Postagens

Mostrando postagens de Janeiro 16, 2011

Polícia prende suspeito de matar o prefeito de Alto Paraíso

Imagem
A polícia prendeu, na noite de quarta-feira (19/1), o marceneiro Ary Abadi Garcês, 55 anos, suspeito de matar o prefeito de Alto Paraíso (GO), Divaldo William Rinco, no dia 2 de setembro de 2010.

O marceneiro foi localizado e preso em Belo Horizonte (MG). O caso estava sendo investigado pela Polícia Civil de Goiás.


Segundo o delegado-chefe da Comunicação da Polícia Civil de Goiás, Norton Luiz Ferreira, a polícia já estava monitorando Ary pelo serviço de inteligência.

Por isso, policiais civis de Goiás foram enviados até a cidade mineira e conseguiram realizar a captura com a ajuda do efetivo de Minas Gerais.


O diretor-geral da Polícia Civil de Goiás, Edmundo Dias de Oliveira Filho, viajou, nesta manhã de quinta-feira (20/1), para Belo Horizonte. Ary deve ser apresentado primeiro em Minas Gerais.

O delegado Norton Ferreira explicou que antes de ser transferido para Goiás, a polícia terá que conseguir uma autorização na Justiça, que já está sendo negociada.


Memória

O prefeito de Alto …

Mais uma do "jeitão" Dilma de governar

Imagem
Sem alarde, uma alegre rotina que existe desde sempre para os ministros brasileiros foi proibida por Dilma Rousseff.

A partir de agora, nenhum deles poderá usar jatinhos da FAB para passar o fim de semana em seu estado.

Usualmente, os ministros marcam reuniões em sua cidade às sextas ou segundas-feiras somente para usufruir a mordomia.

Em sua esmagadora maioria, são reuniões tão relevantes quanto um jogo de futebol da terceira divisão.

Em 2009, um campeão da modalidade, Tarso Genro, então ministro da Justiça, fez mais de quarenta viagens para Porto Alegre em aviões oficiais.

O primeiro escalão de Dilma foi avisado: jatinho da FAB é só para compromisso de verdade.

Do contrário, que o distinto ministro se dirija ao balcão de uma companhia aérea.

Fonte: Veja

Ex-ditador volta ao Haiti

Imagem
 
O ex-presidente do Haiti Jean-Claude Duvalier, conhecido pelo apelido de "Baby Doc", que governou o país entre 1971 e 1986, chegou neste domingo de surpresa a Porto Príncipe, em um voo da companhia Air France procedente de Paris.


Uma multidão recebeu o ex-ditador no aeroporto internacional Toussaint Louverture, onde chegou acompanhado de vários colaboradores pouco depois das 17h30 (horário local, (20h30 de Brasília), e foi amparado na sala diplomática, informaram emissoras locais.

Cerca de três horas após sua chegada, ele deixou o aeroporto, com destino desconhecido, em um veículo oficial com forte escolta de oficiais da Polícia e da Missão das Nações Unidas para a estabilização do Haiti (Minustah).

A notícia da presença de "Baby Doc" de novo no Haiti 25 anos após ser derrubado por uma revolta popular e no meio da crise que vive o país circulou pela capital e foi retransmitida ao vivo por várias emissoras de rádio.

Centenas de pessoas se reuniram no aerop…

Dilma começa a impor seu estilo de Governo

Imagem
Insatisfeita com o loteamento de cargos nas estatais do setor elétrico, a presidente Dilma Rousseff já acertou com o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, que fará uma varredura nos postos estratégicos das empresas do setor.

Uma fonte do PT revelou ao jornal O Estado de S. Paulo que a presidente eleita, quando convidou Lobão para retornar à pasta, impôs a condição de que fosse feita uma reorganização generalizada no setor, que é bastante estratégico para garantir o fornecimento de energia elétrica para sustentar o crescimento econômico brasileiro.

E que ele aceitou essa condição, mesmo sabendo que o PMDB corria o risco de perder postos importantes. "Ela ajustou isso como Lobão.

Ela vai acompanhar o setor elétrico com mão de ferro", afirmou a fonte.

Conhecida como "dama de ferro" do setor elétrico, por ter adotado um novo modelo na época em que foi ministra de Minas e Energia, no primeiro mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Lobão sabia que, qu…