sexta-feira, 20 de junho de 2014

Gravíssimo: Saneago continua a despejar em rio líquido poluidor de estação de tratamento de esgoto


Saneago, que tem a obrigação de zelar
pelas águas do estado, faz é poluir 

Mais uma vez a Saneago, empresa estatal de Goiás que tem a obrigação constitucional de cuidar de nossas águas, vai na contramão do que toda a sociedade deseja.

O repórter Ivan Almeida, do Programa Cidade em Foco, da Atvidade FM, de Campos Belos, nordeste do estado, foi conferir denúncias de moradores ribeirinhas de que a empresa do governo estaria, ou melhor, continuaria a despejar no córrego Gameleira água de esgoto sem o devido tratamento.

A Saneago é a gestora da rede de esgotamento sanitário, que tem a missão de recolher dejetos humanos da cidade e levar para uma estação de tratamento, localizada fora do perímetro urbano, numa comunidade rural chamada de “Pecuária”.

No entanto, após  o tratamento dos dejetos, a Saneago deveria devolver à natureza uma água pura e limpa.

Mas não é isso que vem ocorrendo.

A empresa governamental, que tem o dever moral e legal de cuidar e proteger as águas do estado, faz justamente o contrário, polui o único rio que passa nas imediações, com milhares de litros diários de líquido poluidor.

É essa é a denúncia dos moradores ribeirinhas. Nesta semana eles identificaram uma mortandade de peixes  no córrego Gameleira, além de conviverem diariamente com a fedentina exalada pela estação.

O repórter Ivan Almeida, do Cidade em Foco,  foi ao local e conta o drama dos moradores e do próprio bioma. Assista à reportagem. É de indignar.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.