domingo, 6 de abril de 2014

Júnior Friboi divulga nota sobre lançamento da pré-candidatura de Iris Rezende


Segue abaixo nota oficial de Júnior Friboi sobre o pronunciamento de Iris Rezende:
"Vejo com naturalidade a postulação de Iris Rezende. Acho que faz parte da democracia as disputas internas. 

Nos Estados Unidos isso é normal. Os candidatos disputam internamente e, no final, o perdedor apóia o vencedor. Espero que seja assim no PMDB. 
Essa disputa interna é um grande avanço no PMDB de Goiás. Pela primeira vez vai valer a vontade da base e não da cúpula do partido. Da minha parte podem esperar uma disputa sadia, de alto nível, de argumentos, e que no final prevaleça a vontade da maioria do partido. 

E estou confiante que o partido quer renovação, novas idéias e a possibilidade de voltar a vencer depois de 16 anos de derrotas. 

Não podemos nos esquecer em momento algum durante essa disputa interna que o verdadeiro adversário é aquele que está há 16 anos no poder sem conseguir fazer um governo à altura do povo Goiano."
Att.,
Assessoria de Comunicação

Notícia relacionada 


Iris se lança pré-candidato e vai para convenção com Júnior Friboi
Por volta das 11h30 o líder político Iris Rezende chegou ao seu escritório, que se tornou um verdadeiro QG do PMDB. 
Ao fazer o anúncio da sua pré-candidatura, muitas autoridades da sigla estavam ao seu lado. "Eu sou pré-candidato e vou disputar convenção." Se Júnior Friboi, pré-candidato ao governo do Estado, não recuar, essa será a primeira vez que o ex-governador disputa convenção. 
Em seu discurso, o peemedebista começou dizendo que inicialmente pretendia ser somente um conselheiro. 

Porém, de acordo com ele, alguns acontecimentos recentes na política o fizeram repensar a sua posição, tendo dito que "um político como ele não pode se colocar omisso aos acontecimento do Estado."
Iris ainda afirmou que as conversações com Júnior Friboi serão mantidas, e que pretende continuar com a unidade com o empresário. 

Alguns apoiadores de Friboi, entretanto, afirmam que ele não irá aceitar outro cargo para disputa senão o de governador, o que deixa ainda mais certo que a decisão será feita em convenção do PMDB, no final do mês de junho. 
O anúncio do ex-governador foi feito no dia da desincompatibilização do pré-candidato pelo PT, o prefeito de Anápolis, Antônio Gomide, que está marcado para ocorrer no final da tarde desta sexta-feira (4). 
Caso Gomide se lance como pré-candidato, a aliança da oposição será desmembrada, e desde a semana passada membros do PMDB vêm discutindo formas da sigla não romper com o PT. 
O presidente nacional do PT, Rui Falcão, disse há cerca de duas semanas, antes da pré-convenção do PT no último sábado (29/3), que o PT goiano não se uniria com o PMDB se Friboi fosse o candidato, mas caso Iris fosse lançado a aliança seria possível. 
Fonte: Jornal Opção

Um comentário:

  1. AGORA SIM TEMOS UM HOMEM DE VERDADE PARA SER GOVERNO DE GOIAS MAIS UMA VEZ VAI FIRME IRIS CAMPOS BELOS ESTA COM VOCE PMDB AQUI AINDA E FORTE

    ResponderExcluir

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.