domingo, 22 de abril de 2012

Vai ser difícil abater Reguffe para governador de Brasília


Deputado Federal Reguffe também é jornalista 


Reguffe se desponta como potencial candidato a governador de Brasília.
A crise ética que há décadas sangra o governo do Distrito Federal está criando condições muito favoráveis ao deputado Federal.

Tanto por seus próprios métodos, quanto pelo poder de autodestruição dos outros concorrentes.  Este ano em Brasília não haverá eleição, pois não há prefeitos. 


Por isso, as costuras começam a serem feitas para a futura eleição de governador.

Tudo isso antecipado pelo lamaçal desmesurado em que se envolveu o atual governador Agnelo Queiroz.

Ele foi eleito em contraponto ao coronelismo da família Roriz e seus capangas, que por décadas mamaram e enriqueceram às custas dos cofres públicos.  O voto em Agnelo foi uma aposta na ética.

Porém, depois de um ano e meio à frente do Governo de Brasília, o que está se vendo é um Agnelo fraco, envolvido em denúncias de corrupção, espionagem, cinismo e falta de gestão.

Não consegue dialogar nem mesmo com os movimentos vindos do coração do próprio PT, seu partido, como a greve dos professores que já dura mais de 40 dias, os metroviários, que dia sim e dia não entram de greve; a polícia militar que já deu um prazo para voltar com a "operação tartaruga", sem contar com os inúmeros secretários diretos envolvidos com malandragens.

Por outro lado Regufe, que também é jornalista,  segue firme como um bastião da moralidade, em meio às pressões sociais, principalmente através das mídias sociais.   

Os cidadãos clamam por moralidade, respeito ao dinheiro público,  probidade...


E Reguffe tem saciado esse anseio com medidas simples e que agradam.

José Antônio Reguffe, de 38 anos, foi o deputado federal mais bem votado do país em termos proporcionais.

Escolhido por 266.465 eleitores, o equivalente a quase 19% dos que foram às umas no Distrito Federal nas últimas eleições, ele superou fenômenos televisivos, como Tiririca, e integrantes de clãs políticos tradicionais.

No primeiro dia de trabalho, o parlamentar expediu seis ofícios à diretoria-geral da Câmara.

Abriu mão do 14° e do 15° salários reduziu o número de assessores no gabinete, cortou gastos com salários de assessores e diminuiu sua verba de atividade parlamentar. (Somente este mês o Senado votou para acabar com os supersalários extras)

Como morador de Brasília, naturalmente também abriu mão do auxílio-moradia e das passagens aéreas. 

As medidas resultarão em uma economia de 2,4 milhões de reais nos próximos quatro anos.

Se elas fossem seguidas por todos os 513 deputados, a economia chegaria a 1,2 bilhão no mesmo período. Reguffe tomou medidas idênticas quando exerceu o mandato de deputado distrital em Brasília.

Além de ter demonstrado que é possível um parlamentar trabalhar sem mordomias em excesso, o deputado brasiliense teve uma votação que prova como isso está em sintonia com o que pensa o eleitor.

Por tudo isso, vai ser difícil encontrar um potencial candidato a governador que abata Reguffe.

3 comentários:

  1. PORQUE REGUFFE JÁ QUE É TÃO ÉTICO NÃO EMPLACOU COMO MINISTRO DO TRABALHO.???????????

    ResponderExcluir
  2. Esperamos que você seja forte e faça valer a confiança depositada em você Reguffe, use seu instinto e faça a coisa certa; afinal, essa chance de 2014 pode ser a ultima...

    ResponderExcluir
  3. Reguffe enquanto candidato, assumiu o compromisso de cumprir integralmente o mandato como deputado federal caso fosse eleito. E está cumprindo a risca!!! Ser ético é cumprir com aquilo que se comprometeu enquanto candidato, ser DEPUTADO FEDERAL e não Ministro.

    ResponderExcluir

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.

Chapada: Bruna Griphao mostra tanquinho trincado em passeio na cachoeira

Viagem e foto boa tem mais que relembrar! Bruna Griphao usou seu instagram na última quinta-feira (13) para fazer um #tbt de viag...