Moradores se mobilizam contra construção de presídio em Arraias


Moradores de Arraias (TO), a 400 km de Palmas, estão se mobilizando diante do anúncio de construção de um presídio no município, com capacidade para 205 presos, feito pelo secretário da Justiça e dos Direitos Humanos, Nilomar dos Santos.

A divulgação sobre a construção foi feita na terça-feira (4), durante coletiva com a imprensa, ao ser comunicado a renovação de contrato com empresa responsável por presídios Barra da Grota e Casa de Prisão Provisória de Palmas (CPPP).

De acordo com professor de Educação Física, Oscar de Souza Alves Neto, um abaixo assinado está sendo elaborado solicitando a Defensoria Publica, Ministério Publico (MPE) que intercedam junto ao governo do Tocantins pela realização de uma audiência publica.

Alves, que também é um dos membros da comissão, disse que o documento já conta com 300 assinaturas.


Com informações: Conexão Tocantins