Apagão: Campos Belos de volta à lamparina


Entra chuva e sai chuva, sai governo entra governo, mas o problema da distribuição de energia no nordeste goiano, notadamente em Campos Belos, persiste. 

Basta chegar o período das chuvas, com seus raios e trovoadas que a comunidade começa a amargar a falta de energia elétrica.  

Neste momento, 19h50 deste domingo, a comunidade está desligada do mundo e sentido o sopro do atraso. 

Sem luz, as pessoas são obrigadas a voltar à década de 50, onde o velho candeeiro e a lamparina de querosene eram os senhores da escuridão. 

Nada de internet, televisão, geladeiras...

As Centrais Elétricas de Goias (CELG), empresa goiana que explora o serviço,  alega sempre que o problema é estrutural, de cabeamento velho e maquinários obsoletos.  

É uma desculpa antiga e já dura décadas. 

Foi até bom acabar a energia elétrica bem no auge da campanha eleitoral, para que agente coloque em pauta a problemática. 

Quais as promessas dos candidatos a prefeito para melhorar o fornecimento da energia elétrica em Campos Belos? 

Que estratégias de parcerias eles têm para com o governo do estado? 

Com a palavra os senhores candidatos...