Prefeito Sardinha apóia propostas do núcleo diretivo do Território de Cidadania Chapada dos Veadeiros em Campos Belos



Da Tribuna News,


Em reunião dos membros do Território de Cidadania Chapada dos Veadeiros, foram apresentadas pelo titular do núcleo diretivo, Evônio Madureira, propostas de desenvolvimento para Campos Belos.

Entre as iniciativas sugeridas está a construção de um viveiro de mudas e implantação de um programa de educação ambiental; recuperação das nascentes da área urbana da cidade; canalização dos córregos que cortam a cidade; aquisição de dois caminhões para coleta de lixo e construção de uma usina de reciclagem.

Também foi proposto pelo titular a aquisição de equipamentos industriais para fábrica de farinha; rapadura e açúcar mascavo; Resfriador de leite; kit de irrigação para produção de hortaliças; patrulha mecanizada; granja para produção de frangos e suínos e uma máquina para beneficiar grãos.

Estes equipamentos irão beneficiar diretamente a Associação dos Produtores Rurais da Fazenda Touro e produtores das fazendas Touro, Cabeçudo, Paiol Velho, Boca da Caatinga, Pinheira, Vaca Morta e Barreirão.

Segundo o Coordenador Geral do Território, Sinomar Machado de Carvalho, de Alto Paraíso, as propostas serão encaminhadas para a Secretaria de Desenvolvimento Territorial, em Goiânia para posterior liberação dos recursos.


CONHECENDO O TERRITÓRIO - O Território da Cidadania Chapada dos Veadeiros – GO localiza-se na região Nordeste do Estado de Goiás, tradicionalmente conhecida por ser um dos maiores paradoxos territoriais de Goiás: resguardar uma bela e potencial reserva natural, por um lado, e encerrar a condição de “corredor da miséria” social, por outro essa região posiciona- se hoje como uma das que guardam as maiores riquezas naturais do estado de Goiás, fato que lhe consagrou o título, pela UNESCO, de Reserva da Biosfera de Goyas, além da sua inserção no documento das Ações Prioritárias para a conservação da Biodiversidade do Cerrado e Pantanal.

É esse reconhecimento, enquanto patrimônio ambiental, que dá a essa região uma contraditória qualificação: uma pobreza econômica versus uma riqueza ambiental/ cultural.

Esta última começa a ser reconhecida por agentes externos que percebem que os melhores atrativos ecoturísticos estão, por excelência, concentrados em áreas “isoladas” como essa do Nordeste Goiano.

 Os municípios constituintes do Território da Cidadania Chapada dos Veadeiros: Alto Paraíso de Goiás (1953), Campos Belos (1953), Cavalcante (1911), Colinas do Sul (1987), Monte Alegre de Goiás (1947), Nova Roma (1958), São João da Aliança (1953) e Teresina de Goiás (1988), foram criados no contexto de políticas desenvolvimentistas, articuladas nacionalmente a partir dos anos de 1930.

Tais criações foram resultados de desmembramentos de outros municípios, atendendo às exigências do novo padrão de ocupação territorial fruto dos fluxos migratórios relacionados às políticas de desenvolvimento.