Banner 1

Banner 1

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Polícia de São Domingos prende homem que tentou matar ex-esposa a golpes de facão




A Polícia Civil de São Domingos, nordeste de Goiás,  prendeu nesta quarta-feira (25) um homem acusado de tentar matar a ex-esposa e o namorado dela, a golpes de Facão. 

Arismar Pereira Marques,  conhecido pela alcunha de Qualhada, foi preso na zona rural do município, após diligências dos policiais civis. 

Para chegar ao local em que ele estava escondido, os agentes fizeram uma verdadeira jornada por estradas de terra e trilhas até chegar a uma choupana de palha onde o homem vivia. 

Com ele, também foi apreendida uma motocicleta. O acusado foi conduzido à delegacia e deve responder, por duas vezes, pelo crime de tentativa de homicídio.





Qual o limite da maldade humana? cãozinho é encontrado semi degolado no lixão de Campos Belos



Até onde vai o limite da maldade humana?  

Essa é uma pergunta que fazemos sempre, porque não queremos acreditar em determinadas ações que partem de certos seres humanos. 

Na tarde desta quarta-feira (25), no lixão de Campos Belos, nordeste de Goiás, um cãozinho foi encontrado em situação deplorável, com uma grande ferida em volta do pescoço, quase degolado. 

Obviamente, pela natureza do ferimento, foi feito por obra humana, ou por ação ou por omissão. 

O pobre do cãozinho, com olhar de extremo sofrimento, padecia vivo perambulando pelo lixão, como tivesse sido abandonado pelo seu próprio dono. 

Após a descoberta, o animalzinho foi recolhido pela Organização Não Governamental de Proteção de Animais de Campos Belos, comandada pela protetora e ativista Edna Terra, e levado de imediado para tratamento veterinário. 

Até o fechamento deste texto ainda não tínhamos informações sobre o estado de saúde do cachorro. 

É de cortar o coração. 





quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Campos Belos: morre "Jonas de Gisa"



Morreu na madrugada desta terça-feira (24), em Goiânia, Jonas Darc de Araújo, de 60 anos, o Jonas de Gisa. 

Ele se tratava de uma doença cardíaca e após uma cirurgia em um hospital da capital de Goiás, não resistiu às complicações. 

Apesar de ter nascido em Niquelândia (GO), adotou Campos Belos como sua cidade desde criança, quando se mudou com seus pais, dona Maria Alves e seu José Ferreira, para o município.  


Desde então sempre labutou com fazendas, junto com os irmãos, José Ferreira Filho e Neuza Ferreira. 

Há 35 anos casou e viveu ao lado de OdelGisa Brito, com quem teve três filhos: Jonas Júnior, Flávia Giselle Brito e Kellysson Ricardo. 


Ao deixar a vida terrena, deixou quatro netos: Renata, 13; Júlio César, 7; Maria Eduarda, 3; e Maria Luísa, de um aninho. 

O Corpo de Jonas Darc foi sepultado na manhã desta quarta-feira (25), no cemitério municipal de Campos Belos. 


Na internet, muitas pessoas deixaram mensagens de carinho para a família e cumprimentos de pesar:   


"Tio Jonas descanse em paz! Não estou acreditando até agora que o senhor se foi. Um tio brincalhão, cheio das gracinhas, mas de um coração enorme. Minha primeira Bíblia foi ele que me deu! Não pude me despedir do senhor tio,Te abraçar antes da cirurgia e te falar o quanto Deus te ama. 


 Mto comovida estou com teu falecimento, tio Jonas. Nunca me esquecerei dos nossos momentos,Obrigada por todas brincadeiras que vivemos juntos", escreveu uma de suas sobrinhas numa rede social. 

Cultura: UFT apresenta filme sobre quilombolas nesta sexta-feira


O Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação do Campo (GEPEC) e o Observatório da Educação do Campo (OBEDUC), ambos da Universidade Federal do Tocantins,  farão o lançamento do filme "Escola Quilombo: educação cultivada". 

O lançamento será  no próximo dia 27 de fevereiro, às 14h,  no Auditório do Bala, no Campus Buritizinho, em Arraias (TO) 

A entrada é franca e aberto à toda a comunidade.

O filme é o segundo documentário produzido pelo OBEDUC da UFT e apresenta a realidade das escolas e das pessoas da zona rural de Arraias.

terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Mantido bloqueio de bens de prefeito e secretária de Posse (GO)


O prefeito de Posse, José Gouveia de Araújo, e a secretária municipal de Saúde, Rosana Tonhá, terão os bens bloqueados, no limite de R$ 700 mil, conforme tutela antecipada deferida pela 1ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO). 

Para a relatora do voto, desembargadora Amélia Martins de Araújo (foto), a indisponibilidade dos bens visa resguardar eventual multa civil, em razão de suposta promoção pessoal.

Consta dos autos que os dois denunciados utilizaram faixas e outdoors com seus nomes na entrada de prédios públicos e de obras inauguradas, espalhados por toda a cidade. 

Nota fiscal e ordem de serviço em nome do município dão conta de que os gastos com o material de divulgação indevida foram cerca de R$ 1,2 mil.

Em primeiro grau, o juiz substituto da comarca, Carlos Arthur Ost Alencar, acatou pedido do Ministério Público do Estado de Goiás (MPGO), em face da suposta improbidade administrativa. 

Os dois políticos impetraram agravo de instrumento, alegando ausência de lesão ao patrimônio público que justificasse a indisponibilidade de R$ 700 mil.

Contudo, a desembargadora manteve a decisão singular, já que a multa civil pode atingir até 100 vezes o valor da remuneração recebida pela função pública, R$ 16 mil, no caso do salário do prefeito e R$ 5,5 mil, da secretária. 

“Tal medida visa assegurar ao erário a garantia de ressarcimento futuro dos prejuízos que lhe possam ter sido causados, evitando, assim, que os suspeitos do ato de improbidade administrativa venham a dilapidar seus patrimônios”.

Fonte: TJGO

Prefeitura de São João da Aliança pede aumento para professores à Câmara


Por Elias Alves de Souza,

E o executivo municipal de São João D'Aliança protocolou hoje (24/02) na câmara de vereadores local projeto de lei que reajusta o salário de todos os professores municipais. 

Outro projeto que já foi protocolado naquela casa visa a regularização dos imoveis que foram doados pelo município em outras gestões mas que se encontram passivos de regularização. 

Muitas pessoas que moram a mais de vinte anos no mesmo imóvel, que recebera a titulo de doação do município e ainda não possui a escritura definitiva serão beneficiados com esse projeto que tramita naquela casa de leis.

Ex-prefeito de Aurora do Tocantins é condenado a devolver R$ 110 mil aos cofres públicos


A justiça condenou o ex-prefeito de Aurora do Tocantins, Geovane de Souza Tavares, a ressarcir R$ 110 mil aos cofres do município nesta segunda-feira (23).

A decisão foi do juiz Jean Fernandes Barbosa de Castro que também decretou a perda da função pública eventualmente exercida pelo ex-prefeito, suspensão dos direitos políticos pelo prazo de três anos e multa civil de dez vezes o valor da última remuneração percebida pelo ex-gestor.

Ainda conforme informações da Tribunal de Justiça, a decisão consta em ação civil de improbidade administrativa ajuizada pelo município por envolver recursos de convênio federal (nº 2234/97) firmado entre o Fundo Nacional de Saúde (FNS) e a prefeitura.

O convênio previa a implantação de um telecentro comunitário na cidade que tem 3.654 habitantes.

De acordo com a sentença, as contas apresentadas referentes ao convênio foram rejeitadas e uma tomada de contas especial comprovou a não aplicação de R$ 33.761 dos R$ 110 mil recebidos da União.

Do valor não aplicado, R$ 24.971 são de obras que não foram realizadas e R$ 8.790 são referentes à aquisição de material que não foi entregue ou entregue com defeito e não localizado.

O ex-prefeito afirma que não pôde cumprir integralmente o objeto do contrato, pois a empresa vencedora da licitação não teria entregado alguns equipamentos e outros estavam com defeito.

O ex-gestor também alega que os recursos liberados não teriam sido insuficientes para a prestação de serviços de restauração e reforma, sendo que os gastos reais acabaram sendo maiores do que os previstos inicialmente.

Fonte: G1TO

Promotores promovem força-tarefa para proposição de ações de improbidade em Campos Belos e Alto Paraíso


As Promotorias de Justiça de Campos Belos e Alto Paraíso ingressaram, desde dezembro de 2014, com sete ações por improbidade administrativa e sete ações penais por crimes contra a administração pública, contra 14 agentes públicos ao todo.

Também foram propostas 15 execuções de Resoluções de Imputação de Débito (RID) aprovadas pelo Tribunal de Contas dos Municípios de Goiás (TCM), após constatação de irregularidades na prestação de contas.

Nas execuções de RID, o Ministério Público pretende recuperar para os cofres públicos o valor total de R$ 615.720,57.

Para viabilizar a proposição das ações, foi constituída uma força-tarefa composta pelos promotores de Justiça Paulo Brondi (Campos Belos, que responde também por Alto Paraíso), Douglas Chegury (São Domingos) e Diego Braga (Posse).

Eles esclareceram que todas as irregularidades ocorreram nos últimos oito anos, nos municípios que compõem as duas comarcas - Campos Belos, Monte Alegre de Goiás, Alto Paraíso de Goiás e São João D’Aliança.

Entre as irregularidades constatadas estão pagamentos de subsídios em desacordo com atos normativos, pagamentos de juros e multas suportados pelo erário em virtude de má administração, desvios ou má aplicação de verbas, além de aplicações em desacordo com a lei.

Foram instaurados ainda procedimentos para investigar fatos constantes em outras comunicações do TCM, sobretudo irregularidades relativas a contratos firmados pelo poder público.

“Notou-se que muitos municípios demoram, talvez por conveniência, a inscrever na dívida ativa ou mesmo a executar judicialmente os débitos.

 Ainda assim, isso não é garantia de efetividade. Muitos agentes nem sequer se incomodam e acabam não pagando os débitos”, afirmaram os promotores.

Eles acrescentaram que, nesses casos, a ferramenta judicial é muito mais efetiva, frente aos inúmeros instrumentos à disposição para compelir o devedor a saldar o débito.

Confira abaixo a lista dos agentes acionados:

- João Ribeiro Marinho (Alto Paraíso) - ex-gestor do Fundo Municipal Saúde (FMS)
- Vilmar Ferreira de Araújo (S. J. Aliança) - ex-prefeito municipal
- Adervânio Pires Monteiro (Alto Paraíso) - ex-gestor do FMS
- Moisés Fernandes Graças (S.J. Aliança) - ex-presidente da Câmara
- Eterlon Pereira Barbosa (Alto Paraíso) - ex-presidente da Câmara
- herdeiros de Divaldo Rinco (Alto Paraíso) - ex-prefeito 
- Sueli Alves Moreira (Campos Belos) - ex-gestora do FMS
- Aurolino José dos Santos Ninha (Campos Belos) - prefeito 
- Neudivaldo Oliveira Sardinha (Campos Belos) - ex-prefeito 
- Juvenal Fernandes de Almeida (Monte Alegre) - ex-prefeito 
- Juvenal Fernandes de Almeida Jr. (Monte Alegre) - ex-secretário municipal
- Raylene Avelino Ferreira (Monte Alegre) - ex-gestora do F. M. Assistência Social
- Juscelino Café de Oliveira (S.J. Aliança) - ex-presidente da Câmara
- Aldacino Ferreira de Moura (Monte Alegre) - ex-secretário municipal. 

Fonte: MPGO

TRE nega recurso e mantém cassação da prefeita de São Domingos






O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de Goiás confirmou nesta segunda-feira (23/2) a cassação do mandato da prefeita de São Domingos, Etélia Vanja Moreira Gonçalves, e de seu vice, Ruy de Oliveira Pinto, por compra de votos, abuso do poder econômico, fraude, corrupção e captação ilícita de recursos. 

A decisão, por unanimidade, acolheu argumentação do promotor de Justiça eleitoral de São Domingos, Douglas Chegury, mantendo a sentença proferida pela juíza Priscila Maria de Sá Torres Brandão, da 47ª Zona Eleitoral, que determinou a perda do mandato da prefeita e do vice-prefeito, Ruy de Oliveira Pinto. 

Na mesma sentença, o marido de Etélia Vanja, o ex-prefeito Gervásio Gonçalves da Silva, também foi condenado. Ainda segundo a decisão da juíza da 47ª Zona Eleitoral, confirmada pelo TRE, Etélia Vanja e Gervásio Gonçalves tornaram-se inelegíveis pelo período de oito anos contados a partir da eleição suplementar realizada em julho de 2013.

Entenda 

Nas eleições de 2012, o prefeito Oldemar de Almeida Pinto Filho, que concorria à reeleição, teve seu mandato cassado por decisão judicial em ação de investigação judicial eleitoral proposta pelo MP. 

A decisão foi confirmada pelo TRE e pelo TSE, tendo sido realizada eleição suplementar em julho de 2013, que elegeu a prefeita Etélia Gonçalves e o vice, Ruy Oliveira. 

Em razão das irregularidades ocorridas no pleito suplementar, tais como doação de combustível, compra de votos, transporte ilegal de eleitores, falsidade documental na prestação de contas, corrupção eleitoral, abuso do poder e fraude, o MP propôs ações eleitorais para a cassação dos diplomas de Etélia e Ruy. 

No final do mês de agosto de 2014, o juízo eleitoral acatou o pedido formulado pelo MP, cassando o mandato da administradora municipal e do vice. 

A decisão também tornou-os inelegíveis por oito anos, assim como o marido da gestora, Gervásio Gonçalves, diretamente envolvido em todas as ilegalidades constatadas no último pleito, principalmente na distribuição ilegal de combustíveis, compra de votos, transporte de eleitores, corrupção e fraude. 

Assim, na decisão proferida ontem, o juiz relator Leão Aparecido Alves observou em seu voto que “as ilicitudes que ficaram comprovadas, nos presentes autos, são apenas a ponta do iceberg de ilegalidades, fraudes e infrações penais cujas provas não puderam ser plenamente reveladas no curso da investigação criminal”. 

Confira abaixo um trecho do voto: 

“Além das ilicitudes devidamente comprovadas, diversas outras ficaram encobertas ou não contaram com o necessário suporte probatório para serem consideradas provadas pelo Juízo. Por exemplo, em 17 de junho de 2013, Gervásio conversa com um HNI e ambos dão gargalhadas do fato de o último haver apertado o gatilho de uma arma em direção a uma pessoa, a qual teria ficado assustada. (Vol. 2, Fl. 407.) 

Quer dizer, não bastasse a prática de ilicitudes para vencer uma eleição, Gervásio e seus comandados também estão dispostos a intimidar os adversários políticos. E essa fala não pode ser entendida apenas como bravata. 

Em 4 de julho de 2013 (Vol. 3, Fl. 532), e, portanto, às portas do Pleito Suplementar, o Sr. Pelé encomendou de seis a dez munições calibre 32. Noutro diálogo, de 18 de junho de 2013, um HNI diz a Gervásio “que a turma acabou de chegar do velório e que está na padaria dando um lanche para o pessoal.” 

O HNI pergunta a Gervásio se ele quer falar com a dona da padaria. Gervásio “responde interrogando se HNI está doido” e que “só conversará com ela pessoalmente, não falará isso por telefone”. (Vol. 2, Fl. 413.) Outra pessoa que conversou com Gervásio disse que estava “vacinando crianças e pedindo votos”. 

(Vol. 2, Fl. 414.) Zé Segundo conversa com Gervásio e diz que pretende ir a São Domingos fazer boca de urna. Lei 9.504, Art. 39, § 5º, inciso II. Zé Segundo pergunta se é uma boa ideia e o Gervásio diz que sim. (Vol. 3, Fl. 515.).”

O promotor destaca ainda que o MP buscará agora responsabilizar Etélia Vanja e seu marido pela prática de improbidade administrativa por violação de princípios legais, já que a primeira, valendo-se da condição de técnica da Receita Federal e, o segundo, valendo-se da condição de auxiliar administrativo da gráfica do Senado Federal, faltaram com a lealdade devida a tais instituições. 

“Gervásio e Etélia durante o período eleitoral, e também após a campanha, captaram o sufrágio dos eleitores de São Domingos fazendo-os crer nas propostas de idoneidade, lisura e honestidade divulgadas, o que se revelou falso diante das decisões judiciais de cassação e de inelegibilidade”, afirmou. 

Ele acrescentou ainda que ambos faltaram com o dever de lealdade à Receita Federal e ao Senado, e, em caso de condenação, poderão perder os cargos, terem os direitos políticos suspensos novamente, além de pagarem multa civil.

Novas eleições 

Pela decisão do TRE, deverão ser realizadas, no prazo de 90 dias, novas eleições. 

Até lá, assume a prefeitura a presidente da Câmara de Vereadores, Jovita Ribeiro da Silva. Confira aqui a íntegra do voto

Texto: Cristina Rosa / Assessoria de Comunicação Social do MP-GO 

Já Publicamos: 


Divulgadas as fotos da posse da prefeita Etélia, de São Domingos de Goiás



Começou: Lava Jato denuncia dois governadores ao STJ


Os primeiros políticos – dois governadores – enrolados no escândalo de corrupção da Petrobras já foram denunciados formalmente pelo Ministério Público Federal ao Superior Tribunal de Justiça (STJ). 

As identidades dos governadores ainda não foram divulgadas, mas durante as investigações vazaram os nomes dos governadores do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão (PMDB), e do Acre, Tião Viana (PT).

Fonte: Diário do Poder

Falta de merenda escolar em Campos Belos


"Alunos de escolas públicas municipais de Campos Belos vão embora mais cedo por falta de merenda. O fato ocorreu nesta segunda-feira (23)."

Manoel Indignado

Polícia prende suspeitos de tentar matar mulher a facadas em Natividade (TO)


Dois homens foram presos, na tarde deste domingo, 22, suspeitos de tentar matar uma mulher, em Natividade, na região sudeste do Tocantins.

De acordo com a Polícia Militar, a vítima, que não teve o nome divulgado, foi esfaqueada por Ricardo Melquíades Barbosa e Geocione Pereira da Silva. 

Como a delegacia de plantão da cidade não funcionou neste fim de semana, os dois suspeitos foram encaminhados para a Central de Flagrantes de Gurupi. 

Segundo o blog Gurupi Diário, Ricardo e Geocione negaram envolvimento o crime e apontaram um terceiro homem como autor das facadas. 

A vítima foi socorrida e encaminhada para o Hospital Regional de Porto Nacional, onde permanece internada em estado grave. 

A PM não informou as circunstâncias do crime. A motivação será investigada pela Polícia Civil, por ocasião do inquérito. 

Prefeito de Formosa em Brasília



Estive na manhã desta segunda-feira (23), reunido com o Governador de Brasília Rodrigo Rollemberg e prefeitos do Entorno buscando melhorias para o manejo de resíduos sólidos e manejo de águas pluviais. 

No encontro também foi levantado pelos prefeitos do Entorno melhorias no transporte público.

Itamar Barreto, Prefeito de Formosa

Paciente com doença priônica segue internado com quadro grave


O homem de 61 anos, diagnosticado com doença priônica, grupo do qual faz parte a “doença da vaca louca”, continua internado no Hospital de Doenças Tropicais (HDT), em Goiânia. 

Segundo a unidade informou neste domingo (22), o quadro de saúde permanece grave, mas estável, e ele recebe cuidados paliativos.

O paciente, que mora na Bahia, foi internado no DHT no último dia 13. Infectologista e gerente médica do hospital, Analzira Nobre da Costa relatou que ele apresenta sintomas da doença desde abril do ano passado e já passou por outros hospitais.

A médica explica que esse tipo de doença neurológica degenerativa é rara e afeta os príons, que são proteínas animais presentes no cérebro. A enfermidade, que não tem cura, altera o sistema nervoso, provocando, por exemplo, espasmos musculares e demência.

A transmissão em humanos pode acontecer por meio de contaminação cirúrgica, pelo consumo de carne bovina de animais contaminados, de forma hereditária ou de maneira esporádica.

Segundo Analzira, no caso do paciente em questão, a doença possivelmente foi transmitida de forma esporádica ou genética, já que, para se considerar a transmissão por carne, teria de ser identificado o agente em vaca, o que não aconteceu até o momento.

Fonte: G1

Dengue recua na sexta semana do ano em Goiás


O número de casos notificados de dengue na sexta semana epidemiológica, de 8 a 14 de fevereiro, caiu 32,86% em relação à mesma semana do ano passado, de acordo com o Boletim Semanal de Dengue da Secretaria da Saúde. 

Foram 2.354 casos em 2015 contra 3.506 em 2014. Quando se compara os números de notificações da doença na sexta semana com a quinta semana (4.405 casos notificados), a redução de casos é de quase 50%.

Mesmo com essa redução, o total de casos notificados de dengue em Goiás nas primeiras seis semanas deste ano é 36,7% maior que o registrado no mesmo período do ano passado. 

De 4 de janeiro a 14 de fevereiro deste ano, foram 19.584 casos contra 14.326 de 2014.

Até a sexta semana de 2015, não houve morte confirmada de dengue, mas há 11 casos suspeitos. O município com maior número de casos é Goiânia, com 7.831 notificações. 

Em segundo lugar está Aparecida de Goiânia (1.790 casos), seguido por Pirenópolis (522), Ceres (484), Jataí (470), Rubiataba (469), Anápolis (381), Crixás (344), Senador Canedo (303) e Goiatuba (255).

domingo, 22 de fevereiro de 2015

Ameaça à Chapada dos Veadeiros: centenas de pessoas se mobilizam no Jardim Botânico de Brasília em favor da vida e do verde







Centenas de pessoas compareceram neste domingo (22) no Jardim Botânico de Brasília para participar de uma manifestação em defesa da Chapada dos Veadeiros. 

O evento começou por volta das 10 horas e perdurou por todo o dia, reunindo ambientalistas, jornalistas, integrantes das comunidades de Alto Paraíso de Goiás, agricultores, estudantes e pessoas comuns, todos preocupados com o futuro da espetacular fauna e flora da Chapada dos Veadeiros, situada no nordeste de Goiás. 

Na próxima quarta-feira, dia 25, será votado em Colinas do Sul (GO) o Plano de Manejo para a APA (Área de Proteção Ambiental) de Pouso Alto. 

Se aprovada, a medida pode prejudicar o Cerrado, área que engloba a Chapada dos Veadeiros e seu entorno.

O projeto foi apresentado em dezembro de 2014 e permite, por exemplo, a pulverização aérea de defensivos agrícolas (agrotóxicos), empreendimentos de mineração, centrais geradoras hidroelétricas e propõe um zoneamento não adequado para a conservação do patrimônio ambiental e cultural da região da Chapada dos Veadeiros.


A ação é orquestrada e patrocinada pelo governo de Goiás, comandado por Marcone Perillo.

Os municípios de Alto Paraíso, Nova Roma, Cavalcante, Teresina, São João da Aliança e Colinas do Sul são os municípios que integram a região da APA do Pouso Alto. 

No  Jardim Botânico, as pessoas participaram de palestras de conscientização sobre o avanço da mineração e do agronegócio sobre aquilo que resta do cerrado brasileiro, assistiram a shows musicais e assinaram um abaixo-assinado.

Além disso, foram criadas caravanas, que deslocarão até Colinas do Sul, na próxima quarta-feria, para fazer pressão contra o lobby que deseja avançar contra o ecossistema regional e um dos mais belos do país. 

Este blogueiro foi ao local e também participou das atividades. 

O Jardim Botânico de Brasília não foi escolhido à toa.  O local é um dos poucos em que ainda guarda e preserva aquilo que resta cerrado e foi o primeiro Jardim Botânico do Brasil com esse ecossistema predominante.

Possui uma área de cerca de 5 mil hectares, dos quais 526 hectares são abertos à visitação, com plantas nativas e exóticas devidamente identificadas, além de uma trilha ecológica com 4.500 metros.  

A badalada banda de Reggae "Rupestre" deu um show a parte e cantou em favor da natureza, do ecossistema cerrado e pelas vidas das futuras gerações.

Agora falta as comunidade atingidas se mobilizarem e barrar a ganância mercantilista que avança sobre a Chapada.   








Urgente: SOS para salvar Chapada dos Veadeiros ocorre hoje no Jardim Botânico de Brasília


A comunidade da Chapada dos Veadeiros pede socorro e convida Brasília para uma manifestação em forma de piquenique no Jardim Botânico de Brasília (JBB),neste domingo, 22 de fevereiro, das 10h às 17h. 

Infelizmente as propostas do documento que deveria visar a preservação da região, apresentam inúmeros fatores que podem trazer o Bioma Cerrado a extinção e o fim da CHAPADA DOS VEADEIROS.

Esse Plano será votado dia 25 de fevereiro, em Colinas do Sul (GO), pelo Conselho Consultivo da Área de Proteção Ambiental de Pouso Alto.

NÃO VAMOS PERMITIR ESSA TRAGÉDIA!

Juntos vamos lutar por um Plano de Manejo da Área de Preservação Ambiental (APA) do Pouso Alto que preserve sua verdadeira riqueza.
Um documento que define o futuro da Chapada dos Veadeiros, localizada em um dos biomas mais importantes do mundo, o Cerrado.

A região da Chapada dos Veadeiros é de interesse nacional e as propostas do Plano podem prejudicar uma Reserva da Biosfera, Hotspots mundiais de biodiversidade, a Comunidade Quilombola Kalunga, Bacias Hidrográficas que alimentam diversas regiões do Brasil e América do Sul e os patrimônios naturais Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros e Parque das Emas. 

Mais informações em nossa página MAIS Cerrado e no Blog (www.maiscerrado.wordpress.com)

Venha fortalecer a causa e curtir um Domingo de atividades para todas as idades e trocas de informação sobre a situação do nosso Cerrado! 

Será um evento aberto, convidem amigos e familiares!

Catraca Livre, melhor Blog do Mundo, também adere: abaixo-assinado online pede a conservação da Chapada dos Veadeiros


Criado em julho de 2009 por estudantes universitários sob a coordenação do jornalista Gilberto Dimenstein, o site Catraca Livre foi escolhido como o melhor blog do mundo em português, em premiação promovida pela Deustche Welle, emissora de TV pública da Alemanha. 

Este canal tão rico e importante para o nosso país também aderiu à campanha em defesa da Chapada dos Veadeiros, que está preste a ser destruída por cobiçadores de plantão, entre eles grupos ligados a Marcone Perillo e Ronaldo Caiado. 

Na próxima quarta-feira, dia 25, será votado em Colinas do Sul (GO) o Plano de Manejo para a APA (Área de Proteção Ambiental) de Pouso Alto. Porém, se aprovada, a medida pode prejudicar o Cerrado, área que engloba a Chapada dos Veadeiros e seu entorno.

O projeto foi apresentado em dezembro de 2014 e permite, por exemplo, a pulverização aérea de defensivos agrícolas (agrotóxicos), empreendimentos de mineração, centrais geradoras hidroelétricas e propõe um zoneamento não adequado para a conservação do patrimônio ambiental e cultural da região da Chapada dos Veadeiros.

Para preservar a região e frear estas ações, foi criado um abaixo-assinado online. Para assinar é preciso acessar este link. Até o fechamento desta matéria, a petição continha 2.115 assinaturas.

“Estima-se que mais de 55% do bioma Cerrado já tenha sido suprimido, tendo como principal ameaça o avanço da fronteira agrícola.

O novo código florestal brasileiro é altamente permissivo quanto ao desmatamento, portanto a região da APA (principalmente o Cerrado de altitude) precisa de um plano de manejo que possa controlar o licenciamento do avanço da fronteira agrícola”, explica o texto da petição.

Mais detalhes sobre o plano, trocas de informações e dúvidas serão debatidos em Brasília, em um evento no Jardim Botânico. O encontro acontece no domingo, dia 22, das 10h até 17h. 

A entrada é Catraca Livre e a participação é livre.

Leia a íntegra da matéria no Catraca Livre 


Já publicamos

Segundo ambientalistas, Plano de Manejo da Chapada será voltado no dia 25 de fevereiro. Querem destruir a Chapada



Atenção TV Globo, Folha de São Paulo, Correio Braziliense: Chapada dos Veadeiros, um paraíso, ao lado de casa, pode desaparecer


Muitos brasilienses e brasileiros tomaram pela primeira vez ciência da beleza e riqueza da Chapada dos Veadeiros recentemente, pela mine série Seremos felizes para sempre?  

Tão pertinho de Brasília, todo este esplendor que a natureza reservou corre o risco, agora, de desaparecer, graças a uma nova legislação ambiental, patrocinada pelo governo no de Goiás, comandado pelo tucano Marcone Perillo.

Alto Paraíso, Nova Roma, Cavalcante, Teresina, São João da Aliança e Colinas do Sul são os municípios que integram a região da APA do Pouso Alto. 

Desmatamento, pulverização aérea com agrotóxicos, mineração, hidrelétricas em rios que abastecem a bacia do rio Tocantins, uma das principais bacias hidrográficas do País que abastece a bacia amazônica. 

É isso o que permite o Plano de Manejo da Área de Proteção Ambiental (APA) de Pouso Alto, que engloba a Chapada dos Veadeiros, a ser votado pelo (espúrio) Conselho Consultivo da APA em Colinas do Sul-GO, no próximo dia 25, quarta-feira, às 9 horas. Coincidentemente, ainda na ressaca do Carnaval.

Por que a pressa para votar algo tão importante, e que tanta polêmica tem gerado?

Leia a íntegra desta Reportagem em Chico Santana 

Já publicamos


Segundo ambientalistas, Plano de Manejo da Chapada será voltado no dia 25 de fevereiro. Querem destruir a Chapada

sábado, 21 de fevereiro de 2015

Ambulância do município de São Domingos (GO) está há quase 60 dias estacionada em rua da cidade de Posse (GO)




Por Antônio Carlos,

Uma ambulância, pertencente ao município de São Domingos, foi vista estacionada em uma rua da cidade de Posse, distante cerca de 150 km do município de origem.

A ambulância poderia estar auxiliando no transporte de pacientes da Secretaria de Saúde, está parada na entrada de uma oficina por quase 60 dias em total abandono.

Ainda de acordo com as informações, a ambulância estaria em Posse para manutenção em uma oficina mecânica. 

De fato, a ambulância está estacionada em frente ao um local que seria uma oficina, porém, já alguns dias que a oficina mudou de endereço e não atende mais nesse local.

Isso mostra uma total falta de compromisso da gestão local com o patrimônio do município.

O espaço está aberto á prefeitura de São Domingos para maiores esclarecimentos sobre o ocorrido e o blog ficará atento para saber quando essa ambulância voltará à ativa.

Fonte: Blog Antônio Carlos 


Publicidade: Goiás Magazine abre departamento exclusivo para moda Evangélica



A Goiás Magazine, uma das mais prestigiadas lojas de roupas femininas de Campos Belos, novamente inovou e agora criou um departamento exclusivo para marcas de roupas evangélicas. 

São blusas, vestidos, saias, acessórios. Todas de marcas nacionalmente conhecidas e apreciadas pela elegância e beleza. 

Na próxima oportunidade em que você for renovar o seu guarda-roupas, não esqueça de dar aquela passadinha estratégica na Goiás Magazine, que fica na Rua do Comércio, próximo ao Supermercado Goiás. 

Alto Paraíso de Goiás recebe Feira de Cultura Espírita no final de fevereiro





A cidade de Alto Paraíso de Goiás, nordeste do estado, recebe a partir do próximo sábado, 28 de fevereiro, a Semana Espírita de Alto Paraíso e Região da Chapada. 

Diversas comitivas de várias cidade de Goiás, Distrito Federal e até de outros estados já estão se preparando para desembarcar na cidade e participar da agenda intensa dos evento programados.

A comitiva da Federação Espírita do Estado de Goiás é composta por cerca de 40 pessoas.

Durante o evento serão discutidas ações de colaboração mutua entre as casas espíritas da região da Chapada e as Federativas de Goiás e do Distrito Federal. Também serão ofertados cursos para os trabalhadores espíritas de acordo com a demanda. 

Dentro das atividades programadas está a Feira de Cultura Espírita, onde haverá apresentações de músicas espíritas, feira de livros, CDs e DVDs, exibição de filme e o show do cantor Cacá Resende. 

"Aproveitamos para lembrar aos trabalhadores da região da Chapada que teremos Reunião do Conord - Comissão Regional do Nordeste, iniciando no sábado dia 28 até dia 1 de março domingo no Centro Paulo de Tarso", lembra a irmã Myrella, uma das coordenadoras do evento. 

Confira a programação: 

Dia 28/02 - A Comitiva da Feego de 40 pessoas chegam em Alto Paraíso na hora do almoço no Hotel Fazenda Brancas. 

12h - 13h Recepção/Almoço
13h - 14h Descanso
14h - 15h Subida ao Morro da Prece e Capela Francisco de Assis, oração para início das atividades.
15h Saída para cidade de Alto paraíso
15h30 Montando a Feira na Praça do CAT

16h Iniciando as atividades no Centro Paulo de Tarso - Recebendo os amigos de Brasília, Goiânia e região da Chapada.
17h Palestra Paulo César
18h30 Ida para Praça do CAT
19h Projeção do Filme Data Limite
20h Show da Cacá
21h Jantar

Dia 01/03 - Conord
9h Inicio das atividades
Serão discutidos ações de colaboração mutua entre as casas espíritas da região da Chapada e as Federativas de Goiás e do Distrito Federal.
Serão ofertados cursos para os trabalhadores espíritas de acordo com a demanda.
12h Encerramento/Almoço

Prefeitura de Campos Belos convoca quatro motorista aprovados em concurso


"O Prefeito Municipal de Campos Belos, Estado de Goiás, o Senhor AUROLINO JOSÉ DOS SANTOS NINHA, no uso de suas atribuições legais que lhe são conferidas pela Lei Orgânica do Município e tendo em vista a aprovação no CONCURSO PÚBLICO nº 001/2012, promovido por esta Prefeitura Municipal para suprir as vagas existentes dos cargos da estrutura administrativa do Município e de acordo com a Constituição Federal em seu art. 12, inciso I e, tendo em vista a necessidade imediata de preenchimento das vagas existentes:
RESOLVE:

Art. 1º - Convocar para assumirem o cargo de:
MOTORISTA – (GERAL)

- EDINON RODRIGUES DE OLIVEIRA
- AURELIO BISPO FURTADO
- WALDEMIR GABRIEL DE OLIVEIRA
- WANYLDO RODRIGUES DOS SANTOS

Art. 2º - A pessoa convocada devera comparecer no Departamento De Pessoal da Prefeitura Municipal, munidas de todos os documentos pessoais e profissionais para a investidura no cargo, no horário de expediente.

Art. 3º - Fica a pessoa convocada para comparecer no prazo de 30 (trinta) dias, a contar da presente data, sendo que o não comparecimento dentro do prazo será considerado o candidato automaticamente como desistente.

GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE CAMPOS BELOS, Estado de Goiás, aos 19 dias do mês de fevereiro de 2015.

ENGº AUROLINO JOSÉ DOS SANTOS NINHA
Prefeito Municipal

Carro com placas de Campos Belos (GO) capota e mata motorista no Pará






Motorista Valdir Silvério Silva era tratorista e voltava do trabalho.

Um homem de 49 anos morreu após o automóvel que ele conduzia capotar na BR-163, às 21h30 deste sábado (14/02), no trecho do município de Novo Progresso, no centro-este do Pará, nas proximidades do Km 1000, próximo à comunidade de Vila Isol.

O veículo modelo Gol de placa HEQ-1477, licenciado em Campos Belos, Estado de Goiás, saiu da pista e capotou na altura do Km 1015, sentido Cuiabá/Santarém.

Segundo o registro da PM , que esteve no local, o corpo da vítima, Valdir Silvério Silva, foi lançado para fora do veículo e o condutor teve morte instantânea.

O Corpo da vítima permaneceu no local até das 23h, quando foi providenciado encaminhamento até o  município de Novo Progresso.

As causas do acidente serão apuradas. Valdir era operador de máquinas pesadas e trabalhava na região.

FOnte: Jornal Folha do Progresso 




Pedagogia da catástrofe



Por Cristovam Buraque, Senador da República

Chama-se “pedagogia da catástrofe” o conjunto de lições tiradas de tragédias geralmente anunciadas e desprezadas. A população de São Paulo está passando por um aprendizado desse tipo. 

Depois de anos desperdiçando água e sujando rios, investindo em asfalto e estádios, em vez de reservatórios, sem incluir nas escolas o respeito à água e demais preocupações ambientais, a população começou a conservar água.

A pedagogia da catástrofe funcionou para o povo, mas os governos, aparentemente, não aprenderam e continuam resistindo a fazer as necessárias políticas de investimento e de educação, e a população segue de olhos fechados para outros problemas.

Estamos esperando a destruição da Petrobras para só então aprendermos o risco do aparelhamento do Estado e da corrupção ligada ao financiamento de campanha por empreiteiras. 

Por anos, o governo federal caminhou a passos firmes na direção da atual crise fiscal e a estagnação econômica. Muitos alertamos para os riscos da baixa poupança, do excesso de gastos, da preferência pelo consumo, da falta de base educacional, mas o governo preferiu caminhar até o ponto da pedagogia da catástrofe. 

Para conseguir a reeleição, o governo federal prometeu o que não ia cumprir, sem considerar as consequências da desconfiança criada pelo divórcio entre o discurso do marqueteiro na campanha e a fala dos ministros depois da posse.

Tudo indica que precisaremos da catástrofe de um engarrafamento absoluto para percebermos o erro da opção da indústria e do transporte com base no automóvel privado; e de uma guerra civil em todas as ruas das cidades para admitirmos a violência que criamos com um modelo de desenvolvimento centrado no crescimento econômico, concentrando a renda, relegando a busca de educação da cidadania e a construção de harmonia social. 

A crise ecológica talvez só seja enfrentada quando o aquecimento global já tiver provocado todos os desastres planetários que se avizinham, mas que população e líderes se negam a ver.

Aparentemente estamos em um tempo em que argumentos não têm papel pedagógico; só as catástrofes convencem. O mundo parece ter apenas duas cores e estar parado no tempo; as análises que procuram mostrar as diferentes nuances dos problemas e prever suas consequências são recusadas. 

Há uma clara preferência pelas ilusões instantâneas no lugar da realidade em movimento, até que a pedagogia da catástrofe desperte a consciência, corrigindo os erros quando o preço já é muito alto.

É pouco provável que as próximas eleições mostrem que o povo aprendeu com seus erros eleitorais e consequentes opções de desenvolvimento, tanto quanto a população de São Paulo aprendeu com o desprezo pela água. 

Mesmo assim, é preciso insistir nos alertas, ainda que não sejam ouvidos, porque não tentar convencer seria uma catástrofe pessoal.

Cristovam Buarque e senador (PDT-DF)