Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2009

O Jornalismo e o tição

* Alfredo Vizeu

O ex-governador Leonel Brizola foi perguntado certa vez por um repórter sobre sua possível decadência política. Tranqüilo e com voz firme ele respondeu: “Eu sou que nem o tição, é só soprar que eu incendeio”.

O tição é um pedaço de lenha acesa ou queimada, um braseiro, colocado entre gravetos e lenhas nos fogões do interior do Estado do Rio Grande do Sul para ajudar a fazer o fogo nas manhãs frias. Como disse Brizola, um simples sopro e a chama toma conta de tudo.


Pois o exemplo do ex-governador serve como uma boa analogia para explicar como jornalistas, estudantes de jornalismo, professores, pesquisadores e a sociedade de uma maneira geral sentiram-se incomodados com a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de abolir a obrigatoriedade do diploma de Jornalismo para o exercício da atividade profissional.

Sopraram o tição e aumentam cada vez mais as manifestações em todo o País, de legislativos estaduais a deputados e senadores, bem como das entidades sindicais na luta p…

MP pede intervenção estadual no município de Campos Belos

A subprocuradora-geral para Assuntos Jurídico Institucionais do Ministério Público de Goiás, Ana Cristina Ribeiro Peternella França, propôs representação no Tribunal de Justiça pedindo intervenção estadual no município de Campos Belos, na Região Norte do Estado.

O pedido tem como base o descumprimento, pelo município, de ordem judicial expedida a partir da proposição de ação civil pública na qual foi requerida a nomeação dos candidatos aprovados para o cargo de professor.


Conforme a representação do MP, consta que o município não acatou decisão e interpôs recurso ao Tribunal de Justiça, que o converteu em agravo retido.

Dessa forma, os autos retornaram ao juízo de origem, ocasião em que o município juntou petição ao processo informando que o cumprimento imediato de origem, ocasião em que o município juntou petição ao processo informando que o cumprimento imediato da liminar resultaria no esgotamento do objeto da ação, causando prejuízos ao erário.

Isso demonstra, como ressalta a subpro…

Bob Flash publicou

Imagem
O site de baladas Bob Flash publicou o lançamento da Revista Panorama Recife, do Jornalista Paulo Magalhães e a cobertura de TV que fizemos do evento.

Para não passar batido e se perder no tempo, publicamos agora no nosso Blog.

Veja aqui a cobertura do evento

Livros: Ex-diretor da Radiobrás mostra bastidores do poder

Imagem
"Para gerir a Radiobrás, Eugênio Bucci enfrentou cara feia, corporativismos, puxadas de tapete de ministros, intrigas de assessores e de áulicos palacianos e uma crônica magreza de recursos". - Ricardo Setti, jornalista e escritor

"Em Brasília, 19 horas". Era com este bordão, do programa "A Voz do Brasil", que amigos saudavam Eugênio Bucci às vésperas do início do primeiro governo Lula.

O jornalista estava prestes a assumir o cargo de presidente da Radiobrás, sua primeira experiência na vida pública após trajetória notável em grandes redações do país.

A meta de Bucci era clara: fazer a estatal cumprir seu papel constitucional de servir à sociedade, atendendo o direito à informação.

Em quatro anos à frente da Radiobrás, acumulou vitórias e derrotas.

Agora, de volta ao ofício de repórter, Eugênio Bucci oferece aos brasileiros um dos mais reveladores e corajosos relatos jamais produzidos sobre os bastidores do poder na capital do país: o livro"Em Brasília,…

De volta aos textos

Amigos internautas,

Gostaria de pedir desculpas pela demora, cerca de 10 dias, sem atualizar a nossa página.

Mas foi por uma boa causa. Com a proximidade da prova do TCU, “concurseiro” que se preza tem que reservar pelos menos duas semanas de intensivo, com direito a esquecer a vida fora das matérias.

E foi isso que ocorreu comigo.

É isso. Mas voltamos esta semana com os nossos textos.

A propósito, continuo repercutindo a última viagem que fiz a Campos Belos. Encontrei muita coisa interessante, que, no meu juízo, deve ser de seu conhecimento.

Catador vive agonia do desemprego em pleno aterro sanitário

Imagem

Catador virou mendigo

Imagem
O catador Bonfim Pereira tem pouco mais de 50 anos de idade, mas aparenta ser muito mais velho.

Ele foi vítima do grande mal que afetou e ainda aflita grande parte da população do nosso país: pobreza, trabalho diário ao sol, falta de alimentação adequada, falta de um emprego decente e dignidade.

As rugas em seu rosto contam uma história semelhante a de muitos brasileiros.

Pelas idas e vindas à procura de melhoras em sua condição social, andou pela Bahia, Tocantins e Goiás.

Fixou-se definitivamente em Campos Belos acerca de 20 anos, onde constituiu família e uma casinha na periferia da cidade.

Morador de um bairro próximo ao lixão, logo encontrou nos rejeitos urbanos uma fonte de renda e meio de sobrevivência.

Não sabia ele, há 14 anos, que aquela profissão iria se tornar um dos ofícios mais benéficos para humanidade e um dos mais valorizados no mundo civilizado.

Do poder público, recebeu um voto de confiança e a promessa de que sairia da informalidade, do improviso.

Deixaria de ser um…

Usina apodrece em Campos Belos

Imagem
Enferruja a céu aberto um dos mais visionários projetos de investimentos da cidade de Campos Belos, nos últimos 30 anos. Uma usina completa de reciclagem de lixo está abandonada e virando sucata de ferro velho, a não mais do que quatro quilômetros da sede do Poder Executivo Municipal.

A Usina foi criada na gestão do ex-prefeito Anjo Galvão, em meados da década de 90 e tinha como intenção ser mais social do que empreendedora.

O objetivo era dar dignidade e expectativa de emprego e renda para cerca de duas dezenas de pessoas que sobreviviam catando lixo.

A maquinaria moderna foi comprada e instalada no aterro sanitário da cidade. Toda uma estrutura foi montada para receber os equipamentos, inclusive com a construção de um galpão para a Associação de Catadores e de uma casa de força.

Passados cerca de 10 anos da ousada e competente iniciativa, o projeto e todo o maquinário estão em ruínas.

O que era para ser uma escola de empreendedorismo e uma válvula de escape da sociedade mar…

16ª Exposição Agropecuária de Campos Belos começa dia 9

A 16ª Exposição Agropecuária de Campos Belos vai ser aberta oficialmente no próximo dia 9, com a expectativa de dois mil participantes.

O evento vai ser realizado no Parque de Exposições Agropecuárias do Sindicato Rural do município, durante três dias.

Além dos rodeios, a programação da festa inclui shows do grupo Mala sem Alça e da dupla Máida e Marcelo.

Mais informações: (62) 3201-8905