terça-feira, 31 de julho de 2012

Sardinha e Elzita têm candidaturas aprovadas pelo TRE. Juiz ainda não decidiu sobre Ninha


Dois dos  candidatos a prefeito de Campos Belos tiveram as suas candidaturas aprovadas pelo Tribunal Regional Eleitoral.

Elzita Caetano da Silva Batista, candidata pelo Partido dos Trabalhadores e Neudivaldo Xavier de Oliveira Sardinha, candidato a reeleição pela coligação Campos Belos para Todos, tiveram seus pedidos de registros deferidos e estão aptos a participar das eleições.

Mas o suspense continua no que tange à candidatura do ex-prefeito Aurolino José dos Santos Ninha, pela coligação Transparência, Honestidade e Trabalho.

O promotor eleitoral apresentou impugnação de seu registro. O juiz-eleitoral abriu prazo de sete dias para o ex-prefeito recorrer.

O recurso foi apresentado, o prazo acabou, mas até a presente data a decisão do juiz-eleitoral não foi publicada no site do TSE.

A indefinição tem repercutido na campanha, pois a ainda não se sabe se Ninha realmente vai poder disputar a eleição. Informações não oficiais dizem que a decisão pode sair nas próximas horas.

Dos 68 processos de registros de candidatura de vereadores, 39 já foram deferidos e liberados para fazer a campanha.

O TRE voltou atrás e passou a analisar dois pré-candidatos a vereadores que já tinham sidos indeferidos: Jenezi Ferreira dos Anjos (Genezi) e Maria Aparecida dos Santos Souza, que agora estão na condição de "aguardando julgamento".

Já os pré-candidatos a vereadores "Professor Altair", "Van Lanterneiro" e "Caje" permanecem barrados. Faltam serem analisados 26 registros de pré-candidatos. Estes ainda não estão seguros para colocar a "campanha na rua".

Mais informações, acesso o site do TSE 

Sai concurso da Câmara dos Deputados. Salário chega a 14 mil

Entre os dias 8 e 28 de agosto Câmara dos Deputados receberá inscrições para o concurso público com 138 vagas para Técnico Legislativo e Analista Legislativo nas funções de Museólogo, Técnica Legislativa, Taquígrafo e Médico.

O certame será organizado pelo Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (CESPE/UnB).

INSCRIÇÕES

Para concorrer basta efetuar a inscrição por meio do endereço eletrônico www.cespe.unb.br/concursos, no período entre 10h do dia 8 de agosto até às 23h59 do dia 28 de agosto, observado o horário oficial de Brasília/DF.

Os candidatos deverão pagar a taxa de R$ 90,00 para disputar as vagas para Analista Legislativo e de R$ 70,00 para Técnico Legislativo.

CARGOS E SALÁRIOS

São oferecidas seis vagas para Médicos nas áreas de Neurologia, Ortopedia e Traumatologia, Otorrinolaringologia e Radioimagem. 

Para preenchê-las o candidato deve ter a formação em curso superior de Medicina, residência na área ou título de especialista e registro no conselho profissional. 

A remuneração será de R$ 14.825,69 em jornada de 30 horas semanais para atuar no Departamento Médico da Câmara dos Deputados.

Para preencher as duas vagas de Museólogo e garantir o salário de R$ 14.825,69 em regime de 40 horas semanais será necessário ter ensino superior completo na área. 

Neste caso, os contratados atuarão no Centro de Documentação e Informação ou Espaço Cultural da Câmara dos Deputados.

Já as 14 vagas para Taquígrafo Legislativo e 111 vagas para Analista Legislativo na função de Técnica Administrativa exigem a formação em curso superior de qualquer área. 

O vencimento mensal para ambas funções será de R$ 14.825,69 em regime de 40 horas semanais.

Os cargos de Técnico em Radiologia e Técnico em Gesso oferecem a remuneração de R$ 7.438,62 em carga horária semanal de 40 horas. 

Para preencher as cinco vagas o candidato deverá ter o ensino médio completo, curso técnico na área e registro no conselho profissional.

PROVAS

Segundo o edital publicado no Diário Oficial da União desta terça-feira, 31 de julho, o concurso será composto de provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório, prova discursiva para o cargo de Analista Legislativo, exceto para Taquígrafo, além de prova prática de análise textual e prova prática de apanhamento taquigráfico, somente para Taquígrafo, prova prática para Técnico em Radiologia e Técnico em Gesso e avaliação de títulos para Médico e Museólogo.

As datas, os locais e o horário de realização das provas objetivas e das provas discursivas estarão disponíveis para consulta no endereço eletrônico da organizadora a partir da data provável de 24 de setembro de 2012.

Esse concurso terá a validade de dois anos, contados a partir da data de publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado uma única vez e por igual período. 

Nosso blog alcança cerca de 10 mil acessos




O nosso blog alcançou neste mês julho cerca de 10 mil acessos.

O número é significativo por duas razões: primeiro, demonstra a fidelidade dos leitores antigos e depois porque estamos conseguindo angariar novos internautas e mantê-los sempre acessando. 

Comparando com os dados de janeiro deste ano, verifica-se que conseguimos quintuplicar a quantidade de acessos, que em média era  de cerca de dois mil acessos. 

A fórmula para isso parece simples, mas não é. Há que se ter em um blog como este, necessariamente, conteúdo, dinamicidade e qualidade.  

O leitor é exigente e se por duas vezes se deparar com um conteúdo ruim, não volta mais. O nosso blog é antigo, desde 2007. 

No entanto, só pude dar-lhe mais atenção e dedicar-lhe maior tempo somente a  partir deste ano, depois que parei de estudar para concursos. Outra tarefa que também exige muita dedicação e  tempo. 

Longe de ser pretensioso, a nossa intenção com o blog é simples: apenas ser mais uma ferramenta de informação e transparência. 

Apesar de ser acessado em todo Brasil e com significativos acessos do exterior (notadamente Estados Unidos, Alemanha, Rússia e Portugal), o blog se tornou ferramenta importante, principalmente, para as regiões nordeste de Goiás e sudeste de Tocantins (Campos Belos, Arraias, Monte Alegre, Divinópolis, São Domingos, Combinado, Posse, Formosa, Novo Alegre, Aurora do Tocantins, Alto Paraíso de Goiás, Teresina, São João da Aliança, Cavalcante). 

A região é carente de informação;  com forte cultura do coronelismo, da falta de transparência e de uma boa base política. 

Na realidade, sem um blog como este, as pessoas das comunidades sabem mais do Brasil e do mundo, do que da própria cidade, do próprio bairro. 

Continuaremos aqui, firmes, sem pretensões financeiras, partidárias e ou qualquer outra ideologia de embriaguês. 

Nossa única intenção é continuar prestando um serviço social relevante e importantíssimo, principalmente nos dias de hoje, que é informar. 
E você continue nos lendo, compartilhando, colaborando...enfim, fazendo história.

Vaquejada de Combinado-TO começa dia 2 de agosto





A tradicional Vaquejada da cidade de Combinado-TO, a  cerca de 500 km de Palmas, começa no próximo dia 2 de agosto.

O evento já está na 14ª edição e conta este ano com os shows musicais de Mateus Silva, Forró Rasgado e da dupla Darley e Daniel.

A premiação para os vencedores chega a R$ 30 mil.

A  festa vai ocorrer entre os dias 2 (quinta-feira ) e 5 (domingo) de agosto.


segunda-feira, 30 de julho de 2012

No Nordeste, o esporte ganhou um ingrediente mais polêmico: motos







Conhecidas com o “esporte sertanejo”, com milhares de adeptos no Nordeste, as vaquejadas ganharam o incremento de motos em substituição aos cavalos, criaram uma nova modalidade motorizada, a motojada, e reacenderam as críticas de instituições de proteção aos animais, que já criticavam a vaquejada tradicional.




A vaquejada consiste em o vaqueiro usar o cavalo para derrubar o boi, segurando-o pelo rabo, numa pista de corrida. 


Com a motojada, a tarefa ficou ainda mais cômoda, já que o cavalo deu lugar aos motores de veículos de motocross.


Para defensores dos animais, as motos causam uma batalha desleal com o garrote, que é perseguido numa pista de 150 metros para que o vaqueiro (agora motoqueiro) derrube-o dentro da faixa.


As críticas começaram após o anúncio de uma “motojada” marcada para ocorrer no próximo dia 29, na Fazenda Santo Antônio, localizada entre os municípios de Palmácia (CE) e Pacoti (CE).


A Motojada de Gado dos Ferros deverá ser realizada pela segunda vez, caso não haja impedimento judicial. 


A “festa para derrubada do boi” promete distribuir R$ 2.000 em prêmios, além de três shows de bandas de forró. 


A expectativa de público é de dez mil pessoas e mais de 50 competidores.


Mas, no que depender da Uipa (União Internacional Protetora dos Animais) no Ceará, o evento não sairá dos panfletos. 


A presidente Geuza Leitão de Barros disse ao UOL que fez uma representação ao MP (Ministério Público Estadual) contra a realização da motojada.


Geuza alegou maus-tratos no confinamento do gado no curral e durante a corrida. Uma campanha também foi lançada nas redes sociais para pressionar contra a realização do evento.


Para a Uipa, a prática configura crueldades e infringe a Constituição e a Lei de Crimes Ambientais, já que “neste evento o boi será perseguido por um motoqueiro (em vez de um cavaleiro, também crime), movido a grupos de forró e premiação em dinheiro, prática delituosa que ocorre à custa de crueldade para com os animais usados na arena”.


“O barulho do motor das motos assusta ainda mais o animal, que sai correndo desesperado sem entender o que se passa. 


Além do mais, o motoqueiro tem muito mais chances do que o vaqueiro em um cavalo de alcançar o boi por conta da potência da motocicleta”, afirmou Geuza.


A presidente da Uipa afirmou que, além da representação, está questionando a liberação do evento por órgãos como Corpo de Bombeiros, Polícia Militar. 


“Eles são órgãos estaduais e deveriam cumprir a lei de proteção aos animais, não conceder o alvará de funcionamento para ocorrer a motojada. 


Também vou questionar o Detran sobre a legalidade do uso de motos na pista. Quero que os responsáveis sejam punidos”, disse.


Com texto da Liberdade  96, 3 FM (Paraíba)
 

"Musa" mostra a cara

A musa da CPI começou a mostrar a cara.

O juiz federal Alderico Rocha Santos,  responsável pelo processo da Operação Monte Carlo na Justiça Federal, afirmou nesta segunda-feira (30) ter sido chantageado por Andressa Mendonça, mulher do contraventor Carlos Augusto de Almeida Ramos, o Carlinhos Cachoeira.

 Assista à cobertura completa da TV Anhanguera, de Goiânia, sobre o caso.

Em post anteriores, já tínhamos falado do espaço exagerado que colegas jornalistas estavam dando à "Musa da CPI".

O outro lado da musa

Ela sorri e você paga


Andressa Mendonça também gosta de vender lingeries.

Acidente mata diplomata japonês na GO-118


Um grave acidente na divisa do Distrito Federal com Goiás deixou quatro mortos e um ferido, segundo informações do Corpo de Bombeiros e do Hospital de Planaltina, por volta das 17h15 deste sábado (28/7).

O acidente envolveu funcionários da embaixada japonesa em Brasília.

A colisão entre um Kadett e um Honda Fit ocorreu perto de São Gabriel de Goiás (GO), na interceptação da GO-118 com a DF-345, na altura do Km 4.

Segundo o Major Alencar, do Corpo de Bombeiros de Goiás, no Kadett estavam um homem de 40 anos e uma mulher de 35.

Ambos morreram no local, assim como um homem de 50 anos que estava no Honda Fit. Ele seria, segundo o major, um diplomata da Embaixada do Japão no Brasil.

Segundo boletim médico divulgado pelo hospital às 23h45 de sábado (28/7), além do diplomata, também faleceu a funcionária da embaixada japonesa Yuka Sukushi.

Uma terceira passageira, também funcionária da embaixada, mãe de Yuka e não identificada por falta de documentos, não corre risco de morte e foi levada ao Hospital de Base, onde ficará em observação.

De acordo com o boletim, ambas deram entrada no hospital às 19h20. Yuka chegou com sinais de hemorragia interna e foi submetida a uma cirurgia.

Entretanto, ela teve duas paradas cardíacas e não resistiu aos ferimentos.

Os corpos foram removidos para o Instituto Médico Legal (IML) em Formosa (GO). Até o momento, a embaixada não se pronunciou.

O acidente ocorreu no sentido São Gabriel de Goiás, na região da Chapada dos Veadeiros.

Fonte: CorreioWeb

sábado, 28 de julho de 2012

Propaganda eleitoral na internet é totalmente permitida, inclusive no facebook



A propaganda eleitoral na internet é totalmente permitida, inclusive no facebook, conforme normatiza a Resolução 23.370/2012, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). 


A justiça eleitoral liberou a propaganda na rede desde o dia 6 de julho. 


A propaganda poderá ser realizada em sites do candidato ou do partido, com endereço eletrônico comunicado antecipadamente à Justiça eleitoral. 


Pode ser feita também em mensagem eletrônica para endereços cadastrados gratuitamente pelo candidato, partido ou coligação. 


Por meio de  blogs, redes sociais (twiter, facebook...), sítios de mensagens instantâneas. 


Os conteúdos das propagandas podem ser gerados ou editados por candidatos, partidos ou coligações ou de iniciativa de qualquer pessoa. 


No entanto, na internet é proibida a veiculação de qualquer tipo de propaganda eleitoral paga. 


Ela também é proibida em sites de pessoas jurídicas e hospedados por órgãos ou entidades da administração pública.  


Quem desrespeitar poderá pagar multa que varia entre R$ 5 mil e R$ 30 mil.



Qualquer um pode se manifestar, exceto usando o anonimato

É livre a manifestação do pensamento, vedado o anonimato durante a campanha eleitoral, por meio da rede mundial de computadores – internet, assegurado o direito de resposta. 


Obviamente quem respeitar os direitos à honra e à imagem, poderá também responder pelos crimes de calúnia, injuria e difamação. 

O outro lado da musa


Há dois dias publicamos um post sobre a Musa da CPI, Andressa Mendonça, reclamando da forma ingênua com que os colegas jornalistas têm tratado a mulher do contraventor Carlos Cachoeira. 


Parece que alguns dos colegas nos ouviu e começaram a dar mais atenção em outros atributos da moça. 

Por exemplo, de a ser laranja do novo marido na compra de uma fazenda em Goiás por R$ 20 milhões.

sexta-feira, 27 de julho de 2012

Regras para propagandas eleitorais em bens públicos. Multa chega a R$ 8 mil


De acordo com a Resolução nº 23.370/11, do Tribunal Superior Eleitoral, divulgada recentemente pela promotoria eleitoral de Campos Belos, a regra geral para o uso de propaganda eleitoral em bens público é a proibição.

É proibido usar faixas, inscrição e pichação em postes de iluminação, pontes, muros, rodoviárias, estádios, feiras, cercas, igrejas, templos, sinalização de tráfego, parada de ônibus, árvores em local público.

Também não será tolerada propaganda que instigue a desobediência à lei; que ofereça ou prometa dinheiro ou qualquer vantagem; que perturbe o sossego público; que prejudique a higiene e estética urbana; que faça calúnia, difame ou injurie pessoas, autoridades ou órgãos públicos.

Para divulgar sua campanha, o candidato e militantes podem usar cavaletes, bonecos, cartazes, mesas de distribuição de material, desde que sejam móveis e fiquem expostos entre as 6h e 22 horas.

A punição para  quem desobedecer as regras é a retirada do material e multa que varia entre 2 e 8 mil reais.




quinta-feira, 26 de julho de 2012

Arraias comemora 272 anos com show de Roger & Leo

Roger & Leo fará show na cidade histórica

Arraias: 272 anos em 2012

A cidade de Arraias (TO), a 400 km de Palmas, comemora no próximo dia 1º de agosto 272 anos de criação. 

E um dos eventos que comemora a data é um show da dupla sertaneja Roger & Leo, que ocorre no sábado, dia 28 de julho. 

Para quem curte a dupla ou gostou do show deles, de encerramento da Expoagro de Campos Belos, é hora de revê-los. 


Cidade histórica

O tradicionalíssimo município de Arraias nasceu na época das bandeiras, no século XVIII, quando os bandeirantes desbravaram os grandes sertões do Brasil interior, atrás de ouro e pedras preciosas. 


Em meados do século XVIII, uma missão jesuíta se instalou próxima ao local onde hoje é a cidade, formando um aldeamento com o nome de Boqueirão dos Tapuios. 

Os primeiros negros, vindos de quilombos destruídos, começaram a chegar à região, ocupando um local conhecido como Chapada dos Negros. A partir daí estava fundado o Arraial da Chapada dos Negros.

A riqueza era tanta que o governador da Capitania de São Paulo, D. Luis de Mascarenhas, veio pessoalmente, em 1740, tomar posse dos veios auríferos da região. 

Ele, contando com a ajuda do Capitão Felippe Antônio Cardoso e dos escravos, transferiu a sede do Arraial da Chapada dos Negros para o local onde hoje fica a cidade de Arraias. 

Só em 1914 foi criado o município de Arraias.

Atrativos: Chapada dos Negros (apresenta ruínas de casas, muralhas e galerias) e as Grutas da Lapa (um complexo de 4 grandes salões, de aproximadamente 40 metros de comprimento por 20 de altura). 

No patrimônio cultural, destaque para o Painel Histórico e Centro Cultural Mãe Samina.

Padroeira: Nossa Senhora dos Remédios (8 de setembro)

Economia: agropecuária, minério e turismo cultural.

Pontos turísticos: A Biquinha, Gruta da Lapa, Muralhas de Pedra, Morro da Cruz e Chapada dos Negros


Ela sorri e você paga




Chega a ser imoral  o espaço dado, por colegas jornalistas, a Andressa Mendonça, “mulher” do contraventor Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira.

De uma hora para outra, os jornalistas elegeram-na musa da CPI e desde então tem dado um espaço significativo à moça.

Ela tem uma boa história nos bastidores do “mundo” político.

Até bem pouco tempo atrás era casada com o empresário Wilder de Moraes, ex-secretário estadual de Infraestrutura de Goiás e primeiro suplente do senador goiano Demóstenes Torres (sem partido). Depois se separou do marido e passou a viver maritalmente com o padrinho político e sócio dele, Carlos Cachoeira.

Wilder já tomou posse este mês como senador.

Andressa, que ficou conhecida como “musa da CPI” devido à sua beleza exuberante,  parece estar feliz com o título de celebridade. 

Está sempre sorridente, elegante e o tempo todo consulta, em seu tablet, durante as audiências criminais de seu marido, a qualidade de suas fotos nos sites jornalísticos.

Mas os jornalistas têm esquecido de informar que por trás da musa, está uma pessoa que aprecia jóias, carrões, poder e dinheiro... 

Grana que, em grande parte, deriva de recursos públicos desviados nas centenas de esquemas montados por Cachoeira, em prefeituras, secretarias estaduais e ministérios, com suas firmas de fachadas e ou como intermediário de grandes empreiteiras, como a Delta.

Em suma, o meio milhão de reais usado na decoração na casa de Andressa em Goiânia, as jóias, bolsas e os esbanjamentos, todos saem do seu bolso, do meu bolso, do bolso da sua filha ou do seu filho; saem dos 38% de ICMS que você paga na conta mensal do telefone;  do IPVA ou IPTU que você desembolsa anualmente.  

Grana que sai dos contratos superfaturados, que daria para melhorar significativamente muitos serviços, como o da saúde, educação, conservação de vias, geração de emprego e renda, programa de prevenção de drogas...


Revista Época teve acesso a áudios e revela as “preocupações” de Andressa Mendonça


...Não demorou para Cachoeira perceber que morar na antiga casa do governador de Goiás lhe traria problemas. Num diálogo com sua mulher, Andressa Mendonça, em 17 de maio (leia na página ao lado), Cachoeira compartilhou seu temor por telefone: “Esse trem não vai dar certo (da casa).

Vão acabar sabendo que é minha”. Cachoeira começou, então, a procurar um modo de se desfazer do imóvel, apesar dos protestos de Andressa, que já decorara a casa e adorava o lugar.

As conversas interceptadas pela PF mostram em detalhes como Cachoeira repassou a casa para um terceiro, o empresário Walter Santiago, sem aparecer. Para isso, recorreu à ajuda de Garcez, que coordenou a transação.

Garcez assegurou ao empresário que a casa era de Perillo. No dia 12 de julho, Walter Santiago, rodando num carro blindado, encontrou-se com Garcez e lhe entregou R$ 2,1 milhões em dinheiro vivo.

Cachoeira orientou Garcez pelo telefone: “Manda trazer o dinheiro aqui no Excalibur (prédio onde mora Cachoeira), entendeu? Manda o professor (Walter Santiago) trazer no Excalibur, porque ele tá com carro blindado”.

Cachoeira confirma isso num diálogo com Andressa, ainda no dia 12. Andressa pergunta por quanto ele vendeu a casa. “Dois e cem”, diz Cachoeira. “Esse trem é do Marconi e não ia dar certo, não. Tem de passar logo esse trem para o nome dele (possivelmente o empresário Walter).

Porque eu vou perder um trem de bilhões por causa de um negócio à toa.” Andressa não quer saber de negócios ou dinheiro. 

Quer saber da prataria da casa e das coisas bonitas e caras que comprou para decorá-la. “Você explicou para ele (empresário Walter) que roupa de cama, coisa pessoal, acessório de banheiro, nada disso vai, né?”, diz Andressa. 

Cachoeira se irrita: “Deixa a roupa de cama do jeito que tá lá. Não faça isso, não. Pega as pratarias que o Wladmir escondeu lá dentro”. “Eu não vou deixar roupa de cama de 400 fios para ele, não. Cê tá louco?”, diz Andressa.

Cachoeira, então, confessa o preço real da casa e revela a existência da “diferença”. “Deixa do jeito que tá. Aquilo lá custou quanto? Afinal, eu comprei ela (a casa) por mil (R$ 1 milhão), vendi por mil e quinhentos (R$ 1,5 milhão). Tá bom, me ajudou a vender.” 

A conta é a seguinte, segundo a PF: o empresário Walter Santiago pagou R$ 2,1 milhões pela casa. Destes, R$ 100 mil foram para Fiúza, o assessor de Perillo, R$ 500 mil para Perillo, levados por Fiúza – e o restante, R$ 1,5 milhão, para Cachoeira.


quarta-feira, 25 de julho de 2012

Candidato a prefeito de Arraias tem patrimônio de R$ 21 milhões


Praça Matriz da cidade de Arraias-TO

O candidato a prefeito de Arraias-TO, Calcido Vasconcelos (PP), pela coligação Arraias para Todos (PP / PDT / PT / PMDB / PMN / PSB / PV / PSDB / PPL / PSD) tem um patrimônio de dar inveja a qualquer candidato a presidente da  república. 

Calcido declarou junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) ter bens de mais de 21 milhões de reais, entre fazendas, cabeças de gado, maquinários agrícolas e  imóveis. 

O seu adversário, o candidato pela coligação A Força Que Vem do Povo (PR/DEM), Wagner Gentil, tem patrimônio mais modesto, cerca de meio milhão de reais, dividido entre fazendas e cabeças de gado.

Cacildo é um velho conhecido dos Arraianos. Foi prefeito da cidade, em pelo menos dois mandatos, e deputado estadual pelo Tocantins. 

Patrimônio dos candidatos de Campos Belos também é alto

Os três candidatos a prefeito de Campos Belos também tem patrimônio relevantes.

O candidato  pela coligação Transparência, Honestidade e Trabalho, Aurolino José dos Santos Ninha (DEM) declarou à justiça eleitoral um patrimônio de cerca de 7,5  milhões de reais. 

Neudivaldo Xavier Sardinha (PP) declarou possuir bens que somam quase 3 milhões de reais. 

Já a candidata do PT, Elzita Caetano,  informou ter patrimônio em cerca de 640 mil reais.

A declaração do patrimônio do candidato é uma exigência da lei eleitoral.

Os patrimônios de todos os candidatos, inclusive dos vereadores, estão no site do Tribunal Superior Eleitoral, de forma transparente, para a consulta de qualquer cidadão.

A intenção da lei, principalmente, é que o cidadão possa acompanhar a evolução patrimonial dos agentes públicos.

Para consultar, basta acessar o site do TSE e  escolher as informações dos candidatos de qualquer cidade do Brasil.

Campos Belos tem 68 candidatos a vereador. Cinco já foram barrados


Van Lanterneiro foi um dos indeferidos 
Genesi  foi uma das candidatas indeferidas
As cadeiras na Casa Legislativa de Campos Belos aumentou de 9 para 11 vagas.

E para concorrer às cobiçadas cadeiras, 68 pessoas se inscreveram junto ao Tribunal Regional Eleitoral como candidatos a vereadores.

A grande maioria das candidaturas ainda não foi julgada pelo juiz-eleitoral. Das julgadas, cinco delas foram barradas e não podem concorrer.

Os motivos dos indeferimentos não foram divulgados.

Confira dos nomes dos indeferidos:





Veja a lista completa dos pré-candidatos a vereadores 


Reunião esclarece sobre propaganda eleitoral em Campos Belos e Monte Alegre



O promotor de Justiça André Luís Ribeiro Duarte e a juíza Ana Paula de Lima Castro coordenaram, ontem (24/7) à tarde, reunião na sala de audiências do Fórum de Campos Belos com os representantes de partidos políticos dos municípios de Campos Belos e Monte Alegre de Goiás. 


O objetivo foi esclarecer as normas relativas à propaganda eleitoral. 


No encontro, foram detalhados aos participantes os termos da Resolução nº 23.370, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que dispõe sobre a propaganda eleitoral e as condutas ilícitas em campanha eleitoral nas eleições de 2012.


Um documento foi distribuído aos candidatos informando como e quando as propagandas devem ser feitas. As regras do jogo foram estabelecidas.


Veja o que pode e o que não pode ser feito pelos candidatos para se divulgar. 

Clique aqui para ler a íntegra de documento entregue aos participantes. 


(Texto: Cristina Rosa / Assessoria de Comunicação Social do MP-GO - foto: Promotoria de Campos Belos)

terça-feira, 24 de julho de 2012

Bicampeão brasileiro de Jiu-Jitsu volta a Campos Belos



Bicampeão brasileiro, o lutador Hudson Lee voltou à cidade natal, Campos Belos. Ele foi recebido pelo prefeito da cidade, Sardinha, e pelo secretário de esportes Antônio Carlos Bidó.

Lee foi agradecer a todos o apoio recebido, visitando pessoalmente todos os comerciantes que lhe deu apoio.

O lutador recebeu calorosamente abraços e elogios, por sua força e determinação.

Hudson Lee deixa sua mensagem e exemplo de vida e pede o apoio para que Campos Belos continue confiando e apostando nele, prometendo assim grandes alegrias para sua cidade natal.

Currículo de campeão

Neto de Leonel Amorim e filho de Marisa Amorim, tradicional família de Campos Belos, o lutador de Jiu-Jitsu, Karatê e  Kung Fu, Hudson Lee, vem destacando no Brasil e em campeonatos internacionais.

Hudson Lee tem apenas 20 anos, mas já ostenta em seu curriculum algumas vitórias interessantes:  campeão brasileiro na faixa azul  de Jiu-Jisu; campeão Mundial World League Pro (SP) em 2010; campeão brasileiro em 2010 e vice-campeão do Campeonato Mercosul, na Argentina em 2011.


Ver mais



Está na hora da escola integral. Governo federal dá dinheiro diretamente à escola


Tenho a escola integral como bandeira.

Por diversas vezes publiquei aqui no blog posts falando da importância de se implantar nas escolas públicas brasileiras o sistema de escola integral.

Ela é revolucionária.

Leva as crianças e os adolescentes para dentro da sala de aula, o tempo todo. Mata o ócio da garotada com atividades lúdicas, artísticas, esportivas, culturais, digitais.

Mais que isso, propicia cinco refeições diárias, atendimento médico-odontológico e incute na criançada uma cultura diferente daquela vivida no seu bairro, na sua casa, muitas das vezes desestruturada pela violência, pela falta de perspectivas e pela ausência de necessidades básicas de uma família.

Por isso, acho que a escola integral é a chave para o desenvolvimento do país.


Agora chegou a oportunidade, principalmente para os municípios mais pobres

O Governo federal criou o programa Mais Educação. 

Uma propaganda do Minstério da Educação, publicada na Revista Veja desta semana,  diz que o órgão  apoia estados e municípios na ampliação da jornada escolar e organização  curricular, com vista à implantação do ensino em tempo integral, uma meta do Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE).

As escolas estaduais e municipais  com baixo índice de desempenho no Ideb ou em áreas de vulnerabilidade social têm prioridade.


Na escola integral, as escolas  devem realizar  atividades nos campos de esporte e lazer, cultura e artes, educação ambiental, promoção da saúde, educação econômica, entre outros.

Os recursos para a escola integral serão repassados pelo governo federal diretamente às escolas. Serão depositados na conta bancária da escola.

Cerca de 45 mil escolas em todo o país já estão sendo beneficiadas.

A escola que desejar participar basta entrar no site (www.mec.gov.br/pde)  do MEC e seguir as orientações.

Você, leitor, pode fazer a sua parte. Pressione a escola de seu bairro  ou a de seus filhos a implantar a escola integral.

O resultado será fantástico. Pode acreditar!



Vejas matérias que publicamos sobre a escola integral

Escola integral: um pedido de socorro

Os professores merecem respeito

Morte do padre: resposta para a violência


domingo, 22 de julho de 2012

Municípios do nordeste goiano sujos no TCM-GO


Além de Campos Belos, ao menos mais oito municípios do nordeste goiano estão com as contas sujas junto ao Tribunal de Contas dos Municípios de Goiás (TCM-GO).



A relação de agentes públicos com contas julgadas irregulares ou com parecer pela rejeição, apreciadas pelo TCM-GO entre 07/10/2004 e 31/05/2012 está no site do Tribunal



Monte Alegre de Goiás aparece na lista 32 vezes, entre 2002 e 2009; Divinópolis de Goiás, 11 vezes  entre 2003 e 2008;  São Domingos, 36, entre 2002 e 2008; Teresina de Goiás, 17,  entre 2001 e 2010; Posse, 23 vezes, entre 2000 e 2010;  Auto Paraíso de Goiás, 6, entre  2003 e 2008; e Alvorada do Norte figura duas vezes,  em 2002  e em 2008.


Os candidatos a prefeitos que geriram os municípios nos períodos que tem as contas irregulares junto ao TCM têm boas chances de não terem os nomes aprovados para concorreram nas eleições de outubro. 



Procuradoria Regional Eleitoral em Goiás (PRE) abriu procedimento visando a coleta de dados para formação de cadastro de inelegíveis, tendo por base as hipóteses previstas na Lei Complementar nº 135, de 4 de junho de 2010.

Câmara Municipal não responde Ministério Público sobre inelegíveis


Em maio deste ano, o Ministério Público Federal (MPF) e a Procuradoria Regional Eleitoral em Goiás (PRE) abriu procedimento visando a coleta de dados para formação de cadastro de inelegíveis, tendo por base as hipóteses previstas na Lei Complementar nº 135, de 4 de junho de 2010.

O Minsitério público pediu a diversos órgãos federais, municipais e estaduais, como a Corregedoria do Conselho Nacional de Justiça (Lista do Banco Nacional de Mandado de Prisão; Lista do Cadastro Nacional de Atos de Improbidade),  Tribunal Regional Federal 1ª Região - TRF1 e a Câmaras Municipais os nomes de pessoas  inelegíveis (ficha sujas). 

O cadastro é atualizado sempre que novas informações são recebidas pela PRE . 

De acordo com a Procuradoria, foram expedidos mais de 200 ofícios para a coleta de dados. 

As Câmaras Municipais de Campos Belos, Divinópolis, São Domingos, Monte Alegre, Posse, Teresina de Goiás foram alguns dos órgãos que recebeu a notificação e não respondeu ao Ministério Público. 



A Câmara Municipal de Iaciara respondeu e informou que não há ficha sujas no município. 

Acompanhe no site do Ministério Público Federal  


Tribunal de Contas de Goiás divulga lista negra



O Tribunal de Contas dos Municípios do Estado de Goiás (TCM GO) entregou, no dia 05 de julho de 2012, ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) a lista dos agentes públicos que nos últimos 8 anos (2004 a 2012) tiveram suas contas julgadas irregulares ou com parecer prévio pela rejeição.
Conforme o artigo 11, § 5° da Lei n° 9504/97 (Lei das Eleições), o TCM GO deve encaminhar à Justiça Eleitoral relação dos responsáveis que tiveram suas contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas rejeitadas por irregularidade insanável e por decisão irrecorrível, ressalvado os casos em que a questão estiver sendo submetida à apreciação do Poder Judiciário, ou que haja sentença judicial favorável ao interessado. 

O TCM GO não declara a inelegibilidade de nenhum agente público. Essa competência é da Justiça Eleitoral.
Lista
Na lista constam 3.736 contas julgadas irregulares ou com parecer pela rejeição, dentre elas 5 Tomadas de Contas, de responsabilidade de 1.835 pessoas físicas que se enquadram nos requisitos legais.
Constam na lista:
  • agentes públicos que tiveram suas contas de gestão relativas ao exercício de cargos ou funções públicas julgadas irregulares;
  • agentes públicos que tiveram suas contas de governo recebido o Parecer Prévio recomendando a rejeição;
  • as contas que foram objeto de Tomada de Contas Especial já apreciada pelo TCM GO.



Campos Belos está na lista 

O Município de Campos Belos aparece na lista do TCM-GO dezesseis vezes, entre os anos 2002 e 2008.  

O último processo de contas rejeitado foi do Ipasmc (fundo de aposentadorias dos servidores municipais), balancetes mensais de dezembro de 2009 e julgado em dezembro de 2011. 


Esta é a razão que moveu o promotor-eleitoral  a pedir a impugnação contra a candidatura do ex-prefeito Aurolino José dos Santos Ninha e que foi deferida pelo Juiz-eleitoral do Tribunal Regional Eleitoral. 



A decisão está em fase de recurso. 







Jornal Tribuna News já tem nova edição


A página 10 da nova edição do Jornal Tribuna News faz um panorama sobre as candidaturas nas eleições municipais de Campos Belos. 


Na página 11 traz matérias sobre Arraias, Novo Alegre e Combinado. 


Leia aqui a íntegra do jornal 



Recurso de Ninha já está registrado no TSE

A contestação da impugnação pedida pelo Ministério Público Eleitoral e deferida pelo Juiz-eleitoral do Tribunal  Regional Eleitoral  contra da candidatura  do ex-prefeito Aurolino José dos Santos Ninha foi juntada aos autos de registro da candidatura. 


A Juntada do documento nº 88.270/2012 -Contestação a Impugnação ajuizada pela Coligação "Campos Belos para Todos -  foi  registrada no site do Tribunal Superior Eleitoral  ontem, 21 de julho. 


Agora é esperar a decisão do juiz-eleitoral quanto à possibilidade ou não de Ninha continuar como candidato a prefeito de Campos Belos. 


Provavelmente, a decisão do juiz deve ocorrer nesta semana que se inicia. 

Esse imbróglio jurídico está mexendo com os ânimos dos correlegionários, tantos dos aliados quanto dos adversários do ex-prefeito.  

E não é para menos.  

A decisão do magistrado deve alterar sensivelmente o rumo da campanha política do município.    

De Campos Belos (GO): Escolinha K10 mede forças com o Goiás e Atlético Goianiense

Por Morgana Tavares, A Escolinha de Futebol K10, presidida pelo ex-jogador de futebol profissional Kássio Fernandes, compareceu pe...