Não dá para acreditar nas pesquisas


Ainda pouco publiquei uma pesquisa em que o candidato pela Coligação Campos Belos para Todos, Neudivaldo Xavier de Oliveira Sardinha (PP), atual prefeito de Campos Belos, venceria as eleições por uma diferença de mais de 12% - Sardinha (PP) 49,25%  e Ninha(DEM) 37%.

Em 25 de setembro passado, publiquei uma outra pesquisa, também para a corrida à prefeitura de Campos Belos, com um resultado completamente diferente. 

Nesta, Ninha (DEM) abria 20% de diferença. Ninha 50%; Sardinha 30,4%. 


As duas pesquisas foram encomendada pelos respectivos correligionários ou comitês de Campanha. 

Disso, conclui-se que estão usando as ferramentas de pesquisa, e com o aval do TRE, para enganar o eleitor. 

Os dois candidatos tentam ludibriar os eleitores com informações que não condizem com a realidade. 

As pesquisas tornaram-se uma máquina de propaganda eleitoral. Este blogueiro, desde antes, já tinha identificado essa estratégia, completamente infeliz. 

Publiquei as duas pesquisas já sabendo disso, mas como forma também de propiciar maior transparência ao processo eleitoral e munir cada cidadão de um número maior de informações.  

Mas duvidem da autenticidade dessas pesquisas, mesmo registradas no TSE. As duas não refletem a realidade e não foram pedidas por um órgão, por exemplo, de imprensa isento e imparcial.  

Meus amigos, não acreditem em nenhuma das duas pesquisas. São meros instrumentos de publicidade e estratégias eleitorais. 

Faz o seguinte, leia este texto: Ética, transparência e cidadania e decida por você mesmo quem é o seu melhor candidato, sem propagandas e ou ferramentas publicitárias.