Ao jornal "O Vetor", Secretário diz que asfalto urbano de Campos Belos agora sai


O imbróglio envolvendo a reconstrução de 120 mil m² de asfalto urbano e a pavimentação de outros 100 mil metros, com recursos do programa Rodovida urbano em Campos Belos parece que vai chegar ao fim. 

Ao jornalista Roberto Naborfazan, em conversa por telefone para a reportagem do O VETOR, o gerente do programa, Ricardo Cardoso, afirmou que o grupo responsável pela usina já instalada na cidade receberá, já no dia 29.09, material para o inicio dos trabalhos. 

Anunciada pelo governador Marconi Perillo em sua visita ao município no dia 06 de junho último, o inicio da obra estava previsto para os primeiros dias de agosto, mas até o dia  27 de setembro não havia sido iniciada. 

Como em período eleitoral tudo é motivo para ataques e boatos, manhas e artimanhas, começaram circular toda a sorte de especulações sobre o assunto. 

A mais contundente é de que o vice-governador José Eliton e o deputado estadual  Iso Moreira teriam se unido e conseguido autorização na AGETOP para que a emulsão de ligante betuminoso destinada a Campos Belos fosse enviada para Posse, o que foi veementemente negado pela assessoria de ambos.

Questionado sobre esse assunto, Ricardo Cardoso disse que o Programa Rodovida urbano segue com rigidez a programação aprovada e que a inclusão de Campos Belos no lote foi ordem direta do governador Marconi Perillo. 

Segundo ele, o atraso se deve a questões operacionais da empresa responsável, não havendo ingerência de ninguém para isso, “a previsão era de que Campos Belos fosse inclusa no lote que beneficiará Alto Paraíso, Cavalcante, Teresina e Monte Alegre.  

Mas o prefeito Sardinha procurou a AGETOP, o secretário de Articulação Politica Sérgio Cardoso e o governador Marconi, expondo a critica situação de sua cidade, devido a interdição de ruas e avenidas por parte do Ministério Público estadual. 

O governador nos determinou então que incluíssemos Campos Belos no lote composto por Alvorada, Simolândia, Mambai, Buritinópolis, Damianópolis, Sitio D’Abadia e Posse. 

Isso gerou dificuldades operacionais para a empresa responsável, ganhadora da licitação do lote, devido a distancia entre Campos Belos e os outros municípios e a grande demanda pelo ligante betuminoso que é fabricado por apenas duas empresas no País. 

Como a empresa está dentro do prazo, não temos como pressionar.

Felizmente terminou os trabalhos nos municípios citados e no próximo final de semana (29,30/09) uma carreta com ligante betuminoso chegará a Campos Belos para iniciar a execução da obra” afirmou Ricardo.

A empresa responsável pela obra, segundo Ricardo Cardoso, é a Castelo, que executará o serviço em parceria com a empresa TEF. 

O prazo de conclusão da obra é de nosso máximo vinte dias, ou seja, até vinte de outubro Campos Belos terá ruas e avenidas com asfalto recuperado ou com nova pavimentação. Pelo menos é isso o que espera a população local.