Prefeito Moaci Gomes perde eleições em Divinópolis





Prefeito Moaci Gomes perdeu as eleições



Filoneto, prefeito eleito

A exemplo de Campos Belos, que não elegeu o prefeito Neudivaldo Sardinha, o município de Divinópolis de Goiás, situado também no nordeste do estado, não quis reeleger o seu prefeito.

Moaci Gomes de Souza (PMDB), atual prefeito, candidato a reeleição pela coligação União, Honestidade e Trabalho, uma coalizão que reuniu nove partidos (PMDB, PT, DEM, PSD, PSB, PP, PPS, PDT, PTN), foi derrotado pelo seu principal adversário, Filoneto José dos Santos ( PSDB).

Filoneto saiu candidato pela coligação Avante Divinópolis (PTB / PR / PHS / PTC / PSDB) e obteve 2.132(52,46%) votos.  Moaci Gomes somou 1.932 ( 47,54%) votações. Os votos brancos somaram 34 (0,79%) e 218 (5,05%) nulos.

A prefeitura de Divinópolis está entre as 693 conquistadas pelo PSDB em todo o Brasil nestas eleições municipais.  

História

Divinópolis de Goiás possui cerca de 6 mil habitantes. Anteriormente designada São João do Galheiros, era um distrito pertencente ao município de São Domingos, emancipando-se no final da década de 1950. 

Até o final da década de 1980 a cidade era denominada Galheiros, em homenagem ao rio com o mesmo nome, que corta a cidade e a separa do município de São Domingos (Goiás).

O distrito foi criado em 1911. Pelo decreto-lei estadual nº 557, de 1938, o distrito de São João do Galheiros passou a denominar-se simplesmente Galheiros. Depois, passou a se chamar Divinópolis de Goiás.