Postagens

Mostrando postagens de Março 18, 2012

Atentado contra promotor deixa Goiânia perplexa e mexe até com presidência da República

Imagem
Goiânia está perplexa com o atentado sofrido pelo promotor de justiça de São Domingos, nas imediações da cidade de Campos Belos, nordeste do estado.
Na esfera federal o clima também é de perplexidade.  
Na próxima segunda-feira uma  comissão da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, em Brasília, vai a Campos Belos acompanhar as investigações.
Os delegados que participam das investigações já classificaram o atentado como ato de terrorismo.

Na manhã de hoje viajaram para acompanhar o caso de perto o procurador geral de Justiça de Goiás, Benedito Torres Neto, o coordenador do centro de Apoio Operacional Criminal e da segurança Pública, Bernado Boclin Borges, o chefe de gabinete da procuradoria-geral, Lauro Machado, e o presidente da Associação Goiana do Ministério Público, Alencar José Vital, que são promotores.
Eles se juntarão hoje aos promotores ligados diretamente à investigação e demais autoridades da Segurança Pública incumbidas do caso que já estavam na região.…

Caso promotor: Associação Goiana do Ministério Público lança nota de repúdio

Nota de Repúdio
A Associação Goiana do Ministério Público – AGMP , entidade de classe que congrega os Promotores e Procuradores de Justiça do Estado de Goiás, vem a público REPUDIAR o atentado contra a vida do Promotor de Justiça Douglas Roberto Ribeiro de Magalhães Chegury, ocorrido na manhã desta quinta-feira, dia 22 de março de 2012, nas proximidades da cidade de São Domingos-GO.
A agressão praticada contra o membro do Ministério Público afronta o profissional e seus familiares, bem como a Instituição e a própria sociedade, destinatária de sua atuação firme e destemida em defesa da ordem jurídica, do regime democrático e dos interesses sociais.
Fatos como este não abalam nem intimidam os membros do Ministério Público no exercício de sua missão constitucional.
Ao contrário, reforçam o ideal de intransigente busca por justiça.
A AGMP acompanhaa elucidação do crime e a responsabilização rigorosa de todos os envolvidos. Ao promotor de Justiça atacado, esta entidade de classe itera irrest…

Fotos exclusivas do carro do promotor no local do atentado

Imagem
A caminho da cidade de Campos Belos, a cerca de 12km do povoado Porteiras, município de Divinópolis de Goiás, o veículo foi alvejado a tiros por um  indivíduo utilizando capacete.
A polícia militar de Divinópolis de Goiás foi comunicada pelo morador local, Pedro Henrique,  que um automóvel,  marca fiat siena, estava abandonado na estrada.  
Ele disse também  que as duas portas estavam furadas de bala e uma capa de revolver jogada no chão ao lado da porta do passageiro.
A polícia militar de Divinópolis chegou momentos depois, comandada pelo sargento Cardoso e acompanhado do soldado Aldeni e cabo Cirineu.
Os militares constataram que não havia ninguém,  nem marcas de sangue e logo perceberam que se tratava do carro do promotor de justiça da cidade  de São Domingos.  
De imediato  fez-se uma comunicação à  polícia militar de Campos Belos.
Depois de buscas no intuito de localizar o promotor nas imediações do veículo, somente por volta das 18h a guarnição da polícia militar, comandada pelo cabo…

Polícia reconstitui tentativa de homicídio a promotor de Justiça

Imagem
A Polícia Civil realizou na última sexta-feira (23) a reconstituição da tentativa de assassinato ao promotor Douglas Roberto Ribeiro de Magalhães Chegury, de 39 anos, ocorrida entre os municípios de Campos Belos e São Domingos,  na última quinta-feira (22). 


No caminho precário e quase deserto, a equipe de força-tarefa realizou todos os procedimentos que irão contribuir nas investigações. 


Uma equipe da TV Globo/Anhanguera acompanhou a reconstituição. Assista à matéria...

“As investigações estão ocorrendo muito bem. Está comprovado que se trata realmente de uma tentativa de homicídio. 


E, além disso, a situação encaixa-se em um ato de terrorismo, pois, é uma espécie de atentado à democracia e ao Estado de Direito”, explica o delegado responsável pelo caso, Vicente Paulo de Oliveira.

Segundo a polícia, o promotor contou que no momento em que ocorreu a tentativa de assassinato ele estava sozinho.


Então, um homem que estava de capacete caiu da mata e atirou pelo menos três vezes contra o veícu…

Equipe da TV Globo/Anhanguera segue os passos da investigação

Imagem
Uma equipe da TV Globo/Anhanguera está em Campos Belos, seguindo passo a passo as investigações para encontrar os pistoleiros.

Na noite desta sexta-feira, o Jornal Anhanguera deu ampla cobertura ao caso do promotor de São Domingos.

Goiânia está mobilizada e perplexa com a tentativa de assassinato do promotor que investiga, principalmente, crimes ambientais.

Veja a matéria desta noite do Jornal Anhanguera, com a repórter Gioavanna Dourado.

"Nenhum pistoleiro vai calar o Ministério Público"

Imagem
A força-tarefa que investiga o atentado ao promotor Douglas Roberto Ribeiro de Magalhães Chegury, de 39 anos, fará a reconstituição do crime.


A tentativa de assassinato aconteceu na manhã de quinta-feira (22), entre as cidades de São Domingos e Campos Belos, no norte de Goiás.



Em entrevista coletiva na tarde desta sexta-feira (23), o procurador de Justiça Benedito Torres falou da reconstituição, mas não fixou uma data para a produção da prova pericial.



Segundo Torres, outra força-tarefa, composta por 10 promotores, dará continuidade ao trabalho do promotor na região.



Douglas ficará de licença por pelo menos uma semana, para se recuperar do estresse causado pela tentativa de homicídio.



"Nenhum pistoleiro vai calar o Ministério Público", disse Benedito Torres, em entrevista coletiva.



O promotor da comarca de São Domingos atuava principalmente no enfrentamento de garimpos, madeireiras e carvoarias.



Por telefone, o promotor contou à reportagem da TV Anhanguera como foi a emboscada.



Ele …

TV Globo está em Campos Belos para acompanhar caso do promotor

Imagem
Uma equipe de reportagem da TV Globo está em Campos Belos, acompanhando a grande repercussão do atentado de morte contra o promotor da cidade vizinha de  São Domingos.


Veja a matéria veiculada na manhã de hoje em Goiânia

Em GO, promotor vítima de atentado deixa hospital e vai a reunião com MP

Imagem
O procurador-geral da Justiça de Goiás Benedito Torres, o chefe de gabinete da Procuradoria-Geral, Lauro Machado, e dois promotores de Goiânia foram na manhã desta sexta-feira (23) para Campos Belos, no norte de Goiás, a 484 km de Goiânia.


Eles visitaram o promotor Douglas Roberto Ribeiro de Magalhães Chegury, de 39 anos, antes de sua saída do hospital. 

O promotor foi vítima de um atentado na quinta-feira, 22, quando trafegava pela rodovia GO-110.


Ao deixar o hospital, o promotor participou de uma reunião no fórum com os representantes do Ministério Público de Goiás e policiais militares.


Essa reunião marcou o início do trabalho pela busca de suspeitos de atentarem contra a vida de Douglas Chegury. 

Policiais militares de Goiânia também foram até a cidade para reforçar o trabalho na região.


Sete delegados da Polícia Civil se reuniram com o comando da Polícia Militar e o superintendente da Polícia Judiciária de Goiás.


O carro em que o promotor estava quando sofreu o atentado foi levado para …

Associação de juízes diz que atentado contra promotor é também contra o estado democrático de direito

O juiz Gilmar Luiz Coelho, presidente da Associação dos Magistrados do Estado de Goiás (ASMEGO), se solidariza com o promotor de Justiça de São Domingos de Goiás, Douglas Roberto Ribeiro de Magalhães Chegury, seus familiares e demais membros do Ministério Público (MP) em Goiás, em face do atentado contra o promotor ocorrido na tarde desta quinta-feira.


Para o presidente da ASMEGO, o atentado contra Douglas Roberto é um atentado contra o Estado Democrático de Direito e atinge a todos os operadores do Direito.



“A Associação dos Magistrados do Estado de Goiás presta sua solidariedade e apoio ao promotor de Justiça, à sua família e amigos e aos demais integrantes do Ministério Público goiano, instituição honrada e parceira da ASMEGO.



A associação se coloca também à disposição do órgão para colaborar com o que for necessário para que o atentado contra o promotor Douglas Roberto seja esclarecido o mais rápido possível e seus autores, punidos”, frisa o juiz Gilmar Luiz Coelho.



Douglas tem 39 ano…

Promotor de São Domingos sofre atentado

Imagem
Uma força-tarefa reunindo promotores e agentes do Ministério Público de Goiás (MP-GO) lotados no Centro de Segurança, Inteligência e Informação (CSI); do Grupo de Atuação Especial de Combate a Organizações Criminosas (Gaeco); das Polícias Federal, Civil e Militar, está empenhada em esclarecer um atentado a tiros sofrido nesta quinta-feira, 22,  pelo promotor de Justiça de São Domingos de Goiás, Douglas Roberto Ribeiro de Magalhães Chegury.
Por volta das 12 horas, o veículo em que Douglas viajava para uma reunião na Regional de Saúde de Campos Belos, foi alvejado várias vezes na estrada, mas ele escapou do veículo, um Siena, se escondeu na mata até encontrar apoio, muitos quilômetros depois do local da emboscada, cerca de 40 quilômetros antes de Campos Belos. 
O carro foi encontrado por policiais que informaram os promotores André Luís Ribeiro Duarte, de Campos Belos, e Julimar Alexandro da Silva, de Alto Paraíso de Goiás, que aguardavam Douglas para a reunião. Desde então iniciaram busc…