Banner 1

Banner 1

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

A disciplina do "Golpe": Ex-reitor da UnB, deputados e advogados entram com ação contra ministro da Educação



José Geraldo de Sousa Júnior, ex-reitor da Universidade de Brasília, Marcio Sotelo Felippe, ex-Procurador Geral do Estado de São Paulo, Wadih Damous, deputado federal (PT), Paulo Pimenta, deputado federal (PT), e Patrick Mariano Gomes, advogado, protocolaram nesta quinta-feira (22) uma representação no Conselho de Ética da Presidência da República e na Procuradoria-Geral da República contra o ministro da Educação, Mendonça Filho.

O documento acusa o ministro de violar a liberdade de cátedra e a autonomia universitária ao se manifestar contra o curso dado pelo professor Luis Felipe Miguel, da Universidade de Brasília, “O golpe de 2016 e o futuro da democracia no Brasil”.

Mendonça Filho disse que acionaria a Advocacia-Geral da União, Controladoria-Geral da União, Tribunal de Contas da União e o Ministério Público Federal para “apurar se há algum ato de improbidade administrativa ou prejuízo ao erário a partir da disciplina”.

Em texto postado no Facebook, o ministro diz que “não se pode ensinar qualquer coisa”: 

“Se cada um construir uma tese e criar uma disciplina, as universidades vão virar uma bagunça geral. A respeitabilidade no ambiente acadêmico fica na berlinda”.

A universidade criou recentemente no curso de ciência política um disciplina chamada de "O golpe de 2016 e o futuro da democracia no Brasil". O coordenador do curso é o professor doutor Luis Felipe Miguel"

Leia a íntegra do documento

Boeiro da fedentina ainda resiste



Hoje a situação é essa... Acabaram de abrir de vez o boeiro e simplesmente foram embora. 

As portas e janelas fechadas por conta do mau cheiro. É coisa viu!! Muita coisa!! Vamos ver até quando. Aguardando cenas do próximo capítulo.

Meu Deus... espero que resolva o problema!! Já estamos cansados, mas não vamos desistir de lutar pelos nossos direitos, somos cidadãos e merecemos respeito! 

Pagamos impostos para manter a cidade digna de uma moradia saudável e o que recebemos em troca? 

Descaso... Vamos aguardar as cenas do próximo capítulo e que esta saga tenha uma final feliz!! 

Minha mãe, que tanto contribuiu na Educação de Arraias, minha cidade natal, não merece perder o pouco de saúde que ainda por causa de um problema, de tão simples solução, que depende apenas de força de vontade de quem está com a "caneta na mão"! 

Já são mais de 07 anos de espera e angústia, fomos em todas as instancias, que gerou um processo no Ministério Público, que a justiça seja feita!!

Relembre o caso

Um boeiro e um descaso de 7 anos que destrói vidas em Arraias (TO)

Chuva: Em Formosa (GO) carro capota diversas vezes e deixa três feridos. Menino de 5 anos está entre as vítimas



Dirigir durante chuvas é perigoso. Ontem (22), por volta as 13h, um motorista de um honda civic, placa de Brasília, perdeu o controle do carro e capotou diversas vezes na BR-020,  próximo ao Bezerra, em Formosa (GO). 

Testemunhas relataram que o veículo, que seguia no sentido Formosa, teria aquaplanado, ficado fora de controle, cruzado a pista e capotado várias vezes por muitos metros, parando já fora da pista, depois de ter saltado uma cerca de 1,2 sem causar danos a ela.

O carro conduzia um casal e uma criança de 5 anos. Os bombeiros foram ao local e prestaram socorro às vitimas. 

De acordo com corporação, foi estabelecida a segurança do local e a estabilização do cenário, para que outros acidentes e incêndios não ocorressem. Além disso, os bombeiros empreenderam socorro às vítimas.

O homem, 52 anos, condutor do veículo, reportava dores nos braços e nas costas. 

A mulher, 47 anos, passageira, reclamava de dores nos braços, e a criança não teve lesões aparentes, mas foi encaminhada para avaliação médica na Unidade de Pronto Atendimento Infantil e ao Hospital Municipal de Formosa.

Adolescente pede socorro por celular para impedir que tio a estupre


Uma adolescente de 15 anos usou o celular para pedir socorro ao pai e evitar que o tio a estuprasse. “O tio está tentando me estuprar”, disse a jovem, fazendo com que o progenitor corresse para casa na última quinta-feira (22/2), em Taubaté (SP).

Enquanto ele não chegou, a menina lutou contra o estuprador. 

“Ele arrastou ela para a cama e tentou abusar”, contou o pai. O homem foi encontrado pelos militares pouco tempo depois do crime.

O acusado afirmou estar arrependido e que era usuário de drogas e bebidas alcoólicas. A polícia garante que, apesar de não ter havido conjunção carnal, houve estupro, de acordo com a lei. As informações são do portal O Tempo.

Retrato de família: meu povo em Campos Belos, fins dos aos 80


Rico empresário de Taguatinga (TO) é acusado de pedofilia. Novela da globo pode ter impulsionado a denúncia à polícia



Um homem rico e de tradicional família de Taguatinga (TO) foi denunciado à polícia civil por pedofilia.

Neste momento, a Polícia Civil apura o caso, que segundo as primeiras informações, os abusos ocorrem há mais de 30 anos.

A novela da Globo, "Do Outro Lado do Paraíso", ambientada no Tocantins, pode ter contribuindo decisivamente para o deslinde do caso. 

Parece novela, se não fosse tão grave o caso. 

"Há muita influência financeira e política por trás de tudo", disse uma fonte da cidade. 

DPE-TO participa de audiência pública sobre serviço de telefonia em Arraias


Representando a Defensoria Pública do Estado do Tocantins (DPE-TO), o defensor público Edson Perilo participou de audiência pública realizada pelo Procon em Arraias, a 419 Km de Palmas, com objetivo de discutir o serviço de telefonia celular e dado móveis da operadora Vivo, devido à interrupção do serviço no período de dia 26 a 30 de janeiro de 2018, no município.

A audiência foi realizada na última terça-feira, 20, na Câmara Municipal de Arraias, com a presença do presidente da Casa, vereador Carlos César Pereira da Silva, do advogado da empresa Vivo, e de representante do Ministério Público, além da população em geral, que relatou os problemas relativos ao fornecimento dos serviços da operadora no município.

De acordo com o Defensor Público, o único retorno dado pela Operadora quanto à questão foi de que não iria cobrar o serviço durante o período de interrupção. 

No entanto, a população local não aceitou e o Procon anunciou que deve entrar com uma ação coletiva, pois existem outros problemas relacionados à utilização dos planos contratados, como a ineficiência do serviço dos dados móveis e a cobertura da telefonia que, conforme se afasta da zona urbana, desaparece o sinal.

Quanto aos prejuízos individuais de cada consumidor, Edson Perilo explicou que todo e qualquer prejuízo individual dos hipossuficientes será assistido pela Defensoria Pública. 

“Os consumidores que se enquadrarem no perfil de assistido da Instituição e que tiveram prejuízos pode procurar a Defensoria Pública para atendimento”, ressaltou.

A ata da audiência será elaborada pela presidência da Câmara Municipal de Arraias.

Com informações da DPE

Deputado Valdemar Junior avalia entrega de nova viatura para segurança de Taguatinga (TO)


O deputado estadual Valdemar Júnior (MDB) participou da entrega, juntamente ao governador Marcelo Miranda, da chave de uma nova viatura para a cidade de Taguatinga – TO. 

O evento ocorreu em frente à Secretaria de Cidadania e Justiça do Estado, em Palmas, na tarde desta quarta-feira, 21.

Segundo o Deputado, o trabalho da Polícia Militar, Polícia Civil e a gestão da Seciju, estão fazendo a diferença na segurança do Tocantins. 

Nesse propósito de união de forças, o Vice-Prefeito, João Pereira, e o chefe da cadeia pública de Taguatinga, Edinon Moreira dos Santos, presenciaram o resultado do empenho de Valdemar Júnior para contemplar o município que ele representa. 

Em seu papel de fiscalização à administração do Estado, tem buscado junto ao governo, condições para o aumento da qualidade de vida dos taguatinenses.

Na solenidade, Valdemar Júnior avaliou a entrega de 20 novas viaturas que vão ser distribuídas no interior do Estado. 

Elas serão destinadas às Unidades Prisionais e ao Grupo de Intervenções Rápidas (GIR). 

Um investimento de R$ 3.028.000,00 com a finalidade de melhorias na segurança da população do estado.

Da Ascom

Boca no Trombone: falta de professor na UEG

"Como aluna da Universidade Estadual de Goiás Campus Campos Belos, gostaria de manisfestar a minha reclamação devido à falta de professor de Língua Inglesa para o meu Campus. 

Um dos professores do quadro docente deixou o cargo e nós alunos do 4• (último) ano do curso de Letras estamos sem professor de Língua Inglesa, pois até agora não foi providenciado um processo seletivo para contratação de um novo profissional. 

Por estarmos no último ano do curso, poderemos ser fortemente prejudicados com esta falta de professor e como acadêmicos exigimos que o problema seja resolvido o quanto antes para que não tenhamos que sofrer com as possíveis consequências."

Em Arraias, Polícia Militar detém suspeito por tráfico de drogas e apreende entorpecentes


A Polícia Militar apreendeu, na tarde desta quarta-feira, 21, um menor infrator de 17 anos, por suspeita de tráfico de entorpecentes em Arraias do Tocantins. 

Com ele a PM localizou 30 cigarros e um tablete de maconha.

A ação policial ocorreu por volta das 18 horas, durante patrulhamento tático especial feito por policiais militares da 1ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) no setor Buritizinho, quando a equipe avistou pessoas em atitude suspeita na arquibancada da quadra de esporte.

Quando percebeu que a PM iria efetuar a abordagem, o menor se dispersou do grupo. 

Os militares fizeram a volta no quarteirão com a viatura e avistou o jovem dispensando um volume, sendo feita a abordagem, que recolheu no local um pacote contendo sete "dolas" (cigarros) de maconha.

O rapaz foi conduzido à Delegacia de Polícia, onde foi acionado o Conselho Tutelar. 

Na delegacia, ele  confessou que comercializava a droga na quadra e que ainda tinha certa quantidade de entorpecente na sua residência.

Uma equipe de Força Tática, acompanhada pelos conselheiros tutelares e o infrator, deslocou até a residência e encontrou debaixo do sofá da sala, num pote de café outro pacote contendo 23 "dolas" e um "tablete" de maconha.

A Equipe retornou à Delegacia de Polícia e apresentou o infrator ao delegado de plantão para formalização do procedimento cabível.

Com informações da PM 

quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

Político em cana: Ex-prefeito de Água Fria de Goiás e mais três são presos suspeitos de forjar contratos e se apropriar de dinheiro público


O ex-prefeito de Água Fria de Goiás, no Entorno do DF, e ex-deputado distrital João de Deus Silva Carvalho, dois ex-secretários de Finanças e um contador do município foram presos nesta quarta-feira (21) suspeitos de se apropriarem de dinheiro do município por meio de fraudes. 

A reportagem não conseguiu localizar as defesas dos detidos.

De acordo com o Ministério Público, o grupo forjava contratos de prestação de serviços e emitia cheques no nome de um suposto servidor da prefeitura, sem que ele soubesse, com base nos valores dos falsos documentos. A cidade fica no Entorno do Distrito Federal.

O G1 perguntou ao MP, por e-mail e por telefone, os nomes dos presos, o valor do rombo causado pelo grupo e outros detalhes das investigações, mas não recebeu retorno até a publicação desta reportagem. A operação foi batizada de "Cheque-Mate".

Pela manhã, investigadores estiveram na Prefeitura de Água Fria de Goiás para coleta de documentos. A recepcionista da prefeitura não quis passar a ligação para outro setor. Ela confirmou a operação e disse que todos os envolvidos são relacionados à gestão anterior.

Investigações

Iniciadas em 2015, as investigações apontam que a quadrilha se apropriava do dinheiro obtido com a compensação dos cheques. 

O grupo também teria adulterado documentos enviados ao MP de Goiás, com a intenção de legitimar sua a ação e justificar os valores supostamente pagos ao servidor.

De acordo com o MP, os documentos fraudados eram emitidos com a assinatura e ciência do ex-prefeito, e a fraude contava com o auxílio do contador. 

Já os ex-secretários atuavam diretamente nos crimes, assinando os cheques juntamente com o ex-prefeito e cuidando de todo procedimento para que os valores dos cheques descontados chegassem até eles.

Fonte: g1

Vereadores de Campos Belos ainda não apreciaram veto ao PL antinepostismo


Os vereadores de Campos Belos ainda não apreciaram o veto do prefeito Eduardo Terra ao PL 004/2017 - chamado de PL Antinepotismo. 

Segundo o presidente da Casa, Vereador Juranda, na última segunda-feira (19), o documento foi enviado às comissões internas da Câmara de Vereadores, que devem dar seus pareceres. 

Se tudo ocorrer bem, o veto será apreciado no Plenário, na sexta-feira (23).  

Só para elas: "Coquetel Segredos da Sedução" acontece em Campos Belos, no dia 2 de março


"Você sabe o que é Sex Coach?

Sex Coach são profissionais que trabalham para empoderar indivíduos - mulheres na maior parte - em relação ao próprio corpo e desejos. 

É uma facilitadora de questões sexuais, intimidades e relacionamentos.

Para dar uma ajudinha às mulheres de Campos Belos e Região a Secret's SexShop estará promovendo um encontro só para elas. 

O coquetel "Segredos da Sedução" vai acontecer dia 02 de março, 19h às 22h com a Sex Coach Raquel Malaghetta no Serra Verde Hotel e o ingresso custará  R$ 40,00.

O objetivo desse evento é mostrar os mistérios de uma mulher irresistível e despertar o seu poder de sedução.

Lá você terá dicas quentes para utilizar no dia-a-dia, o poder dos produtos eróticos, a técnica da raposa, técnicas para tirar o relacionamento da rotina e muito mais. 

Então você não pode ficar por fora! Os ingressos você adquire na Adega da Cachaça na Vila Baiana.

Maiores informações através do telefone (62) 99971-8348."

Fonte e texto: Assessoria 

Ideologia política na Unb: MEC vai acionar MPF contra disciplina da UnB sobre ‘golpe de 2016’


O Ministério da Educação (MEC) vai acionar a Advocacia-Geral da União (AGU), o Tribunal de Contas da União (TCU), a Controladoria-Geral da União (CGU) e o Ministério Público Federal (MPF) para que seja apurada “improbidade administrativa” por parte dos responsáveis pela criação da disciplina na Universidade de Brasília (UnB) chamada “O golpe de 2016 e o futuro da democracia no Brasil”. 

Em nota, o ministro Mendonça Filho disse lamentar “que uma instituição respeitada e importante adote uma prática de apropriação do bem público para promoção de pensamentos político-partidários”.

A disciplina é oferecida pelo Instituto de Ciência Política (IPOL) da UnB e pretende analisar o impeachment da presidente Dilma Rousseff e o governo Michel Temer, identificado nos objetivos do curso por uma “agenda de retrocesso nos direitos” e também por “restrição às liberdades”. 

De acordo com o MEC, “a disciplina tem indicativos de ter sido criada exclusivamente para militância partidária, algo que pode ser percebido no caso da temática de algumas unidades como ‘o lulismo e a promoção da paz social’, ‘o governo Dilma e a tentativa de repactuação lulista’ e ‘a resistência popular e as eleições de 2018’” (leia abaixo a nota da pasta na íntegra).

As aulas serão ministradas pelo professor Luis Felipe Miguel, titular da cadeira, e o curso está previsto para começar no dia 5 de março. 

Em nota, a UnB informou que “a proposta de criação de disciplinas, bem como suas respectivas ementas, é de responsabilidade das unidades acadêmicas, que têm autonomia para propor e aprovar conteúdos, em seus órgãos colegiados”. 

A disciplina, segundo a universidade, é facultativa e não integra a grade obrigatória de nenhum curso. 

A UnB finaliza seu posicionamento reiterando “seu compromisso com a liberdade de expressão e opinião — valores fundamentais para as universidades, que são espaços, por excelência, para o debate de ideias em um Estado democrático.”

Miguel defendeu em uma postagem em seu perfil no Facebook que o curso trata-se de uma “disciplina corriqueira, de interpelação da realidade à luz do conhecimento produzido nas ciências sociais”. 

O professor destacou também que as aulas que está oferecendo se alinham “com valores claros, em favor da liberdade, da democracia e da justiça social, sem por isso abrir mão do rigor científico ou aderir a qualquer tipo de dogmatismo”. 

Para ele, “é assim que se faz a melhor ciência e que a universidade pode realizar seu compromisso de contribuir para a construção de uma sociedade melhor”.

VEJA A ÍNTEGRA DA NOTA DO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

O ministro da Educação, Mendonça Filho, lamenta que uma instituição respeitada e importante como a Universidade de Brasília adote uma prática de apropriação do bem público para promoção de pensamentos político-partidário ao criar a disciplina “O golpe de 2016 e o futuro da democracia no Brasil”, que será ministrado no curso de Ciências Políticas da universidade.

O MEC irá encaminhar solicitação para a Advocacia-Geral da União (AGU), ao Tribunal de Contas da União (TCU), à Controladoria-Geral da União (CGU) e ao Ministério Público Federal (MPF) para a apuração de improbidade administrativa por parte dos responsáveis pela criação da disciplina na Universidade de Brasília (UnB) por fazer proselitismo político e ideológico de uma corrente política usando uma instituição pública de ensino.

A ementa da disciplina traz indicativos claros de uso de toda uma estrutura acadêmica, custeada por todos os brasileiros com recursos públicos, para benefício político e ideológico de determinado segmento partidário, citando, inclusive, nominalmente o PT. 

Dividida em 5 módulos, a disciplina tem indicativos de ter sido criada exclusivamente para militância partidária, algo que pode ser percebido no caso da temática de algumas unidades como “o lulismo e a promoção da paz social”, “o governo Dilma e a tentativa de repactuação lulista” e “a resistência popular e as eleições de 2018”.

Além disso, há, também, módulos tratando sobre “O PT e o Pacto Lulista”, “Democratização e Desdemocratização” e “O Governo ilegítimo e a resistência”, em um ataque claro às instituições brasileiras, incluindo o próprio Supremo Tribunal Federal (STF).

Fonte: Agência Globo

Lavagem: Curso de Ciência Política da UnB terá disciplina sobre o “golpe de 2016”


O suposto "golpe jurídico/midiático/parlamentar" encampado no país, que culminou no impeachment da ex-presidenta Dilma Rousseff, será tema de aula na Universidade de Brasília (UnB). 

Segundo os coordenadores do curso, com início em duas semanas, a disciplina “O golpe de 2016 e o futuro da democracia no Brasil” está na grade obrigatória da graduação em Ciência Política e é aberta a alunos de outros cursos.

Ministrada pelo professor Luis Felipe Miguel, titular da cadeira, a disciplina, de acordo com a descrição oficial, tem três objetivos: 

“Entender os elementos de fragilidade do sistema político brasileiro que permitiram a ruptura democrática de maio e agosto de 2016, com a deposição da presidente Dilma Rousseff; analisar o governo presidido por Michel Temer e investigar o que sua agenda de retrocesso nos direitos e restrição às liberdades diz sobre a relação entre as desigualdades sociais e o sistema político no Brasil” e, por último, “perscrutar os desdobramentos da crise em curso e as possibilidades de reforço da resistência popular e de restabelecimento do Estado de direito e da democracia política no Brasil”.

Segundo a Instituição, para cumprir com os objetivos da disciplina, o programa prevê que as aulas comecem com um resgate do golpe de 1964, passando pela redemocratização e Constituição de 88, até chegar no momento em que será discutido “o PT e o pacto lulista”. 

"A partir daí, a disciplina avançará na discussão do que foi a formação dos governos petistas e passará por análises mais profundas, que vão do conceito de democracia no capitalismo até as chamadas “jornadas de junho” de 2013". 

A Unb diz que as aulas chegam, finalmente, às eleições de 2014 e inúmeros aspectos políticos, sociais e culturais vão sendo discutidos para se criar um entendimento do contexto com que se chegou ao momento da articulação do impeachment de Dilma Rousseff. 

"Neste sentido, será discutida toda a atuação da mídia, do judiciário, e também será analisado o papel e o surgimento de uma nova direita, até o que chamam de “parafascismo”.

A disciplina se propõe, ainda, a analisar a “agenda de retrocessos” imposta pelo governo Temer e discutir possíveis “chances” do “restabelecimento do Estado de Direito”.

Acusado de estupro é preso em Cavalcante (GO)


A Delegacia de Polícia de Cavalcante cumpriu, na tarde desta quarta-feira (21), mandado de prisão preventiva e deteve um homem, acusado da prática do crime de estupro de vulnerável.

A ação fez parte da Operação Lolita, destinada à repressão de crimes sexuais nos municípios de Cavalcante e Teresina de Goiás.

Além do Delegado Titular da Comarca de Cavalcante, George Aguiar Muniz, participaram da diligência os Agentes de Polícia Hélio Oliveira de Araújo Neto e Sylvio Augusto Proença Moraes e contou com a colaboração do Comandante da Polícia Militar local, Sargento Carlos Alberto Pereira.

Locais de prova do concurso da Polícia Militar do TO são divulgados


Foram divulgados os locais e horários de prova do concurso da Polícia Militar do Tocantins. 

São 1 mil vagas para soldados e 40 vagas para oficiais, com salários que chegam a R$ 9 mil. As provas serão no dia 11 de março em Araguaína, Araguatins, Arraias, Gurupi e Palmas.

Para o cargo de soldado, as provas serão aplicadas no período da tarde na cidade escolhida no momento da inscrição. 

O portão de acesso será aberto às 13h30 e fechado às 14h30. A duração será de quatro horas. Veja aqui onde você fará a prova.

Os candidatos ao cargo de cadete I farão o exame no período da manhã. O portão será aberto às 7h e fechado às 8h. A aplicação das provas terá início 15 minutos após o fechamento do portão, com duração de quatro horas. Confira neste link o seu local de prova.

As provas intelectuais serão objetivas, de múltipla escolha, dissertativa. Vão avaliar língua portuguesa, raciocínio lógico e matemática, atualidades e conhecimentos regionais, noções de direito, noções de informática e normas da PM. Também haverá redação. No total, serão 60 questões que somarão 100 pontos.

Para soldado, o candidato deverá obter o mínimo de 50% de acerto, tendo pelo menos um ponto em cada disciplina. 

Já para oficial, a pontuação mínima será de 60% de acerto, tendo pelo menos um ponto em cada disciplina para ser aprovado para a segunda etapa do certame.

O subsídio inicial durante o Curso de Formação de Oficiais é de R$ 4.499,52 e para o Curso de Formação de Soldados é de R$ 2.215,10.

O concurso também é composto por exame de capacidade física, avaliação psicológica, avaliação médica e odontológica e investigação social.

OVG abre seleção para preencher 10 mil bolsas de estudo em Goiás


A Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) está com inscrições abertas para preencher 10 mil bolsas de estudo por meio do Programa Bolsa Universitária (PBU). 

Os interessados podem se cadastrar até 1º de março. Podem concorrer estudantes com renda familiar de até seis salários mínimos.

Do total de bolsa, nove mil são parciais, para aqueles que têm renda bruta mensal de até seis salários mínimos, e mil integrais, para os que têm renda de até três salários mínimos. As inscrições devem ser feitas diretamente pelo site da OVG.

No dia 9 de março, será divulgada a convocação dos candidatos selecionados para a entrevista. Na data agendada, o candidato deve apresentar toda documentação exigida, tanto cópia quanto original.

Os selecionados precisam cumprir uma contrapartida, atuando em instituições governamentais ou não governamentais, cumprindo uma jornada compatível com os horários da faculdade.

O programa tem parceria com 75 instituições de ensino superior e atende 223 municípios goianos.

terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

Policiais civis do DF fazem greve de 72 horas a partir desta quarta-feira (21)



A decisão dos policiais vem como protesto pela intransigência do governo Rollemberg em avançar as negociações salariais com o governo que se nega a apresentar proposta de recomposição das perdas que já chegam a 50% dos salários.

"O governo de Rodrigo Rollemberg tem sucateado a segurança pública do Distrito Federal de diversas formas e uma das mais graves é a desvalorização dos policiais civis. 

Foi o descaso do governo e cansaço da categoria que desencadeou essa paralisação", afirma Rodrigo Franco Gaúcho, presidente do Sinpol-DF.

Uma nova assembleia, também com indicativo de greve, acontecerá na próxima segunda-feira (26), 14h30, na Praça do Buriti.


fonte: Sindicato


Policial é agredido e atira em paciente que tentava suicídio


Um policial civil tentou impedir que um paciente do Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo) se suicidasse, mas acabou baleando o internado. 

A Polícia Civil informou que o policial teve cortes no rosto e no braço ao tentar impedir que o paciente se ferisse, mas que ambos foram atendidos e passam bem.

O Hugo informou, por meio de nota, que os dois envolvidos foram atendidos imediatamente. Segundo o texto, foram feitas pequenas suturas nos ferimentos do policial e o paciente está sendo avaliado por equipe multidisciplinar da unidade de saúde.

Por meio de nota, a Polícia Civil destacou que o paciente "tentou suicídio após uma cirurgia de tórax". Segundo a corporação, o internado "quebrou uma janela de vidro e cortou-se com cacos". 

Em seguida, servidores do hospital pediram ajuda para uma equipe de enfermagem e depois para "um policial civil que presta serviços no referido estabelecimento de saúde, tudo no intuito de impedir o paciente de concretizar o suicídio".

Ainda segundo a corporação, o "o policial civil foi agredido pelo paciente, que o atacou com cacos de vidro, causando-lhe cortes no rosto e braços", foi quando o policial atirou e atingiu o paciente no quadril. "A Polícia Civil irá instaurar procedimento para apurar o caso em sua integralidade".

Fonte: G1

Em Niquelândia (GO), juiz determina bloqueio de passaporte até que mulher quite dívida


O juiz Rodrigo Victor Foureaux Soares, da comarca de Niquelândia, determinou o bloqueio do passaporte e a penhora de 10% de todo o valor que ingressar na conta-corrente de uma mulher até que a ela pague um empréstimo.

A instituição financeira requereu a retenção da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e do passaporte da mulher executada, bem como o bloqueio de todos os cartões de crédito e de débito existentes em nome da devedora, como medida forçada para saldar a dívida.

Consta dos autos que a mulher foi a uma instituição financeira renegociar empréstimo no valor de R$ 32.644,19, em 4 de agosto de 2011. 

Em março de 2017, o valor estava atualizado em R$ 105.014,28 e, posteriormente, ela simplesmente sumiu, e não pagou nenhuma parcela do empréstimo, não dando satisfação e ignorando totalmente o credor e a justiça.

“No Brasil, infelizmente, é comum os processos em que as partes “ganham, mas não levam” e ao Poder Judiciário cabe adotar as providências necessárias para que esse jargão não prevaleça, de forma a respeitar o mínimo existencial e a dignidade da pessoa humana do executado, bem como o direito à satisfação do crédito do exequente. 

Deve haver um equilíbrio”, destacou o juiz ao citar o artigo 139, IV, do Código de Processo Civil (CPC).

De acordo com o magistrado, caso não haja formas de se obrigar os devedores a pagarem as dívidas, mesmo após tanta recalcitrância, haverá uma insegurança de grande monta para a economia, e todos brasileiros acabarão por pagar pelos maus pagadores, com a instabilidade econômica e altos juros.

Segundo ele, o artigo 833, IV e parágrafo 2º, do CPC criou uma presunção relativa de que as pessoas que recebem mais de 50 salários mínimos mensais possuem condições de terem o salário penhorado para o pagamento de dívida de natureza não alimentar. 

No entanto, não excluiu, peremptoriamente, a possibilidade de se penhorar rendimentos inferiores a 50 salários mínimos, o que deve ser analisado, fundamentadamente, diante de cada caso. 

Isto é, conforme observou Rodrigo Foureaux, para salários inferiores a 50 salários mínimos há presunção relativa de que não pode o salário ser penhorado para o pagamento de dívida diversa da alimentar; enquanto que para salários superiores ao quantum mencionado a presunção é pela possibilidade.

“Ainda que se interprete que pela literalidade do Código de Processo Civil para que não seja possível a referida penhora, deve haver a “derrotabilidade da regra”, neste caso, pois a finalidade da vedação à penhora é a manutenção do patrimônio mínimo e dignidade da pessoa humana, por terem os salários natureza alimentar, não sendo razoável utilizar-se dessa vedação legal para negar-se a pagar dívidas, quando possível, ao mesmo tempo, tutelar o direito ao crédito, sem, no entanto, violar o Estatuto Jurídico do Patrimônio Mínimo da executada”, salientou.

Fonte: TJGO

Missa lembra um mês da morte de Isanulfo Cordeiro


Uma missa em homenagem póstuma ao jornalista Isanulfo de Abreu Cordeiro, que morreu aos 66 anos, em decorrência de um câncer no intestino, será realizada nesta terça-feira (20), às 19h, na Igreja Católica Ortodoxa São Nicolau, na Avenida República do Líbano, no Setor Oeste, em Goiânia.

Biografia

Nascido em Campos Belos, no Nordeste goiano, Isanulfo Cordeiro veio para Goiânia aos 4 anos. 

Formou-se em Direito (1969-1974) e em Jornalismo (1969-1973), fazendo os dois cursos ao mesmo tempo. Nunca seguiu carreira na advocacia e adentrou no Popular pouco antes de se formar. 

"No 2° ano de faculdade, me apaixonei pelo jornalismo", relembra. Sua primeira passagem pelo veículo durou seis anos e acabou em 1979, quando saiu para participar do processo de fundação do jornal Diário da Manhã.

Em 1984, retornou ao Popular como editor do caderno de Cidades. Um ano depois, assumiu a editoria de Política, onde ficou por 11 anos. 

Em 1996, se tornou editor-executivo do jornal, ao lado de Wilson Silvestre e Rachel Azeredo. Em 1999, chegou ao cargo de editor-chefe, que só deixou em 2007.

Há 10 anos, trabalha ao lado do governador Marconi Perillo (PSDB). Foi chefe do Gabinete de Gestão de Assuntos Internacionais do governo estadual.

Em 2001, recebeu o título de Master em jornalismo pela Universidad de Navarra, na Espanha, em parceria com o Instituto Internacional de Ciências Sociais (IICS), em São Paulo.

Em novembro de 2017 recebeu uma medalha de honra por serviços prestados à UFG e ao Estado de Goiás.

Fonte: O Popular

Você viu? Atriz Agatha Moreira faz ensaio nu na Chapada dos Veadeiros



Agatha Moreira ainda está se preparando para voltar às telinhas na novela Orgulho e Paixão, após de interpretado Domitila em Novo Mundo, mas ela continua trabalhando por aí com ensaios fotográficos pelo Brasil.

A atriz é a estrela da próxima edição da revista Trip e foi clicada pelo fotógrafo Brunno Rangel na Chapada dos Veadeiros, em Goiás, em fotos bem ousada, em que aparece completamente nua.

Vale lembrar que a atriz de 26 anos está namorando o ator Pedro Lamin.

Fonte: O Fuxico

Governo repassa recursos de R$ 1,4 milhão às obras do Hospital Municipal de Posse/GO


O vice-governador José Eliton vistoriou nesta segunda-feira, dia 19, as obras de ampliação e reforma do Hospital Municipal de Posse, no Nordeste goiano. 

A unidade recebeu R$ 1,4 milhão de investimentos do governo estadual, recursos oriundos do Programa Goiás na Frente.

O hospital terá a capacidade ampliada para 70 leitos e receberá ainda uma unidade do Hemocentro. Acompanhado do prefeito Wilton Barbosa, Eliton verificou o andamento dos trabalhos, que estão 25% concluídos.

O prefeito comemora o andamento da obra. “Nos próximos meses teremos condições de entregar um melhor serviço à comunidade”, disse. “É um hospital de natureza regional”, explica.

José Eliton, que é o coordenador-geral do Programa Goiás na Frente, destacou o caráter positivo dos trabalhos. 

“Está em andamento acelerado”, atestou ao narrar a conversa que teve com o responsável pela obra, segundo o qual “nos próximos quatro meses haveremos de inaugurar um empreendimento que vai abrigar uma condição física muito melhor para os pacientes e para os operadores de saúde”.

Água

Ao comandar vistoria em obra da Saneago de expansão da rede de água na cidade, Eliton comemorou o andamento dos trabalhos. 

Acompanhado pelo prefeito Wilton Barbosa, pelo deputado federal Giuseppe Vecci e por várias autoridades e lideranças locais, o vice-governador afirmou que, em breve, o município contará com um incremento no abastecimento de água potável. “Obra importantíssima para o futuro do abastecimento de água desse município”, observou.

UEG

Ainda em Posse, o vice-governador José Eliton vistoriou a obra de construção da Unidade de Saúde Especializada (USE) da cidade e participou da aula inaugural do curso de Engenharia Agronômica da Universidade Estadual de Goiás (UEG). 

Ao lado do reitor Haroldo Reimer e do reitor da Universidade Federal de Goiás (UFG), Edward Madureira, convidado para proferir a aula inaugural do curso, José Eliton elogiou a capacidade dos alunos que conseguiram ingressar no curso, “mesmo diante de uma concorrência muito forte de 15 candidatos por vaga”.

Ele comentou o feito dos alunos e a importância do foco nos estudos. Lembrou o fato de ter galgado importantes posições na vida, mesmo tendo estudado em escola pública, o Colégio Estadual Dom Prudêncio, em Posse. 

“Se não tivesse seguido os estudos, jamais teria chegado à condição de vice-governador”, avalia.

Eliton fez elogios à atuação do professor Haroldo Reimer à frente da UEG. 

“Seguiu à risca nossa determinação, minha e do governador Marconi Perillo, em ampliar as ações, inaugurar novos cursos e melhorar a qualidade dos que já estão sendo oferecidos”, disse.

Reimer classificou como “conquista importante do Nordeste de Goiás”,a implantação do curso de Agronomia na UEG de Posse. 

“Significa uma qualificação maior na oferta dos nossos cursos, sobretudo para contribuir com desenvolvimento regional do Nordeste goiano”, disse. “Foi muito proativo o apoio do vice-governador José Eliton e do governador Marconi Perillo às iniciativas da universidade”, concluiu.

Comunicação da Vice-Governadoria

MP realiza Operação Bizâncio e cumpre 4 mandados de prisão em Nova Roma/GO


O Ministério Público de Goiás deflagrou na manhã desta terça-feira (20/2) a Operação Bizâncio 18, no município de Nova Roma, no Nordeste goiano, com o objetivo de desarticular organização criminosa instalada na administração pública municipal voltada para a prática de desvio de combustíveis e falsidade ideológica, além de fraude em licitações.

Em cumprimento a mandados expedidos por ordem do juiz Gustavo Costa Borges, foram presos temporariamente o secretário de Administração e ex-prefeito, Robervaldo Neri Sampaio; o responsável pelo Setor de Compras do município, Wilton Jesus Vieira, o proprietário do Posto de Combustíveis Auto Posto Nova Roma, Péricles Gonçalves Teiexeira, bem como a gerente do posto, Gláucia Pereira Sousa.

A investigação realizada pelo MP detectou a existência de esquema de desvio de combustíveis para particulares na cidade, com pagamento pelo município. Os valores desviados, segundo apurado até o momento, superam R$ 500 mil.

Além de farta quantidade de documentos, foram apreendidos na operação uma arma de fogo, munição, R$ 7,3 mil em espécie e celulares. 

As investigações prosseguem com o objetivo de identificar outros envolvidos.

Participaram das diligências os promotores de Justiça Paula Moraes de Matos, Flavian Viga Silveira, Fernanda Balbinot, Julimar Alexandro, Diego Salgado e Douglas Chegury.

A operação foi coordenada pela Promotoria de Justiça de Iaciara e contou com o apoio de equipes da Polícia Civil e Polícia Militar (COD e GPT). Foram cumpridos três mandados de prisão em Nova Roma, e um mandado de prisão em Mambaí.

A decisão judicial inclui ainda nove mandados de busca e apreensão, dos quais cinco foram cumpridos na prefeitura de Nova Roma, nas Secretarias de Administração, Finanças, Setor de Licitações, Controle Interno e Compras.

O nome

Bizâncio, também conhecida como Constantinopla ou Nova Roma, tornou-se a capital do decadente império romano no século 4º, durante o reinado do imperador Constantino. Atualmente, é chamada de Istambul, a maior cidade da Turquia.

Fonte: MPGO

domingo, 18 de fevereiro de 2018

Campos Belos: Dr. Edson faz 74 anos


Por muitos anos, principalmente no início da década de 80, Dr. Édson era o mais importante e requisitado médico de Campos Belos e da região, inclusive a que hoje permanece do lado do Tocantins.

Dr. Édson salvou muitas vidas e também trouxe muitas vidas, ao realizar milhares de partos, naquela época uma novidade na região. 

Foi visionário e criou na cidade a primeira clínica particular. 

De coração grande, fez muitos amigos e admiradores.  Infelizmente, problemas de saúde o fizeram aposentar muito cedo e a abandonar a grande profissão. 

Mas o seu legado ficou para sempre. 

Neste fim de semana, diversos amigos, pessoas ligadas à saúde, médicos, enfermeiros, professores, ex-funcionários e o ex-prefeito Domingos Cardoso participaram de um arrastapé em comemoração aos 74 anos do Dr. Édson.

Entre os inúmeros participantes, Gertrudes Tavares, Dalva Brito, Anália Benevides, Almi Curcino, Leonel, Dr. Falcão, Dr. Paulo, Dra. Rita, Zé de Dino, Domingas, Tia Neide.

Este Blog reconhece a extrema importância do Dr. Edson para a comunidade  e o parabeniza por mais uma data natalícia.  

Como sempre digo, homenagens têm que ser prestadas, principalmente, para os que estão vivos. 








Educação mobiliza unidades escolares para Semana do Grêmio Estudantil no sudeste do Tocantins



A Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes desenvolve, nas 515 unidades estaduais, a mobilização da comunidade escolar para o fortalecimento de grêmios estudantis. 

A ação objetiva fortalecer a gestão democrática, por meio da reestruturação, da organização, da formação e do apoio aos grêmios.

Servidores das Diretorias Regionais de Educação (DREs) realizarão ações e atividades nas escolas para orientações e apoio das equipes escolares aos grêmios estudantis.

Os alunos serão orientados pelas equipes técnicas para reestruturação e implantação do grêmio estudantil, além de acompanhar e participar das propostas que serão elaboradas pelo grupo para o desenvolvimento das atividades no decorrer do ano letivo.

Teônia Cássia de Moura Medeiros, diretora Regional de Colinas, destacou que "a mobilização assegura, aos estudantes, o direito da representar e defender os interesses coletivos e individuais da comunidade discente. 

O Grêmio Estudantil é fundamental para o processo da construção de sujeitos ativos e responsáveis na comunidade escolar em que estão inseridos. É o aprender a exercer a cidadania”, disse.

Na quinta-feira, 15, a DRE de Colinas do Tocantins promoveu um debate com estudantes do Centro de Ensino Médio (CEM) Castelo Branco e da Escola Presbiteriana de Colinas para envolver os alunos na implementação do Grêmio Estudantil e do Clube de Protagonismo.

Segundo Eva Silvestre Araújo, aluna do CEM Castelo Branco, este debate leva a uma reflexão sobre a importância do envolvimento dos alunos no processo de desenvolvimento da escola. “Foi um momento para compreendermos o que é um grêmio estudantil, sua atuação, deveres e direitos”. 

Conforme Zenacy Zenaide de Noronha, supervisora Educacional, que coordenará as atividades nas 19 escolas da Regional no período de 19 a a23 de fevereiro, esse momento é de grande valia para entender o funcionamento e a estrutura do grêmio estudantil. 

“Apresentaremos, para os alunos, as leis que fundamentam o grêmio, sua estrutura e atribuições de cada representante. Também realizaremos uma simulação do processo eleitoral do grêmio estudantil”, concluiu.

Arraias

Em Arraias, sudeste do Estado, o trabalho de mobilização e conscientização sobre a importância do grêmio, também ocorre entre os dias 19 e 23 de fevereiro. 

Técnicos visitarão todas as escolas jurisdicionadas à Regional. As visitas ocorrerão em Paranã, Novo Alegre, Combinado, Lavandeira e Aurora.

Com uma programação diferenciada, a equipe desenvolverá ações de incentivo e conscientização dos estudantes para o Protagonismo Juvenil. 

O cronograma conta com Seminário sobre o Protagonismo Juvenil; Oficinas de produção de tapetes com camisetas usadas, confecção de puffs e luminárias utilizando materiais recicláveis, apresentação de peças teatrais e danças, musical, reuniões, palestras, campanhas de incentivo e inscrição dos candidatos ao Grêmio, apresentação cultural, Café literário com o tema Viagem ao Mundo da Leitura e torneio de Futsal.



Thaís Souza/Governo do Tocantins

Mais morte na BR-020


Mais um grave acidente foi registrado na BR-020, a rodovia da morte.

Desta vez, no inicio da noite de sexta-feira (16), no município de Simolândia, no nordeste goiano.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o acidente entre um Fiat Palio e uma carreta aconteceu próximo ao posto DDD, no perímetro urbano da rodovia.

As duas vítimas do acidente estavam no Fiat Palio, sendo uma passageira que foi transportada para o hospital pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e o motorista que veio a óbito no local.

O corpo de Bombeiros de Posse fez a retirada do corpo das ferragens e posteriormente o corpo foi encaminhado para o IML de Posse.

Com informações do Corpo de Bombeiro 

Carreta ficou em L


Uma carreta que transportava gado na GO-446, entre Posse e Iaciara, no nordeste goiano, virou em L na rodovia.

De acordo com as informações, o motorista acabou perdendo o controle e o veículo ficou em "L".

O gado foi solto em um local próximo a rodovia.

O incidente aconteceu na decida das trombas. O trânsito ficou interditado até um guincho retirar a carreta do local.

Apesar do susto, ninguém se feriu.

Com informações de Antônio Carlos 

Distrito de Pouso Alto é tema de vídeo



Estarrecedor: 20 famílias não têm luz elétrica em Campos Belos. Até quando, senhores?








"Prezado Dinomar Miranda,

Gostaria que você nos ajudasse. O setor aeroporto 2, no pé do morro, em Campos Belos, ainda não tem luz.

Nós usamos gambiarra e pagamos muito caro. Muitas vezes deixamos de comprar coisas para nossos filhos.

Há 2 anos que moramos nesta mesma situação.  A Celg diz que depende da prefeitura e o prefeito diz que não tem verba.

Até quando temos que aguentar essa situação, usando gambiarra dos outros e que a qualquer momento pode ser retirada.

Peço sua ajuda em nome de todas as pessoas. Todos somos cidadãos. Pagamos impostos como as outras pessoas. 

Ser pobre, não significa ser cidadão de outra categoria. 

São aproximadamente 20 casas, 20 famílias.

É muita gente usando gambiarra sendo que a rede de energia passa pertinho, já tentamos de tudo, abaixo-assinado, reunião com prefeito. Aaté agora nada. 

Tem uma época que eles mediram, dissera que talvez iria colocar. Mas como era tempo de eleições, eles fazem tudo para ganhar foto.

Até o prefeito passou aqui para explicar a nossa situação. Ele diz que iria fazer de tudo para ajudar e até hoje nada.

Ele só interessa em reforma quando se fala em festa. 

O que me deixa triste é ver verba pública (nossa) para ser gasta em carnaval, enquanto temos que amargar essa situação. Não é revoltante?

Você é a nossa voz. Faça nossa voz chegar aos ouvidos do prefeito de Campos Belos. É nossa única esperança."

Motorista de acidente na BR 020 foi velado e enterrado em Brazlândia


Cerca de 100 pessoas, entre familiares e amigos, se reúnem nesta sexta-feira (16/2) no Cemitério Campo da Esperança de Brazlândia para se despedir do motorista Edson Lopes Lima, 47 anos. 

Ele dirigia o ônibus que se envolveu em um grave acidente na BR-020, no km 45, próximo à cidade de Formosa (GO). O enterro está agendado para às 16h.

Edson Lopes Lima era natural de Padre Bernardo (GO) e trabalhava como motorista de ônibus há 20 anos. 

Segundo familiares, Edson fazia parte de uma família de sete irmãos, sendo quatro homens e três mulheres. Ele era pai de dois filhos, um de 30 anos e uma bebê de um mês. Morava em Valparaíso (GO).

Amigos e familiares o descrevem como uma pessoa responsável, alegre e muito honesta. Contam ainda que viajar era uma das paixões de Edson. 

“Ele era muito feliz, nunca cheguei a vê-lo triste e gostava muito do trabalho que fazia e era muito honesto. Ele vai fazer muita falta" , lamenta Manel Pereira dos Santos, 48 anos, agricultor, amigo de Edson há mais de 20 anos. 

Colegas de trabalho de Edson contam a empresa tem procedimentos internos a serem seguidos antes da viagem e que o motorista cumpria as normas. 

“Antes de viajar, os motoristas têm que soprar o bafômetro. Edson cumpria as descansos e as trocas de turno”, informou Magnus Medeiros, 49 anos, motorista de ônibus que trabalhava com Edson.

"Ele era incapaz de cometer qualquer imprudência, não sabemos o que houve, mas ele pode até ter tomado algum medicamento, algo ter feito ele passar mal, mas temos certeza que ele nunca faria, e não fez, o que estão dizendo de ter cometido qualquer imprudência", defendeu Adel Crispim, motorista e colega de trabalho de Edson. 

Fonte: CorreioWeb