Banner 1

Banner 1

domingo, 20 de maio de 2018

Prefeitura de São Domingos (GO) promove evento no Dia de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes




Nesta última sexta-feira (18),  Dia Nacional ao abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes, foi comemorado com uma marcha realizada pela Prefeitura Municipal de São Domingos, em parceria com a Secretaria de Saúde, Educação, Assistência Social, Conselho tutelar e outras entidades públicas.

Na oportunidade, foi feita uma caminhada com forma de marcha, utilizando carros de som, apitos e músicas próprias do tema pelas ruas da cidade. 


Cada escola pública saiu nas ruas com cartazes educativos, distribuição de panfletos e banners com informações importantes a toda comunidade.

O evento foi finalizado na feira livre, com falas do secretário de Saúde Luiz Antônio, da psicóloga Tamara; da coordenadora da atenção básica, de Maria  Suzanny; do conselheiro Tutelar Carlinho; diretora da Escola Ciran, Andreia e de  Ednaldo, do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculo.

A iniciativa em realizar esse evento, deve-se ao grande índice de casos de Abuso Sexual de crianças e adolescentes no Brasil e na região, uma tentativa de alertar os pais sobre a importância de observar qualquer alteração no comportamento dos filhos.

É uma tentativa de inibir esses crimes nos abusadores e de incentivar a denúncia, pois abuso e Exploração Sexual Infantil é crime e devasta a vida de famílias, crianças, adolescentes e infelizmente são cometidos por pessoas próximas.


"A marcha na história das guerras tem um importante papel, as vitorias foram alcançadas e tropas inteiras salvas de fogo e artilharia graças às marchas, significa unidade, é uma estratégia de conquista.

E é isso o que queremos com crianças e adolescentes, queremos vencer a batalha contra o abuso e exploração sexual infantil para proteger nossas famílias e a estratégia é a marcha! Uma sociedade unida e participativa, expurgar os maus, desde as drogas ao abuso sexual", disse um dos organizadores.


Fonte: Prefeitura e Antônio Carlos

Sociedade: casal CMC, Rose e Pedro, recebem amigos, em Brasília, para apagar as velinhas dela



O casal Rose Márcia e Pedro da CMC, um dos principais empresários de Campos Belos (GO) - ramo de material de construção - abriu as portas de sua residência, em Águas Claras (Brasília), para receber amigos e convidados. 

A linda festa foi para comemorar o aniversário de Rose, que completa mais uma primavera, feliz da vida. 

E as velinhas foram apagadas em grande estilo. Entre os convidados, muitos amigos camposbelenses e montealegrenses. 

No cardápio, uma ótima feijoada, caipirosca, muito chope, regados a uma prestigiosa roda de samba. Tudo planejado nos detalhes. 

A oportunidade foi ótima para comemorar a vida,  rever os amigos e falar de tudo, até sobre política. 

Rose e Pedro foram extremamente receptivos, atenciosos e generosos. Só nos resta agradecer a acolhida e a sincera amizade. Parabéns!!











São Domingos/GO: Prefeitura inaugura unidade de saúde no setor Jardim Primavera



A Prefeitura Municipal de São Domingos, no nordeste goiano, através da Secretaria de Saúde, inaugurou na última quarta-feira (16) a nova unidade de saúde PSF-IV localizado no Setor Jardim Primavera.

Essa nova equipe da saúde irá realizar atendimento a toda comunidade do setor Vila União, Jardim Primavera e o Setor São Sebastião e uma parte da zona rural do Bastião.

Será um PSF misto, pois atenderá a zona urbana e a zona rural.

Participaram na inauguração, o prefeito, vereadores, profissionais da saúde, secretários e a comunidade. Além da presença de religiosos que abençoaram o local.


Fonte: Prefeitura

3º etapa da Escola de Pecuária Intensiva da Assocon leva treinamento para produtores rurais de Iaciara (GO), nos dias 28 e 29 de maio


Iaciara é um município brasileiro do estado de Goiás e sua economia baseia-se na agricultura e pecuária, onde acontece a 3ª etapa da Escola de Pecuária Intensiva 2018, iniciativa da Associação Nacional da Pecuária Intensiva (Assocon).

O curso acontece nos dias 28 e 29 de maio de 2018, na Câmara Municipal de Iaciara ( Av. Vereador Djalma José dos Santos, Qd 43, Lt. 01, s/n, Setor Sul). A cidade está localizada no nordeste goiano e apresenta aptidão agropecuária, sendo que suas terras são consideradas entre as melhores do país. 

A cidade surgiu em decorrência da busca por pastagens durante o ciclo da pecuária, tendo sido emancipada em 14 de novembro de 1958, desmembrando-se do município de Posse, Goiás. 

Passou pelo período de extrativismo vegetal, e hoje consolida-se como grande produtora de gado bovino de corte, suprindo a demanda regional e exportando o excedente para os estados da Região Nordeste do Brasil.

De acordo com o gerente executivo da Assocon, Bruno Andrade, serão dois dias de palestras abordando diversos assuntos de suma importância para o avanço das atividades relacionadas a pecuária intensiva nacional, como: nutrição animal, sanidade, s e l e ç ã o de animais, cerca elétrica, manejo racional e identificação animal. 

“Preparamos os conteúdos com muito cuidado para atender às necessidades dos colaboradores das fazendas de Iaciara e região, de maneira prática, direta e aplicável no dia a dia desses profissionais. 

O intuito é levar novos conhecimentos sobre a produção intensiva de bovinos de corte, incentivar a troca de informações entre os participantes e aumentar a interação na pecuária, bem como apresentar conceitos, tecnologias e inovações para a melhoria da produtividade”, destaca Andrade.

As inscrições já estão abertas e podem ser realizadas pelo site www.assocon.com.br ou pelos telefones (11) 5041-5548. Em caso de dúvidas entre em contato pelo e-mail faleconosco@assocon.com.br ou telefone (14) 99688-2032. 

O valor é de R$ 50,00 por participante. Os associados e colaboradores de confinamentos filiados à Assocon são isentos da taxa de inscrição.

Confira a programação em Iaciara (GO)

Dia 28 de Maio

8h – 12h

- Instalação de cerca elétrica | Tru-Test

- Manejo e identificação animal | Allflex

- Qualidade de mistura da dieta: o boi come o que deveria? | Cargill

12h – 13h30 | Almoço

13h30 – 17h

- Técnicas e manejo nutricional para confinamento | DSM

- Vantagens e utilização do semi-confinamento | DSM

Dia 29 de Maio

8h – 12h

- Seleção de animais para engorda | ABCB Senepol

- Aditivos para suplementação na produção a pasto | Elanco

12h – 13h30 | Almoço


13h – 17h

- Manejo sanitário em bovinos de corte (cria, recria e engorda) | MSD

- Reprodução animal | MSD

Sobre a Assocon
A Associação Nacional da Pecuária Intensiva – ASSOCON defende os interesses da pecuária intensiva. 

A entidade se propõe a ser um elo na cadeia produtiva e agente de transformação e agregação de valor aos seus sócios por meio de prioridades estabelecidas em comitês específicos. 

A Assocon trabalha para defender os interesses dos associados e representá-los junto aos órgãos públicos e privados, além de incentivar o aumento contínuo da qualidade e da eficiência de produção, alinhando-se a demandas de mercado cada vez mais exigente e antecipando oportunidades aos confinadores e à pecuária intensiva como um todo, transformando os desafios do mercado em valiosas estratégias de crescimento. 

Mais informações: www.assocon.com.br

Posse (GO): Reunião de trabalho com os representantes das Forças de Segurança Pública do Nordeste Goiano



Na última quinta-feira (17), sala do comandante do 13º CRPM na cidade de Posse, no nordeste goiano, estiveram reunidos, o comandante da unidade militar, TC PM Jackson Luzo Conceição Araújo; Alexandre Câmara - Delegado Regional da Policia Civil;  o major BM Xavier - Comandante do Corpo de Bombeiros local, Major PM Bandeira - Comandante do 24º BPM, Major PM Ramos - Subcomandante Regional, corpo de oficiais da PM do 13º CRPM e 24º BPM e agentes da Polícia Civil, com objetivo de fazer tratativas relativas a 31ª AISP ( Área Integrada de Segurança Pública) e 32ª RISP (Região Integrada de Segurança Pública), referente as ações de operações integradas de Segurança Pública.

O encontro serviu para analisar os resultados obtidos durante o trimestre e traçar novas metas no combate à criminalidade ao longo deste ano em conjunto com as forças da Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo Bombeiros Militar.

Segundo o Ten Cel Luzo, os bons resultados são frutos dos esforços conjuntos entre as diversas forças de Segurança da região do Nordeste Goiano que trabalha diuturnamente na luta contra a criminalidade. 

Os trabalhos desenvolvidos em conjunto, inclui a realização de patrulhamentos, blitz, ações de saturação, e atividades de fiscalização diversas.

“A Polícia Militar vai estar presente com todo empenho que sempre demostrou, garantindo que a segurança pública esteja no patamar necessário para sua total operacionalidade, afirmou o Ten Cel Luzo.”


Fonte: 13º Comando Regional da Policia Militar

Campos Belos (GO) promove 2ª edição da Taça Cidade de Basquete



Arremessos precisos e dribles desconcertantes são esperados na segunda edição da Taça Cidade de Basquete, em Campos Belos, no nordeste goiano.

A segunda edição do torneio é uma homenagem a Kaique Henrique Soares da Silva, que era um amante do basquete.

A Taça Cidade terá a participação de diversas equipes em todas as categorias.

A competição terá inicio do dia 9 de junho, no ginásio de esportes de Campos Belos.

A organização é da secretaria municipal de esportes. Agende aí.

Política: aviões com a classe já cruzam os céus de Campos Belos, água do mosquito continua sendo a isca


Por Jefferson Victor,

Nos últimos meses não tem sido raro aviões chegando e saindo da cidade, são os políticos buscando grupos de apoio ás suas candidaturas, e fazem um barulho danado, buscam diretórios municipais, as lideranças políticas e principalmente emissoras de rádio para divulgarem suas indesejadas presenças.

São feras famigeradas que após mais de três anos de hibernação deixam suas tocas em busca do voto, suas estratégias demoníacas já estão sendo colocadas em prática.

Nesse pacote estão senadores, deputados federais e estaduais, todos com asinhas de anjos, ingênuos senhores e senhoras bem intencionados, prometem resolver todos os problemas existentes na comunidade, e se ainda não resolveram é porque desconheciam.

Os que são situação dizem estar cobrando providências do governador, quem é oposição diz que seu candidato sendo eleito trará todas as soluções em um toque de mágica.

E pasmem os senhores, a tônica das conversas continua a mesma, a água do Rio Mosquito, dessa vez vai ser concluída, todos prometem empenho para que essa obra se concretize.

Muitos desses senhores participam de forma presencial ou por telefone do programa Cidade em Foco, seus apresentadores têm dado a esses senhores uma demonstração de que de enganação já estamos cheios.

Tenho ouvido alguns dos entrevistados meio embaraçados em suas respostas, apressam em dar uma explicação que não convence ninguém, e tentam saltar para um tema menos abrangente e que os comprometam menos.

Algumas lideranças ou candidatos a ela, também tentam influenciar as pessoas, dizem que escolheram a dedo esses senhores, que prometeram fidelidade ao grupo e que sendo eleitos não decepcionarão os votos recebidos.

Esse povo segue uma cartilha, são treinados para enganar, eles sabem sair de situações adversas e, infelizmente muita gente se deixa levar pelas falsas promessas e projetos, além de apresentarem realizações que sabemos serem mentirosas.

Temos que conhecer bem o currículos desses senhores, a maioria é de candidatos à reeleição, daí devemos ver o que já fizeram pela cidade, quais emendas votaram a favor do município, e quais desses projetos vingaram.

Além disso temos que ver como votaram a reforma trabalhista que tirou direitos do trabalhador, e como votaram os pedidos de investigação do presidente Temer, vamos ver quem o ajudou a escapar das investigações da Polícia Federal, se foram a favor, foram coniventes com a corrupção e contribuíram para o salvo conduto, com isso perderam a credibilidade com o eleitor.

Lembre-se que seu voto é uma arma importante, e tem o mesmo peso do voto das maiores autoridades deste país, portanto, avalie cada candidato e não se deixe enganar por falsas promessas, lideranças políticas têm o seu interesse político e as vezes até financeiro, não se deixe enganar mais uma vez.

Campos Belos: Agua do rio Mosquito é mais uma doce ilusão




Por Jefferson Victor, 

Há quase duas décadas o até então governador Marcone Perillo vem anunciando a tão sonhada água do rio Mosquito, mas até o presente momento nenhuma certeza se tem da conclusão desta obra de grande importância à população local.

Como disse um graduado funcionário da Saneago, a água do Mosquito é necessária nem só pelo sabor, mas sobretudo em relação ao volume, pois a cidade está desenvolvendo a passos largos, e o Montes Claros tem demonstrado ano a ano que não possui capacidade de acompanhar o desenvolvimento urbano.

Em consequência deste fato, políticos de todos os níveis passaram a explorar o tema como uma vertente importante para angariar votos.

Ao menos três mandatos de candidatos eleitos foram munidos de promessas de realização da obra, e como ela não sai do papel, novamente se pede crédito para o próximo mandato onde a obra supostamente poderá ser inaugurada.

A nível de governo estadual, Marcone Perillo se elegeu por três vezes e foi campeão de votos, tudo isso em função da promessa que concluiria os trabalhos dessa transposição.

Em seu último discurso como governador em solo campo-belense ano passado, ele fez um discurso nada animador, disse que a empresa contratada não honrou o compromisso, e com isso seria necessária uma nova licitação, e que já havia recomendado ao presidente da Saneago a urgência no caso, para que pudesse ser inaugurada ainda durante sua gestão.

O público presente em sua maioria entendeu o recado, a água deixou de ser prioridade, mas anunciou na ocasião que a ligação do asfalto Divinópolis Monte Alegre já contava com dinheiro depositado para conclusão da obra, a qual pediu aos executores urgência na execução dos trabalhos, e até o presente momento nem uma coisa nem outra, ficou na promessa.

Enganação pura, segundo comentários na cidade, o atual prefeito teria anunciado em uma programa de rádio, que ele estava desanimado, e que não via nenhuma possibilidade de continuidade das obras paralisadas nesse atual governo, e teria sido bastante enfático em suas afirmações, parece que ele tinha razão, a negativa se confirmou, não há nenhuma previsão de continuação.

Como certo se tem que alguns quilômetros de canos foram enterrados, porém as adutoras que formam a parte mais complexa ainda não foram iniciadas, e os tubos que estão depositados no pátio do Cras, talvez nem sirvam mais , pois estão expostos ao sol e podem estar fragilizados.

Todos os candidatos que estão saindo de suas tocas em busca de votos para as eleições desse ano, abordam o tema água do Mosquito, são promessas infundadas e enganadoras, aprenderam a brincar com os sentimentos do povo desta cidade, é como se achassem que aqui só mora bobo e são facilmente enganados por mais quatro anos.

Precisamos sim de água, mas esses candidatos que chegam com essa estratégia logo de cara não merecem crédito, se quisessem já teriam resolvido esse problema de quase vinte anos, chega de enganação.

Por esses e outros fatores podemos afirmar que a tão esperada água não entrou pelo cano, e sim a população, a qual votou e acreditou que teria água doce e de qualidade conforme anunciado, mas pelo que se viu até agora, é que o sonho tornou-se mais uma doce ilusão.

sexta-feira, 18 de maio de 2018

Preso homem acusado de assaltar mercado em Cavalcante (GO)




Na manhã de ontem (17), a Delegacia de Polícia de Cavalcante, titularizada pelo delegado George Aguiar Muniz, cumpriu o mandado de prisão preventiva em desfavor de um rapaz, identificado pelas iniciais A.C.S.

O rapaz é acusado de ser um dos participantes do roubo, com a utilização de arma de fogo, ao Supermercado Arraes, localizado no Setor Cavalcantinho, em Cavalcante, nordeste de Goiás. 

O roubo ocorreu no dia 14 de fevereiro deste ano, quando três homens encapuzados, em posse de arma de fogo, entram no estabelecimento comercial e subtraíram, mediante violência e grave ameaça, cerca de R$ 7 mil. 

Com o aprofundamento das investigações, a Polícia Civil descobriu a participação de mais cinco pessoas, incluindo dois menores.

No dia seguinte ao fato, as Polícias Civil e Militar empreenderam diligências e efetuaram a prisão em flagrante de quase a totalidade dos envolvidos, porém A.C.S havia fugido dos policiais, momentos antes de chegada das autoridades ao local e estava foragido até então.

Com o cumprimento do mandado, A.C.S, que já havia sido indiciado pelos crimes de roubo majorado e corrupção de menores, ficará a disposição do Poder Judiciário.

Participaram da operação, além do Delegado Titular da unidade, os Agentes de Polícia Sylvio Augusto Proença de Moraes e Hélio de Oliveira Araújo Neto.

José Eliton recebe prefeitos da Região Nordeste e atende demandas dos municípios


O governador José Eliton recebeu, na manhã desta quarta-feira (16), no Palácio das Esmeraldas, os prefeitos de Alto Paraíso, Martinho Mendes; Flores de Goiás, Jadiel Ferreira; e Simolândia, Ademar Antônio. 

Na ocasião, discutiu e encaminhou demandas dos municípios.

O prefeito de Flores de Goiás, Jadiel Ferreira, elogiou a audiência e disse que, com José Eliton no governo, Goiás segue avançando. 

“Ele atendeu a todos os nossos pedidos e eu não tenho dúvida de que, com José Eliton, vamos transformar o Nordeste de Goiás. 

O Estado todo está melhorando com a excepcionalidade do governador José Eliton”, afirmou.

Fonte: Diário de Goiás 

UEG: Aluna aprovada no vestibular antes do término do ensino médio pode se matricular em universidade



A Universidade Estadual de Goiás (UEG) deverá matricular a estudante Letícia Alves Ramos, que foi aprovada no vestibular do curso de letras da instituição de ensino superior. 

A UEG havia negado a matrícula em razão da aluna não ter concluído o ensino médio. A decisão, unânime, é da 6ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), tendo como relator o desembargador Jeová Sardinha de Moraes.

Conforme os autos, no dia 13 de janeiro de 2015, a aluna obteve aprovação no vestibular da instituição para o curso de letras, contudo, lhe foi negada matrícula sob o argumento de não ter concluído o ensino médio.  

Nesse contexto, a estudante que se encontrava em dependência, situação denominada de progressão parcial, devendo fazer novas avaliações relativas a matérias específicas.

Em face disso, e por considerar que a conduta feriu o direito líquido e certo de acesso à educação, a estudante ajuizou mandado de segurança requerendo, em sede liminar, a realização de sua matrícula no curso para o qual foi aprovada no vestibular e, no final, a concessão definitiva da segurança.

Em primeiro grau, o juízo da comarca de São Miguel do Araguaia julgou procedente o pedido formulado pela autora da ação. 

A instituição de ensino superior, por sua vez, interpôs recurso, sob o argumento de que não praticou qualquer ato de abuso de poder ou ilegalidade, haja vista que o edital do Processo Seletivo 2015/1 foi claro ao exigir a comprovação de conclusão de ensino médio no ato da matrícula.

Afirmou, nos autos, que a Universidade Estadual de Goiás (UEG) possui autonomia administrativa para regular situação “interna corporis”, incluindo formalidade sobre matrículas, momento em que pugnou pela denegação da segurança.Decisão

De acordo com o desembargador (foto à direita), a não conclusão do ensino médio em razão de pendência em matérias não deve constituir objeção ao ingresso a universidade, especialmente, porque implicaria, como no caso em tela, a perda do próprio direito à vaga conquistada após concorrido processo seletivo, acarretando consequências imensuráveis a estudante.

 “O edital não é a lei máxima do certame, uma vez que é preciso observar que tal regra não pode ser absoluta e deve ser dotada com flexibilidade, pautando-se nos princípios da razoabilidade e da proporcionalidade”, afirmou Jeová Sardinha.

Ressaltou, ainda, que, a atitude da UEG ao negar à impetrante o direito à matrícula no curso para o qual foi aprovada mostrou-se evidentemente desproporcional, uma vez que tal ato gera prejuízo a ela ou a terceiros, fato que, aliado ao direito fundamental à educação, previsto no artigo 205, da Constituição Federal. 

“A intelecção desenvolvida pelo magistrado singular na sentença foi correta, sendo mister a sua manutenção. Neste contexto, dadas às circunstâncias peculiares do caso, e estando totalmente consolidada a situação fática, descabe ser alterada pela Justiça”, frisou o magistrado. 

Aviso aos navegantes: Justiça condena homem por cortar árvores em área de preservação ambiental sem autorização



O juiz Luís Henrique Lins Galvão de Lima, do Juizado Especial Cível e Criminal da comarca de Goiás, condenou Welington Rodrigues da Silva a 1 ano e 10 meses de detenção. 

Ele foi considerado culpado por crime ambiental, em virtude de realizar o corte de árvores em floresta considerada de preservação ambiental sem autorização da autoridade competente. 

A pena, no entanto, foi substituída por prestação de serviços à comunidade em entidade de caráter beneficente ou governamental. O réu também foi condenado a pagar R$ 10 mil a serem destinados em favor do Fundo Municipal do Meio Ambiente da cidade.

O Ministério Público do Estado de Goiás (MPGO) ofereceu denúncia contra Welington Rodrigues da Silva pela prática dos crimes previstos no artigo 39, da Lei 9.605/98 (Lei de Crimes Ambientais). 

Conforme o parquet, no início do ano de 2009, na Fazenda Ipanema, distrito de Calcilândia, o acusado cortou árvores de espécie aroeira em floresta considerada de preservação permanente, sem autorização da autoridade competente, utilizando-se de uma motosserra sem registro ou licença da autoridade ambiental.

Na data dos fatos, o acusado contratou Osmair Leandro da Silva para extrair as madeiras na Fazenda Ipanema, que é de sua propriedade. Durante a ação, foi desmatada cerca de 5.230 lascas de aroeira, 238 mancos de aroeira de 4 a 6 metros de comprimento, materiais esses extraídos em datas recentes e não recentes a vistoria.

O MPGO alegou que a extração da madeira foi feita com a utilização de trator e motosserra em áreas às margens do Córrego Ipanema, próximo ao seu encontro com o Córrego Fundão, o que atingiu remanescentes de vegetação florestal ciliar. 

Com isso, o parquet pugnou pela condenação do réu nas sanções do artigo 39 da Lei nº 9.605/98, uma vez que o corte era de árvores em floresta considerada de preservação permanente, sem permissão da autoridade competente. Citado, o réu apresentou resposta à acusação, pugnando pela absolvição dele. O parquet, por sua vez, buscou a condenação do réu.

Decisão

Ao analisar os autos, o magistrado (foto à direita) argumentou que o crime ficou comprovado pelo boletim de ocorrência lavrado pela Polícia Militar do Batalhão Florestal; Auto de Exibição e Apreensão do material; Termo de Depósito; Enquadramento Série A nº 10578; Auto de Inspeção Série A nº 14458 e Laudo Pericial de Exame de Local de Degradação Ambiental.

Ressaltou que, no laudo pericial, foram constatados sinais de desmatamento em áreas distintas da região examinada, podendo ser consideradas como recentes e não recentes. Além disso, consta que, às margens do Córrego Ipanema, a leste da sede, foram constatados sinais de desmatamento recente, cuja ação foi executada para ampliar as áreas de pastagens, entre outros.

Ainda, segundo o juiz, foi constatada também prova do corte de árvores em área de preservação permanente sem permissão da autoridade competente. “Pelos depoimentos é possível concluir que o acusado foi autor do delito ou, na pior das hipóteses, ordenou o corte das árvores. 

Além disso, foi constatada a presença de madeiras de cortes recentes, remoção de vegetação por máquinas como trator e motosserra”, explicou o magistrado.

Para Luiz Henrique, o corte de madeira promovida pelo réu em área de preservação permanente não se enquadra em nenhuma das hipóteses autorizadas pela Resolução do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama) nº 369/06. “O perigo é abstrato sendo presumível o prejuízo ao meio ambiente pela prática da conduta típica”, pontuou.

Segundo o juiz, apesar de presumível, no caso em tela, o prejuízo ambiental ficou configurado nos autos, uma vez que o réu tinha potencial consciência da ilicitude e podia, assim como deveria, adotar conduta diversa, de modo que a prática do crime está plenamente consubstanciada na espécie. 

“A culpabilidade é intensa já que foram encontradas lascas de madeira de corte antigo e atual, sem contar a expressiva quantidade de árvores da mesma espécie na propriedade do réu”, frisou. 

Homem de 48 anos surta e está desaparecido em Taguatinga (TO). Família está à sua procura

 


Um homem de 48 anos surtou e está desaparecido, desde a última quarta-feira (16), em Taguatinga, sudeste do Tocantins.

A família está desesperada e sem notícias dele.

Normélio Afonso é morador da cidade e foi visto pela última na chácara de "Seu Francisco", local onde se planta e se comercializa hortaliças. 

Ele fugiu da chácara para o meio do mato, surtado, provavelmente em virtude da abstinência de álcool.

Apresentava sinais de alucinação, medo, ouvindo vozes e vendo pessoas que tramavam sua morte.

Na última vez que foi visto, estava apenas de bermuda e com a carteira de bolso, sem o chinelo, o boné e camisa, como andava de costume.

Se você o vê, entre em contato imediatamente com a família, pelo telefone (63) 3654 1587.

Polícia Civil prende em Palmas suspeito de cometer vários crimes no interior do Tocantins, inclusive latrocínio em Taguatinga (TO)


A Polícia Civil do Tocantins, por intermédio da Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), efetuou, na manhã desta quarta-feira (16), em Palmas, a prisão de Carlos Henrique Pereira dos Santos, vulgo “Besouro”, de 23 anos de idade.

Ele é suspeito pela prática dos crimes de homicídio, roubo, ocultação de cadáver e extorsão e foi capturado, mediante cumprimento a mandado de prisão preventiva, por policiais civis da DHPP, comandados pelo Delegado Guido Camilo Ribeiro, por volta da 9h desta quarta-feira, quando se encontrava na região Central de Palmas.

Segundo o delegado, Carlos se juntou a mais três indivíduos com a finalidade de roubar, extorquir e matar o pecuarista Antônio Lázaro Assalim, no município de Taguatinga – TO, no ano de 2017. 

Conforme apontaram as investigações da Polícia Civil, Carlos Henrique teria sido o responsável por adquirir armas de fogo e leva-las até Taguatinga.

Após matar a vítima, Carlos e seus comparsas ocultaram seu corpo em uma grota rasa próxima a propriedade rural. 

Após ser preso, o indivíduo foi conduzido até a sede da DHPP e, após os procedimentos legais cabíveis, foi recolhido à Casa de Prisão Provisória de Palmas (CPPP), onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

O crime

No dia 13 de agosto de 2017, Antônio Lázaro Assalim, de 74 anos foi rendido em sua própria fazenda e assassinado a tiros, sendo que seu corpo foi localizado, dias depois enterrado em uma grota rasa. 

Através das investigações, Policiais Civis de Taguatinga e Dianópolis, coordenados pelo delegado Márcio Duarte Teixeira, desvendaram o crime e prenderam dois dos envolvidos, sendo um em Taguatinga e o outro em Brasília.

Motivação

Ainda de acordo com as investigações da Polícia Civil, os autores mataram a vítima, porque acreditavam que a mesma estava de posse de R$ 20 mil reais, referente a uma parcela de uma venda de 60 cabeças de gado. 

Após o crime, os suspeitos fizeram várias compras com cartões de créditos de Antônio, em cidades da Bahia, Tocantins e Brasília.

Os outros envolvidos no crime se encontram presos e aguardam julgamento.

Fonte: SSP TO

Campos Belos: Taxa de iluminação pública dobrou na calada da noite e está doendo no bolso do consumidor




Por Jefferson Victor, 

O Código Tributário Nacional (CTN) divide as arrecadações em três grupos: tributos, impostos e taxas.

Diferem na questão de como se cobra, mas a finalidade, na verdade, é enfiar a mão no bolso do contribuinte. É uma cobrança famigerada, onde os eventuais déficits, geram aumento abusivo, sendo que a corrupção e o desperdício ficam com a maior parte do bolo.

A taxa de iluminação pública é uma das invenções da administração. Seria uma espécie de rateio entre a comunidade, isso sob o pretexto de dividir entre os cidadãos o benefício da iluminação da cidade que ao menos no papel aumenta a segurança das pessoas.

Em Campos Belos, essa taxa foi criada há algum tempo. Era um valor irrisório, e que não significava tanto no orçamento mensal, mas aos poucos foram inflando essa conta, ao ponto de hoje contribuir com um percentual significativo na conta de energia.

Para se ter uma ideia, em 13.12.2016, através do oficio de nº 280, a Prefeitura solicitou à Celg um aumento na ordem de 100%, e na conta de janeiro de 2017 já foram cobrados valores atualizados, nós mesmos fomos surpreendidos com uma taxa de R$ 30,00 substituindo os R$ 15,00 que pagamos na conta do final do ano.

Foi uma atitude inexplicável, houve no período uma inflação em torno dos 7%, nada justifica a atitude da prefeitura para um aumento tão abusivo, e que, infelizmente não foi revertido por nenhum órgão competente até o momento.

De acordo com alguns vereadores, essa cobrança é ilegal, pois deveria ter autorização da câmara, enquanto isso outros defendem que o prefeito tinha autonomia para tal ato, sem que tivesse que tramitar por aquela casa.

Polêmicas à parte, o que importa é que nada de concreto foi feito até agora para coibir esse abuso, dizem haver um questionamento junto ao Ministério Público por parte de um grupo de vereadores, mas a cobrança continua.

Enquanto pagamos essa taxa exorbitante, parte desses recursos saem pelo ralo com lâmpadas acessas 24 horas no loteamento na saída para Brasília, presume-se que ali tenha ao menos 200 postes consumindo energia dia e noite, e se não há um medidor da iluminação pública, de qualquer maneira alguém paga essa conta, afinal, a Celg cobra de alguém, e esse alguém somos nós.

É preciso que os vereadores tomem uma providência com relação a isso, não é justo que a comunidade pague por desperdícios dessa natureza , pois se para alguns o valor é insignificante, pra os mais humildes há razão suficiente para contestação.

quinta-feira, 17 de maio de 2018

Convite: Tradicional Festa do Divino Espírito Santo, em Alto Paraíso de Goiás






A Paroquia Nossa Senhora Das Graças, sediada em Alto Paraíso de Goiás, convida a comunidade para os festejos do Divino Espírito Santo.


A festa é permeada de tradição, principalmente com a presença dos "Festeiros Mó": Casal Imperador, Catalão e Oliva e o Casal Folião Edim e Evi.

Os festejos do Divino foram instituídos em Portugal nos primeiros anos do século XIV, pela rainha Isabel, mulher de Dom Diniz, quando construiu a Igreja do Divino Espírito Santo em Alenquer, naquele País.

No Brasil, popularizou-se no século XVI e é celebrada ainda hoje em vários estados do Brasil e particularmente em Goiás.

No município de Alto Paraíso, as festividades são comemoradas há vários anos com Cavalgada, Folia de Giro de Rua, Novena, barraquinhas com quermesse, Bingão Empresarial, o Tradicional Leilão de Gado e a Caçada da Rainha. 

Um dos pontos altos da festa é a Caçada da Rainha.

Há também a tradicional Folia de Rua, onde centenas de pessoas percorrem as ruas da cidade numa verdadeira procissão em louvor ao Divino Espírito Santo, quando se preparam para celebrar a Novena. 

A Folia da Roça, que acontece nos Assentamentos Sílvio Rodrigues e Esuza, é outro diferencial da parte folclórica da festa. 

A responsabilidade pela organização é da Igreja Católica com os Festeiros, grupos folclóricos e culturais da cidade e também conta com o apoio da Prefeitura Municipal de Alto Paraíso-GO.

Tudo isso, somam os esforços em prol da religiosidade Católica e Cultura Popular Brasileira tão rica e peculiar como é a Chapada dos Veadeiros. 

Veja nossa Programação:

1) Dia 05 de maio: Alvorada do Divino Espírito Santo e ‎Cavalgada saindo da Fazenda São Bento com encerramento na Praça do Bambu com Almoço Comunitário (De graça);

2) De ‎06 a 11 de maio: Folia de Giro de Rua;
3) ‎De 11 a 19 de maio: Novena com a Participação de Alguns Padres Convidados:

Dia 11/05 - Padre Joacir d'Abadia
Dia 12/05 - Padre Joacir d'Abadia
Dia 13/05 - Padre André da Diocese de Uruaçu-GO
Dia 14/05 _ Padre Marcelo
Dia 15/05 _ Padre José Gerson*
Dia 16/05 - Padre Bento
Dia 17/05 - Padre Joacir d'Abadia
Dia 18/05 - Padre João Emanuel, Vigário Geral da Diocese de Formosa-GO
Dia 19/05 - Santa Missa pela manhã - Padre Joacir d'Abadia
Dia 20/05 - Dia de Pentecostes - Padre Joacir d'Abadia.

4) ‎Dias 12 e 13/18, 19 e 20 de Maio: Festa Social- Bingão Empresarial com 6 Mil reias em dinheiro mais 4 valiosos Prêmios, Barraquinhas com comidas típicas;

Nesta Sexta-Feira e Domingo acontecerá a Festa do Divino Espírito Santo - no Divinódromo da Igreja Matriz de Alto Paraíso-GO.

Serão 5 mil reais em prêmios... 3 Mil Reais em prêmios nesta Sexta-Feira sendo 2 Mil reais em dinheiro e mais mil reais em prêmio. Compre sua cartela por apenas 10 reais e concorra a 5Mil reias em dinheiro e prêmios nesta Sexta-feira e domingo.

SEXTA-FEIRA teremos 3 Mil Reais em prêmios. 2 mil reais em dinheiro. Isso mesmo nesta Sexta no Divinódromo vamos sortear 2 mil reais em dinheiro mais Mil reais em prêmios. Compre suas cartelas com os Festeiros ou na secretaria Paroquial na rua do Hospital.

5) ‎Dia 19 de maio, Sábado: Leilão de Gado às 19h - Sábado;

6) ‎Dia 20 de maio: Domingo dia de Pentecostes e apresentação dos nomes dos Festeiros e possíveis imperadores/ rei e rainha - Almoço Comunitário com Bingão e à noite Procissão com Carreata pela Cidade (Cortejo do Imperador) - Santa Missa de Pentecostes;

7) ‎ Dia 26 de Maio: Caçada da Rainha - Show;

8) ‎Dia 27 de Maio: Santa Missa de Premiação da Caçada da Rainha e Sorteio dos novos Festeiros de 2019.

Quinta-feira quente: Operação da Polícia Civil combate o tráfico de drogas em Arraias (TO)





Uma operação da polícia civil do Tocantins, em Arraias, foi colocada nas ruas da cidade nesta quinta-feira (17), para o combate ao tráfico de drogas. 


Policiais civis cumpriram dois mandados de busca e apreensão, que resultaram na apreensão de dinheiro, arma e drogas.

Os acusados foram autuados por tráfico e receptação e estão presos na cadeia pública da cidade à disposição da justiça criminal do estado do Tocantins.


Dois a menos circulando na cidade com produtos proibidos.  

Festejo Pouso Alto 2018 começa no dia 25 e terá o "piseiro da Bahia", Toinho e Cia



Acontece, durante os dias 25, 26 e 27, o tradicional Festejos de Pouso Alto (GO) 2018.

As atrações já estão confirmadas: sexta-feira (25), Dairin e seus teclados, que vai botar todos para dançar aquele forrozão arrochado.

Já no sábado (26), show com Paulino dos teclados e Wasley e, logo em seguida, o "piseiro da Bahia", Toinho e Cia, que tem arrastado multidões por onde passa.

Domingo (28) as atrações começam  à partir das 08h da manhã, com torneio de futebol e presença de equipes de futebol de cidades vizinhas.

A organização é da Casa de shows Look Dance.

Estudantes kalungas de Cavalcante (GO) estão sem transporte regular


Sem transporte escolar regular, estudantes da Escola Santo Antônio, na região Kalunga do Vão das Almas, ficam prejudicados. 

O povoado fica localizado no município de Cavalcante, no nordeste de Goiás. No entanto, a situação deve se resolver em breve, já que a prefeitura foi condenada pelo Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO) à obrigação de fornecer transporte escolar adequado, com regularidade e sem interrupção aos alunos. 

A decisão tem caráter imediato e em caso de descumprimento, será aplicada multa diária de R$ 10 mil, limitada a 180 dias.

Ainda segundo a sentença, o município também deve fornecer ao agente ministerial, no prazo de 30 dias, o cronograma de fornecimento de combustíveis e peças de manutenção do veículo que efetua a rota de transporte dos alunos da Escola Santo Antônio, sob pena de pagar a multa diária de R$ 1 mil, também limitada a 180 dias.

A decisão proferida pelo juiz substituto Pedro Piazzalunga Pereira, titular da comarca de Cavalcante, é fruto de uma ação civil pública proposta pela promotora de Justiça Úrsula Catarina Fernandes Pinto, titular da 1ª Promotoria de Justiça de Cavalcante, do Ministério Público de Goiás (MPGO), em 2015. 

Na época, a promotora relatou a existência de irregularidades na prestação do transporte escolar, requerendo a normalização do serviço com a contratação de motorista para dirigir o veículo.

No curso do processo, a prefeitura de Cavalcante alegou ter tomado todas as providências para resolver a questão, pedindo que a demanda fosse indeferida. 

No entanto, a promotora entendeu que suas alegações foram devidamente comprovadas, insistindo pela procedência do processo de forma remissiva. 

Ao analisar o caso, o juiz substituto avaliou existir por parte do município, conforme demonstrado pelo MPGO, uma falta de planejamento estratégico, sendo evidente a falha na prestação do serviço, não havendo dúvidas da qualidade do direito pleiteado, que se mostrou certo.

Embasamento

O magistrado julgou a situação sob a luz do artigo 208, inciso VII, da Constituição Federal, que diz “ser dever do Estado (União, Estados, Municípios e Distrito Federal) o atendimento ao educando, obrigação que encampa o dever de fornecer transporte escolar”, bem como sob base de diversos dispositivos da legislação infraconstitucional que repetem a mesma norma.

No decorrer do processo, a prefeitura de Cavalcante nomeou um funcionário comissionado para o cargo de motorista do micro-ônibus para a rota pleiteada. Contudo, outras irregularidades foram denunciadas impedindo o encerramento da ação. 

Testemunhas ouvidas em juízo comprovaram o problema. Maria Pereira dos Santos, por exemplo, destacou interrupções, falta de manutenção do veículo, peças quebradas, falta de combustíveis, falta de veículo reserva, o que representa “prejuízo do ensino daquelas crianças que moram longe.”

Demais testemunhas arroladas no processo pontuaram sobre a ineficácia do transporte escolar oferecido a crianças e adolescentes matriculados na Escola Santo Antônio. Diante disso, o juiz entendeu que a adequação de alguns pontos, não eximia o município da responsabilidade pelas demais falhas.

Vão das Almas

A comunidade quilombola kalunga é maior comunidade remanescente de quilombos no Brasil. 

Abrange parte dos municípios de Cavalcante, Monte Alegre e Teresina de Goiás se dividindo em regiões: Contenda e Vão do Kalunga, Vão de Almas, Vão do Moleque, Ribeirão dos Negros ou Ribeirão dos Bois. 

Formada por serras, a região é de difícil acesso, local propício para a construção de um esconderijo, por isso identificada como a região dos quilombos.

O Vão de Almas é a parte mais isolada. 

As famílias vivem de maneira bem tradicional ainda sem a energia elétrica e o meio de transporte, em geral, é feito por animais utilizados para carregar cargas, como burro e cavalo; de motocicleta, ou mesmo a pé enfrentando a distância de 90 km até a cidade mais perto que é Cavalcante. 

As escolas do local são estruturadas com luz a base de bateria solar, a água é puxada do rio através de uma bomba e os professores são os próprios kalungas que estudam e voltam para a comunidade.


Fonte: TJGO

Leilão especial Boi Branco, em Campos Belos, ocorre no dia 2 de junho



Começa a AgroBrasília 2018


Nessa semana a Cooperativa Agropecuária da Região do Distrito Federal (Coopa-DF) realiza a 11ª edição da AgroBrasília.

A feira de tecnologias e negócios é voltada a empreendedores rurais de diversos portes. 

Os visitantes encontram o que há de mais novo em máquinas, implementos agrícolas, insumos, pesquisas, biotecnologia, genética animal e vegetal, entre outros. 

Além de um espaço dedicado à agricultura familiar onde são apresentadas tecnologias apropriadas ao setor, a AgroBrasília mantém também uma área permanente para o sistema de Integração Lavoura-Pecuária- Floresta (ILPF).

Nos últimos anos o evento vem sendo palco de importantes debates, sobre os mais importantes temas ligados ao agronegócio. 

É um espaço para trocas de experiências e conhecimento, e se caracteriza ainda, como a melhor oportunidade do ano para a realização de negócios.

Esse ano a feira conta com mais de 230 expositores de todos os setores do agronegócio. 

Dentre esses expositores está o Laboratório Farroupilha Lallemand, presente em mais de 80% do território brasileiro, reconhecido como terceiro maior em defensivos agrícolas do Brasil, e primeiro em biológicos, pela revista Globo Rural, em 2017. 

O Laboratório, fundado em 2006 na cidade de Patos de Minas/MG, foi recentemente adquirido pela multinacional canadense Lallemand, com 100 anos de atuação no mercado mundial de desenvolvimento de leveduras, fungos e bactérias.

A maior inovação que torna o Laboratório Farroupilha Lallemand único são os Biopotentes, que são resultados de anos de pesquisas, desenvolvimento e tecnologia para criação de um biológico com alto desempenho e controles rigorosos em todos os processos produtivos sendo utilizados no manejo de pragas e doenças da agricultura. 

Tudo isso sem desequilibrar o solo ou agredir o meio ambiente, o que garante resultados mais sustentáveis e lucrativos para produtores.

Secretaria de Saúde de Goiás reconhece erro e diz que a cobertura vacinal em Campos Belos chegou a 77,29%. O órgão jogou a vizinha Monte Alegre (GO) no vermelho



A Secretaria Estadual de Saúde (SES) reconheceu o erro de divulgação e retificou os dados percentuais da vacinação contra a H1N1 em Campos Belos.

O órgão divulgou uma Nota à imprensa, onde afirma que a cobertura da vacinação em Campos Belos não está abaixo de 50%, como informado pela Gerência de Imunizações e Rede de Frio, em entrevista coletiva, no último dia 15, em Goiânia. 

Ainda de acordo com a Nota, Campos Belos alcançou 77,29% de cobertura vacinal e jogou Monte Alegre de Goiás no vermelho, ao afirmar que foi o município vizinho quem não atingiu nem 50% de cobertura da vacina.

 A H1N1 já matou 39 pessoas em Goiás neste ano.

O que a prefeitura de Monte Alegre tem a dizer sobre a ineficiência na vacinação?  

Pouso Alto: Estrada que liga Campos Belos à Bahia recebe melhorias




O vereador Rodrigo Ferreira, juntamente com a Prefeitura Municipal de Campos Belos, solicitaram ao Governo do Estado melhorias na estrada que liga Campos Belos a Pouso Alto, e até a divisa com a Bahia. 

Prontamente, o Governo Estadual enviou a equipe, que iniciaram no último dia 18, e com isto vem fazendo a melhoria na estrada, tanto com encascalhamento dos pontos mais críticos e patrolamento.

Desde que assumiu o cargo de Vereador Rodrigo, vem buscando em parceria com a prefeitura, melhorias para Pouso Alto, e com isto tem conseguido fazer história no distrito.

“Agradeço ao prefeito Eduardo Terra também a Deputado Magda Mofato que tem atendido aos pedidos para Campos Belos e Pouso Alto, hoje o distrito segue com muitas melhorias e com esta parceria traremos mais benefícios e muito mais estará por vir”, disse o vereado.

Fonte e texto: Prefeitura de Campos Belos 




Alto Paraíso: Alunos do curso de Gestão Pública têm primeiro encontro presencial




Por Roberto Nabofarzan, 

Ocorreu no início deste mês de maio, o primeiro encontro presencial do Curso de Especialização em Gestão Pública, no Polo da Universidade Aberta do Brasil – UAB, em Alto Paraíso de Goiás.

O evento contou com a presença da coordenadora do curso, professora doutora Fátima de Souza Freire, que ministrou a primeira aula e fez avaliação do trabalho dos alunos.

O curso teve inicio em agosto de 2017 e contempla estudantes de diversos municípios goianos e também do Distrito Federal. 

São cinquenta e quatro alunos matriculados na unidade do Polo UAB de Alto Paraíso de Goiás.

Na abertura do encontro presencial, o prefeito Martinho Mendes da Silva parabenizou alunos e professores pela busca do conhecimento em área de grande importância no desenvolvimento do País, “O Brasil precisa de bons gestores e vocês caminham ao encontro desse objetivo. 


Em Alto Paraíso estamos investindo na educação desde os primeiros passos no jardim da infância, através do CMEI Criança Feliz, passando pelo fundamental até a graduação. 

E nessa jornada contamos com o respaldo e apoio de gente como a coordenadora do Polo da UAB, professora Marta Conceição. 

Estamos felizes em também poder apoiar eventos de suma importância como esse encontro presencial do Curso de Especialização em Gestão Pública.” frisou o prefeito.

A secretária da educação de Alto Paraíso de Goiás, Lícia Mary Santos, ressaltou a importância  dos cursos oferecidos pela Universidade Aberta do Brasil em seus diversos Polos, proporcionando  que alunos de municípios mais afastados de grandes centros tenham a oportunidade de adquirir conhecimentos e formação acadêmica.

Já a professora Marta Conceição da Silva, coordenadora do Polo da Universidade Aberta em Alto Paraíso de Goiás, apontou. 

“Sabemos as dificuldades, principalmente financeiras, dentro do Ministério da Educação. Então, quero agradecer de coração o empenho da professora Fátima Freire para que esse curso pudesse nos ser oferecido. Estávamos todos ansiosos por esse curso, e foi uma grande satisfação ver que o número de vagas teve que ser ampliado devido a grande demanda”. Sublinhou a  professora Marta Conceição.

Com a palavra, a professora doutora Fátima de Souza Freire destacou a importância do apoio da administração municipal.

“Quero agradecer ao prefeito Martinho Mendes, que colocou sua equipe a disposição no apoio para que a Universidade Aberta do Brasil pudesse chegar até Alto Paraíso de Goiás”. 

Fátima Souza destacou ainda que o curso de Gestão Pública estava sendo ministrado simultaneamente em diversos outros municípios, inclusive em São José do Oeste, município brasileiro já na divisa com a Argentina.

Na disciplina estudada nesse primeiro encontro, os alunos deveriam fazer uma análise critica sobre o Plano Diretor nos municípios de Alto Paraíso de Goiás, Campos Belos, Luziânia e Cidade Ocidental, analisando sua importância e apontando possíveis falhas que poderiam ser sanadas. 

A maioria dos alunos presentes escolheu discorrer sobre o Plano Diretor em Alto Paraíso de Goiás, que está em fase de revisão, após dezessete anos em que foi sancionado.