pretender narrar uma história (fábula), o espetáculo propicia entre atores e fruidores uma experiência estética de encontro com imagens e sonoridades emergidas na crueza da violência e da melancolia histórica que fazem parte da origem da nossa identidade.
Sobre a obra
A partir da perspectiva da Composição Poética Cênica, Ninguém matou Suhura é uma produção de cunho intimista, pensada para espaços não edificados para fins teatrais, ainda que mantenha em sua estrutura a frontalidade da relação palco-plateia. 
Organizada sobre a primazia da imagem corporal e acústica, a encenação se constrói de dentro da própria cena: a totalidade da sonoridade do espetáculo é realizada pelos próprios atores, prioritariamente em coro, e em ato, bem como a dramaturgia da iluminação e a manipulação dos figurinos. 
A cenografia do espetáculo se constrói paulatinamente dentro da própria cena, com a utilização de corpos, água e terra. A iluminação transita entre a luz quente e dispersa do fogo e a luz fria e pontual de lanternas. 
O mesmo figurino recebe tratos diversos para diferenciar dominados de dominadores, sem com isso adentrar o universo da personagem. Em resumo, Ninguém matou Suhura é uma iniciativa estética de trânsito entre a atualidade e a virtualidade da ação corpo/sonora no contexto de relações de dominação e submissão, muitas das vezes, consentida.
Ficha técnica
Diretor geral: Juliano Casimiro de Camargo Sampaio
Diretor musical: Heitor Oliveria
Figurino: Kelly Barros da Silva
Assessoria de imprensa: CleudaMilhomem
Produção: Kelcy Marcela Emerich e Marina Kamei
Elenco: Amanda Diniz Gonçalves, CleudaMilhomem,Diego Santos, Dayhan Lopes, Filipe Porto, Kelcy Marcela Emerich, Kelly Barros da Silva,  Luciana Pegoraro, Marina Kamei, Roni Bianchi, Roseli Bitzcof, Sílvia Gonçalves de Lima Soares,  Wellison Dourado,
Apoio: Darcilene Coelho, Ana Paola, Vicente Elias  
Fonte:  Conexão Tocantins 

sábado, 30 de agosto de 2014

Entre os grandes: Messi, Douglas e Piqué


O técnico do Barcelona, Luis Enrique, exaltou a chegada do lateral direito Douglas ao elenco do time catalão. Em entrevista coletiva neste sábado, o treinador destacou que o brasileiro dará importante contribuição ao sistema ofensivo do clube, se encaixado ao perfil desejado pela comissão técnica.
" Era o que queríamos. Nos trará muitas coisas ao ataque e tem qualidade na disputa do um a um. Seu posição é pelo lado, com versatilidade", destacou.
Douglas realizou neste sábado seu primeiro treinamento com os demais jogadores do Barça. O ex-jogador do São Paulo não tem data de estreia definida. Douglas se recuperou recentemente de lesão na coxa esquerda e vinha treinando normalmente no time do Morumbi.
O contrato do lateral com o Barcelona é válido por cinco temporadas. Douglas ganhou a camisa 16.
No treinamento deste sábado, o Barcelona apresentou outra novidade: Neymar, que voltou a atuar com os demais jogadores. O atacante se recuperou de entorse no tornozelo. Douglas falou sobre atuar ao lado de Neymar e outras estrelas do Barça. 
"São craques. Joguei contra Neymar no Brasil e ele é um craque sensacional, que representa muito bem a camisa da seleção brasileira", elogiou.
Fonte: UOL

Sobre a Nota do Vice-Governador, leitor questiona


"Dinomar, por questões óbvias de vivermos num disfarçado Estado "poliacialesco" e "ditatorial", pretendo ficar anônimo. 

Quero que você só publique estas linhas depois de confirmar a veracidade: o programa eleitoral deste candidato afirmou haver comprado 50 caminhões de lixo para a Prefeitura de Goiânia. 

Mas a verdade é que havia um convênio para comprar 23 CAMINHÕES, cuja primeira parcela do convênio de 5,6 MILHÕES, no valor de 2,8 MILHÕES fora depositado pelo Governo do Estado faltando apenas 4 minutos do último dia do prazo. 

Fizeram o depósito COM O DÍGITO DA CONTA ERRADO para o dinheiro não cair na conta da prefeitura. SITUAÇÃO IGUAL A UM CHEQUE SEM FUNDOS, que vai ao banco e VOLTA...

Depois, a campanha desse candidato aí dizer que os outros ATACAM-NO é brincadeira. 


O pior de tudo que ELE FAZ é atacar MENTINDO: dizer que COMPROU 50 CAMINHÕES para a prefeitura, quando NÃO REPASSOU nem a metade do convênio que era para a compra de 23 caminhões..

Tem os mais de 500 MILHÕES gastos com propaganda enganosa; tem o AUMENTO DA DÍVIDA PÚBLICA DE GOIÁS; tem muita coisa que poderia ser levantada... 

UFC Político: quem vai enganar mais? façam suas apostas!!


Por Jefferson Victor, 
A temporada de caça aos votos foi aberta. 
Armados de muita mentira e ilusão, milhares de candidatos iniciam suas jornadas em busca de um mandato que lhes proporcione fama, poder e acima de tudo dinheiro.

Ninguém entra nesta área por ideologia, todos ali buscam cumprir seus objetivos pessoais. Ao contrário do que pregam, nenhum está preocupado com o bem estar do  povo, prova disto é que quando se elegem camuflam em seus gabinetes e dali só saem em ocasiões especiais, já prevendo uma reeleição.

Durante três longos anos estes políticos não frequentam velórios, hospitais e eventos religiosos, nada que possa coloca-los frente ao eleitor, correm risco de serem cobrados em favores ou promessas políticas.

Nesta época entra em cena os famosos cabos eleitorais, alguns mal intencionados enchem os bolsos de dinheiro. Procuram um candidato desavisado que acreditando no prestígio político desses senhores, apostam todas suas fichas, só depois conhecem a triste realidade.

A ambição de alguns é tanta, que saem procurando políticos de todos os lados, sabem que não vão dar retorno em votos, mas pelo menos engrossam suas contas bancária.

No horário político você tem a impressão de estar assistindo UFC , é um tal de lutei, estou lutando, vou lutar , melhor seria dizer: enganei, engano e vou enganar.

Pobres eleitores, quanta demagogia, mentiras, enganação , poluição sonora, ruas abarrotadas de carros de som com volume lá em cima atrapalhando quem está em casa ou trabalhando.

Eu assisti alguns comícios este ano, é sempre o mesmo discurso, tudo de bom que tem na cidade foi ele que trouxe, o que não presta ou não tem é culpa do adversário.

Ora, senhores candidatos. Vocês não mudam suas estratégias de enganação, mas os eleitores estão mudados. Temos aqui em nossa região a UEG, Universidade Estadual de Goiás, UFT – Universidade Federal do Tocantins, Faculdade Terra. Além de muitas outras com cursos à distância.

Queremos avisar aos senhores, que mais de três mil pessoas se formaram por estas instituições de ensino até 2013, e que outras mil encontram-se matriculadas, com isso, melhorou muito o nível cultural da região, não subestimem a inteligência e conhecimento do nosso povo.

Vemos velhos políticos ainda hoje apresentando propostas, queremos é prestação de contas daquilo que prometeram no passado e não cumpriram.

A falta de aplausos em seus comícios, é um indício forte de que não estamos acreditando mais em promessas e mentiras. Seus atos são públicos e suas ações são passivas de investigação. A internet nos proporciona isso. Talvez vocês não nos conheçam como eleitores, porém nos os conhecemos muito bem como políticos.

Antigamente íamos aos comícios atraídos por shows artísticos e não tínhamos o senso crítico que temos na atualidade.

Senhores políticos, não se iluda com a nossa presença em seus comícios, muitas vezes não estamos ali lhes prestigiando , e sim analisando suas condutas e esclarecendo aos mais humildes a verdadeira face da política e dos políticos brasileiros.

E por fim, não cometam o erro de dar velhas respostas a novas perguntas. Voto não é mercadoria, mas tem um valor inestimável, voto não é vendido, é investimento em um futuro mais promissor.

“Se os políticos não mudam nossa região, é sinal que devemos mudar esses os políticos.”

Família do pequeno Keyvison Andrey agradece as manifestações de carinho


"Olá bom, dia a todos. Sou Luana, moro em Campos Belos. O pequeno Keyvison Andrey Soares é meu sobrinho. 

Vieram passar o fim de semana na minha casa, comigo, e aconteceu essa tragédia. 

Era um menino feliz e alegre e que trazia alegria a todos. Meu irmão Diego está muito abalado. Mas agradece a todos pelo carinho e pela força. 

Uma perda irreparável. Nossos corações está chorando a falta que você nos faz, pequeno da tia".

Vice-Governador de Goiás: Nota à imprensa pede fim de ataques


Nota à imprensa

Lamento profundamente que a coligação adversária tenha transformado uma cidade do Nordeste do Estado em um palco de horrores, agressões e ofensas a pessoas e famílias. O vale-tudo eleitoral nunca construiu nada. 

Na política, existem adversários, não inimigos; discutem-se ideias, não agressões. A prática política da oposição está enraizada no século passado, assentada em princípios do coronelismo e dos senhores de engenho. 

É o reflexo do desespero de quem se encontra atrás nas pesquisas. O rancor de quem assiste a união dos 21 prefeitos do Nordeste em torno do projeto do governador Marconi Perillo. 

Neste festival de baixarias, reúnem em comício não mais do que poucos gatos pingados que ainda se dispõem a ouvir o que não poderia ser repetido em casas de família. 

Esse comportamento é próprio da arrogância e da prepotência. É próprio de políticos que dizem que não mentem, mas que a cada palavra e a cada olhar, a mentira e a desfaçatez vão se transformando em suas marcas. 

Políticos que dizem que não traem, mas sua trajetória é marcada por punhais cravados nas costas dos amigos, tanto é que não possuem velhos amigos. É próprio daqueles que dizem que não roubam, mas tem o patrimônio construído a base de "herança" e não de trabalho e suor.

Esse ignóbil comportamento ofende a todos os goianos que esperam de seus políticos atitudes respeitosas e decentes. Da parte da campanha do governador Marconi Perillo, temos um compromisso de continuar uma campanha limpa e propositiva. 

Até mesmo porque temos muito o que mostrar daquilo que fizemos e também temos um caminho a apontar para o futuro, consolidando Goiás como um estado justo, equilibrado e próspero. 

Aqueles que vão para o palanque para agredir e xingar, em verdade querem ocultar a completa ausência de ideias e propostas. Simplesmente afloram o seu ódio, rancor e menosprezo a Goiás e aos goianos.

É vergonhoso que os nossos adversários nos forcem a deixar o caminho do bom debate para responder a ataques rasteiros. Talvez um dia Goiás não precise mais conviver com esses expedientes. Até que esse dia chegue, sempre será necessário jogar luz sobre a escuridão. 

Nenhuma mentira prosperará sem encarar a verdade e nenhuma ofensa ficará sem resposta. A todos os goianos, reforço o compromisso de realizar uma campanha de ideias, voltada para o futuro. Infelizmente,alguns candidatos têm os pés fincados no passado.

José Eliton de Figuerêdo Júnior
Candidato à reeleição 

Assalto na GO-118: "hoje vivenciei o medo e o terror"


"Voltando para casa, de Goiânia para Campos Belos, fui vitima da ação de bandidos.

Estávamos quase chegando em casa, acho que faltava uns dez minutos de viaje, quando escutei um barulho.

Pensei que teria sido um pneu estourando.

Logo o ônibus parou. Entrou dois bandidos e anunciou o assalto e o terror começou.

Eles começaram a atirar. Foram três tiros pra cima dentro do ônibus e pediam dinheiro e celulares.

“Quem não tiver dinheiro vai morrer”, diziam.

Em seguida levaram nosso ônibus para o matagal. Pensei, vamos todos morrer.

Um estava com uma máscara da caveira, outro com a máscara do diabo.  Três com revolver, um no volante e outro com um podão (facão).

Depois pediram para os homens descerem e começaram a coleta de todos os nossos pertences. Fizeram a coleta e foram embora, deixando nos lisos.
 
Eu fiquei sem nada. Tudo que era meu, eles levaram.

Mas fiquei com algo mais precioso: a minha vida.

Obrigado Senhor. Bens materiais, trabalho e compro outros."

Lika Santos 

De Monte Alegre de Goiás a Barcelona: Douglas se apresenta e ganha um carrão


 

O lateral Douglas ( de Monte Alegre de Goiás)  é jogador do Barcelona. 

O brasileiro assinou contrato de cinco anos com o clube catalão e foi apresentado na tarde desta sexta-feira, no Camp Nou. O ex-jogador do São Paulo mereceu a pompa que reforços como Luis Suárez tiveram, posando para a tradicional foto ao lado do escudo do clube e indo ao gramado do estádio para se apresentar. Inclusive, ganhou um carrão de presente.

Um pequeno grupo de torcedores acompanhou sua apresentação das arquibancadas do Camp Nou, que estava decorado com totens de "bem-vindo". Douglas vestirá a camisa 16 na equipe catalã, herdada de Sergio Busquets, que, por sua vez, passará a usar a 5 de Puyol, recém-aposentado.
- Desde que cheguei a Barcelona, tudo foi perfeito. Quero viver tudo neste clube e retribuir a confiança em mim. Sempre foi um sonho vestir a camisa do Barça. Sei que terei que trabalhar duro para merecer isso - disse Douglas, que evitou comparações com o estilo de Daniel Alves, a que disse sempre ter admirado.
O defensor comprado ao São Paulo por € 4 milhões (cerca de R$ 12 milhões), mais € 1,5 milhão (R$ 4,4 milhões) caso o jogador atinja um determinado número de partidas. O clube brasileiro terá direito a 60% do total e receberá R$ 9,8 milhões.
Fonte: UOL




sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Polícia prende violentos assaltantes de ônibus da GO-118




A resposta da PM foi fulminante contra os assaltantes que empreenderam terror por duas noites seguidas no nordeste de Goiás.

A Polícia Militar prendeu, na tarde desta sexta-feira (29), a quadrilha responsável por dois assaltos a ônibus, ocorridos nos últimos dois dias, na GO-118, entre Campos Belos e Monte Alegre de Goiás. 

Desde as primeiras horas da manhã de ontem (28), logo após a notícia do primeiro assalto na rodovia, quando o bando fez reféns passageiros da linha Goiânia-Arraias, da empresa Real Maia, cerca de 20 policiais, em sete viaturas, saíram no encalço dos marginais. 

As diligências da PM se concentraram no assentamento Marcos Correia Lins, situado na antiga fazenda Caraíba, no município de Monte Alegre de Goiás. 

Na localidade, primeiramente foi abordada uma moto, com placas da Cidade Ocidental (GO), com notícia de furto. 

Logo em seguida, os policiais cruzaram com os suspeitos, componentes do Golf Placa JGI-4659-DF, que passaram em alta velocidade por uma das viaturas.

Já em alerta, todas as equipes de policiais envolvidas na operação fizeram um cerco naquele perímetro rural, bloqueando todas as saídas do assentamento.

Logo em seguida, uma viatura, comandada pelo capitão Carvalho, e composta pelos militares cabo Narciso e soldado Madureira, visualizou o carro suspeito e o perseguiu, até  quando o bando abandonou o veiculo e fugiu por dentro de um canavial.

Minutos depois, os algozes dos passageiros entraram numa mata fechada, que foi cercada pelos policiais, em várias frentes.

A fuga dos bandidos não durou muito, pois cerca de 7 km adiante, os três foram capturados:

Mateus de Jesus Araújo, de 18 anos, natural de Luziânia e residente na Parque Estrela Dalva, naquela cidade do entorno do Distrito Federal.

E Ramires Valentino de Abreu e  Wesley Gonçalves Neves, ambos de 18 anos, naturais de Novo Gama e residentes no Parque Alvorada. 

Os bandidos confessaram os crimes de roubo praticados contra os passageiros dos dois ônibus e entregaram todo o material levado das vítimas.

O material roubado estava escondido em um lote do assentamento, que pertencia ao suposto líder da quadrilha, identificado como Aleff Darlan Pinto da Costa, de 20 anos. 

A polícia informou que Aleff Darlan dava suporte às ações criminosas e participava ativamente nos roubos.

Foram apreendidos com o bando, dois revolveres, 34 munições, dois facões, que eram utilizados para agredir as vítimas, uma toca ninja, uma balaclava (touca negra), uma mascara de palhaço e uma pequena porção de maconha.

Foram recuperados pelos policiais, 33 celulares de diversas marcas, 10 relógios,  um notebook, um tablete, uma câmera fotográfica, um HD externo, três óculos, um par de brinco de ouro e vários outros pertences pessoais das vítimas.

A polícia também encontrou com os bandidos R$ 1.570 em espécie, R$ 56,66 em moedas e o veiculo Golf usado nos assaltos.

Os três homens foram conduzidos até a delegacia de polícia de Campos Belos, onde foram autuados em flagrante por roubo e formação de quadrilha.

Participaram da operação militar, Capitão Carvalho (comandante da operação) sargentos Orivando, Ivani, Pimentel, Norivaldo, Serrano, os cabos Brandão, Magalhães, Valdecy, Clever, Cipriano, De Farias, Neurismar, Narlan, Narciso, Cavalcante e os soldados Madureira, Bispo, Taveira e Ewerson. 


Fonte e fotos: Polícia Militar em Campos Belos





Já publicamos:  


Quatro homens armados e violentos assaltam ônibus da Real Maia, próximo a Campos Belos



Arraias (TO): homem que decepou mão de ex-mulher pega 18 anos de prisão


Sob acusação do Ministério Público Estadual (MPE), sustentada no tribunal do juri pelo Promotor de Justiça João Neumann Marinho da Nóbrega, José Cláudio Barbosa Malheiros, 38 anos, morador da cidade de Arraias, foi condenado a 18 anos e seis meses de reclusão, por dupla tentativa de homicídio e pela prática de lesão corporal.
O crime teve motivação passional. 
Inconformado com o fim do relacionamento com Aline Veloso de Souza Justino, Malheiros partiu para a agressão ao encontrá-la em um bar, na noite de 25 de novembro de 2013. 
Após agredir a vítima de surpresa, ele desferiu diversos golpes de facão contra ela, decepando-lhe a mão esquerda e atingindo sua cabeça e costas repetidas vezes.
Aline Veloso foi hospitalizada em estado grave. 
O crime de homicídio contra ela só não foi consumado pela agilidade com que um vizinho prestou-lhe socorro e também porque uma outra pessoa, de nome Antônio Carlos Ribeiro, mesmo sendo paraplégico, interveio no momento das agressões em defesa de Aline, entrando em luta corporal com Malheiros.
Durante o embate, Antônio Ribeiro caiu de sua cadeira de rodas, ficando em posição que o impediu de se defender. 
Em decorrência dos golpes sofridos, ele perdeu a força da mão esquerda, importante para a movimentação de sua cadeira de rodas.
Após as agressões contra Aline Veloso e Antônio Ribeiro, sempre fazendo uso de um facão, José Malheiros partiu para o ataque contra uma terceira vítima, Eloá Pereira, causando-lhe lesões corporais leves. 
Este último ataque não teve nenhum motivo aparente, tendo servido apenas para extravasar a fúria do agressor.
José Cláudio Barbosa Malheiros foi condenado por juri popular, no último dia 25. 
Dois promotores de justiça participaram do caso: Reinaldo Koch Filho, que apresentou a denúncia; e João Neumann Marinho da Nóbrega, que acompanhou o processo e sustentou a acusação no plenário do Tribunal do Júri. 
Fonte: MPE
Relembre o caso 

Mulher tem mão decepada por companheiro com golpe de facão em Arraias


Bandidos voltam a atacar ônibus nesta madrugada. Desta vez a empresa São José do Tocantins



Bandidos estão aterrorizando passageiros de ônibus que trafegam pela rodovia GO-118, no trecho entre as cidades de Campos Belos e Monte Alegre de Goiás, no nordeste do estado.

Há dois dias seguidos que eles atacam ônibus que circulam pela estrada.

Desta a vez o grupo assaltou a empresa São José do Tocantins, que faz a linha Goiânia- Arraias (TO).

A investida dos ladrões ocorreu por volta das 5 horas da manhã, bem próximo à cidade de Monte Alegre. 

O assalto foi praticado pelo mesmo bando do golf vermelho, que ontem atacou violentamente um outro ônibus da empresa Real Maia, que faz o mesmo trajeto.

O carro da São José está estacionado, neste momento, em frente à Delegacia de Campos Belos, onde os passageiros prestam depoimento à polícia local. 

As primeiras informações dão conta de que cinco homens estavam no veículo golf, que fez a interceptação e anunciou o assalto. O modos operandi é mesmo: muita violência e intimidação. 

Os assaltantes mandaram os homens desceram do ônibus e já na pista começaram a agredi-los. 

As mulheres ficaram dentro do veículo, sendo assaltadas por outro componente do grupo. 

Após dominaram os passageiros, fizeram um arrastão, levando carteiras, relógios, celulares, alianças, joias e outros pertences pessoais das vítimas.

Ninguém se feriu durante a ação criminosa. 

Neste momento, várias equipes da polícia militar e da polícia civil do nordeste de Goiás estão em busca dos bandidos, que segundo as primeiras informações, possivelmente, residem na região, entre Monte Alegre, Divinópolis e São Domingos. 

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Quatro homens armados e violentos assaltam ônibus da Real Maia, próximo a Campos Belos

Imagem ilustrativa 
Quatro homens, fortemente armados e violentos, assaltaram,  na madrugada desta quinta-feira (28), um ônibus da empresa Real Maia, que faz a linha Goiânia a Campos Belos, nordeste de Goiás. O veículo tinha saído da capital no início da noite.

A investida dos bandidos ocorreu a cerca de 10 km de Campos Belos, na GO-118, próximo à ponte do rio Montes Claros.

Segundo a polícia civil, os bandidos, a bordo de um veículo Golf vermelho, iniciaram a perseguição do ônibus, logo após a cidade de Monte Alegre de Goiás.

Após alcançarem o ônibus, os homens, segundo testemunhas, dispararam vários tiros no veículo, na intenção de amedrontar os ocupantes. 

Depois obrigaram o motorista a pegar uma estrada de terra, logo depois da entrada para o distrito da Vazante.

Com as pessoas dominadas, os assaltantes "fizeram o limpa", levando dinheiro e pertences pessoais dos passageiros.

Ainda segundo a policia civil, ninguém ficou ferido, apesar dos momentos de horror à mercê dos bandidos.

Os relatos dos passageiros são vários e falam de medo e violência.   

“Ao chegarem na entrada da cidade por volta da 3 da manhã, eles fecharam o motorista e obrigaram a parar no acostamento.  

O carro parou na frente do ônibus e os assaltantes armados e encapuzados entraram, fizeram ameaças e roubaram os pertences das vítimas, como carteiras e celulares, após saírem de dentro efetuaram um disparo contra o ônibus e fugiram”, disse uma testemunha.

“Eram 4 assaltantes armados e violentos. Bateram e atiraram contra passageiros, uma mulher ficou ferida na cabeça”, conta outro relato.

“Um ficou no carro e começaram a atirar nos vidros do ônibus e bateram muito  num senhor que aparentava ter uns 50 a 60 anos”, afirma outra testemunha.

A PM e a polícia civil de Campos Belos seguem as investigações, mas até momento não há pistas dos ladrões. 

Palmas (TO) repercute sabatina de governadores em Arraias (TO)



Dois dos principais e prestigiados meios de comunicação de Palmas, capital do Tocantins, o Portal CT e o Blog Cleber Toledo, repercutiram a sabatina com os candidatos a governador do Tocantins, que vai ocorrer em Arraias (TO), no início de setembro.  

Só de seguidores a Fanpage do CT possui mais de 20 mil pessoas. Este blogueiro vai mediar o encontro dos candidatos com a comunidade arraiana. 

O ex-governador Marcelo Miranda (PMDB) e o senador Ataídes Oliveira (Pros) confirmaram presença na sabatina. 

Já o atual governador Sandoval Cardoso fugiu da "parada" e até agora não confirmou sua participação e tão pouco retornou aos contatos da organização. 

PM localiza plantio de maconha em Aurora (TO) e monta campana para prender suspeito





Um homem foi preso em Aurora do Tocantins, sudeste do estado, por manter um plantio de maconha. 

A Polícia Militar recebeu a denúncia com a informação de que o suspeito plantava a erva proibida no cume de um morro, próximo à residência dele.

A PM descobriu o local e montou uma campana, na última quarta-feira (27). 

Os policiais chegaram ao plantio às 5 horas da manhã e cercou o local. Beirava à 6h, quando o suspeito chegou para "cuidar da roça". 

José Aires Dias da Conceição, de 34 anos, foi preso em flagrante. 

Segundo o acusado, ele estaria no ali apenas para regar o cultivo e colher algumas folhas para o consumo pessoal.

Disse também que plantação não era de sua propriedade, mas de uma terceira pessoa, que se encontrava no município de Lavandeira, cidade vizinha a Aurora. 

Nova diligência foi montada para capturar o segundo suspeito.  

Mas segundo a PM, quando a equipe chegou ao local, ele fugiu por uma vegetação de difícil acesso, impossibilitando a captura. 

Na fuga, eixou para trás uma bolsa e seus pertences pessoais. A polícia continua a busca pelo suspeito. 

Em relação ao plantio da maconha, a polícia agiu com  base na Lei 11.343, que determina, neste tipo de caso, que o plantio seja retirado e transportado à delegacia judiciária, onde o autor foi autuado em flagrante.


Com informações e fotos:  AMTLAZER